Connect with us

#OMG

De frente com Raony! – Entrevista com o criador de Girls In the House

LOJA DC 4

De frente com Roany? Sim!

Quem aqui ainda não conhece Girls in the House? A série é feita por Raony Phillips no youtube e tornou-se viral com seus memes. Então antes que você diga “eu não conheço” vá no twitter e com toda certeza você vai encontrar coisas como “Duny sincera” e memes como esse:

A questão aqui é, Raony Phillips escreveu um livro sobre a personagem Duny da série (para quem não conhece é essa loira aí) e será lançado pela editora Intrínseca, e não para por ai, a editora organizou uma entrevista coletiva com o Raony e, claro, o Cabana do Leitor marcou presença.

Então, aí vai muita coisa interessante!

1_De onde veio a sua inspiração para Girls in the house?

R) Surgiu quando eu era novo, lá pela quarta série, mais ou menos, comecei a criar historias de alguns gêneros e quando chegou 2006, eu criei o Girl Power e o tempo foi passando e fui ficando mais “doido” da cabeça e acabei criando essa historia. O the sims foi a plataforma mais próxima para realizar esse desejo. De todas as histórias Girls in the House foi a mais próxima de Girls Power.

2_Como você se sentiu depois da explosão de Girls in the House?

R) Quando eu comecei eu não tive muito retorno e dei uma parada, mas depois quando voltei fiquei bastante motivado com a quantidade de pessoas e fui me animando a continuar.

3_As pessoas te reconhecem na rua?

R) Sim, mesmo não aparecendo no canal as pessoas me reconhecem bastante na rua, o que é muito surreal!

4_ Você sempre gostou de dublagem?

R) Sempre gostei de desenhos animados e meu sonho era produzir meu desenho e também sempre quis ser ator, mas nunca me vi em uma dublagem de um personagem. Então foi algo que aconteceu e deu super certo!

5_ De onde surgiu a Duny?

R) Duny é uma personagem que foi criada para falar o que pensamos e muitas vezes não dizemos, ela é diferente dos personagens de filmes. Por exemplo, em uma série de terror se ela ouvir um barulho na casa em vez de ir checar ela vai é trancar o quarto.

6_ É preciso ver a série para entender o livro?

R) Não já que a Duny explica muita coisa, alguns assuntos que não foram explorados na série no livro estão em destaques e o conta a historia antes mesmo da Duny entrar para a pensão. É claro que é um complemento para quem vê a série.

7_Como foi levar a Duny para o livro?

R) Eu tive que incorporar ela para ser verídico, sabe quando você lê com a voz da pessoa na cabeça? Pois é!

8_Como você reage a uma crítica?

R) Depende muito do dia, as vezes já estou mal e leio algo assim, mas tem dia que eu estou tão bem que não ligo muito.

9_Como é fazer essas dublagens?

R) Não são só vozes, são personagens! Cada uma carrega sua própria personalidade!

10_O que devemos esperar do livro “Meu livro. Eu que escrevi”?

Diversão! O livro é a Duny (se fala Dani) em pessoa, ele é aquele caso de ler e ouvir a voz do personagem sabe? É uma autobiografia muito diferente e completamente atual, bem como a Duny. Ele trás historias sobre antes dela entrar para a pensão e conta muitas coisas que já aconteceram com ela. Então realmente, diversão é a palavra certa!

Então galera, dia primeiro de agosto esse maravilhoso livro será lançado, eu não sei vocês mas estou muito ansiosa para descobrir as loucuras da Duny! E sobre Raony Phillips? É só elogio para esse rapaz divertido e criativo, quem mais surgiria com essa ideia de uma série que puxa assuntos do nosso dia misturada com a fantasia?

E ai, o que achou??? Comente!

 

LOJA DC 4

Tantos desafios a gente enfrenta, mas nada comparado ao que o mundo da leitura e seus personagens já passaram. Carioca e perfeitamente viciada em ler.

Comments