Connect with us

cinema

“Guardiões da Galáxia Vol.2” é muito foda

LOJA DC 4

Um dos carros chefes da Marvel, “Guardiões da Galáxia” mostrou que veio para se firmar como referência nessa onda cinematográfica do mundo dos super-heróis. A continuação do longa veio com a responsabilidade de manter o alto nível de seu antecessor, com uma fórmula divertida, sarcástica, cheia de ação e cores, e o diretor James Gunn conseguiu trazer mais de todos esses elementos em “Guardiões da Galáxia Vol.2”

Após salvarem a galáxia do vilão Ronan, os guardiões Senhor das Estrelas (Chris Pratt), Gamora (Zoe Saldaña), Drax (Dave Batista), Rocky (Bradley Cooper) e Baby Groot (Vin Diesel), vivem fazendo bicos pelo universo a fim de juntar uma grana ou qualquer outra recompensa que eles achem significante. A primeira cena do filme já mostra o que vamos ver no decorrer da trama: muita ação, cores, piadas sarcásticas, músicas dos anos 80, Baby Groot roubando a cena, discussões entre Rocky e Peter Quill, Gamora e todo seu girl power e as brilhantes inconveniências de Drax.

Embora sejam vistos agora como heróis, alguns integrantes da equipe não conseguem deixar de serem os “babacas” que a gente tanto ama, então obviamente Rocky acabou metendo todos em uma grande confusão e como se não bastasse Yondu (Michael Rooker) e seus comparsas estarem atrás dos guardiões desde de que eles roubaram a joia infinita do saqueador, uma nova raça da galáxia, considerada a mais “perfeita” de todas por seus métodos avançados de criação, também entra no páreo de perseguições.

Foto: Divulgação

Em meio a toda essa confusão, eis que Peter Quill se depara com um ser todo poderoso que se revela ser a pessoa que ele mais queria conhecer na vida: seu pai, Ego (Kurt Russel). James Gunn conseguiu resolver bem a questão do ser Ego, que nos quadrinhos é um planeta, mas no filme também tem sua representação humana. Não ficou algo forçado e o roteiro conseguiu ser consistente nessa mudança, sem alterar a representação do personagem.

No decorrer da trama, todos os personagens são aprofundados no quesito emocional, revelando o lado fraco e forte de cada um deles, o que nos aproxima ainda mais dos guardiões da galáxia. Muito desse contexto foi enfatizado pela personagem Mantis (Pom Klementieff), uma poderosa telepata que consegue sentir ou manipular o sentimento das pessoas, tornando possíveis cenas hilárias como a revelada em um dos trailers do longa que mostra ela falando sobre os sentimentos de Peter por Gamora. Mas a criaturinha de antenas se mostrará mais poderosa e decisiva no decorrer do filme.

Sobre as atuações, os níveis se mantém e os novos atores como Russel e Sylvester Stallone só agregam nesse quesito. A fotografia colorida do espaço é incrível, mas as vezes nos faz perder um pouco o foco da cena, pois são tantas informações ao mesmo que tempo que dá para se perder. E o 3D não vale a pena.

Ego (Kurt Russell) Crédito: Chuck Zlotnick/ Marvel Studios 2017

Em “Guardiões da Galáxia Vol.2” somos apresentados a fita “vol.2” da mãe de Quill, que traz uma trilha sonora tão envolvente e conveniente para as cenas em que são introduzidas como no primeiro longa. Mais sucessos dos anos 80 entram no fundo das cenas de maior ação do filme, nos trazendo várias risadas.

Uma das tramas desenvolvidas no longa é a questão das irmãs Gamora e Nebulosa (Karen Gillan), e ambas mostram que na galáxia não existe mulher fraca. Se você quer ver porradaria, são elas mesmas que vão te fornecer isso. Mesmo que nas entrelinhas exista o lance amoroso de Peter Quill e Gamora, essa questão não foi prioridade no desenvolvimento da filha adotiva preferida de Thanos, o que nos mostra que cada vez menos as heroínas dos quadrinhos estão sendo romantizadas e seus valores e poderes estão sendo respeitados na tela.

Engana-se quem acha que “Guardiões da Galáxia Vol.2” só vai te fazer rir. O filme nos traz momentos emocionantes também, muito bem amarrados por Gunn em meio a uma fotografia tão alegre. Se você for muito manteiga derretida pode até rolar de escorrer uma lágrima, pois um personagem em especial vai sofrer uma reviravolta emocionante no filme. Palpites?

Importante. O filme possui QUATRO cenas pós créditos! Embora produtores tenham informado que terão cinco cenas, na sessão da imprensa tivemos apenas quatro. Por via das dúvidas, fique até o final. MESMO. As cenas nos trazem momentos divertidos e revelam o próximo grande vilão da franquia!

“Guardiões da Galáxia Vol.2” estreia dia 27 de abril nos cinemas.

 

LOJA DC 4
Comments