Connect with us
LOJA DC 4
LOJA DC 4

Em Agosto de 2014, éramos apresentados pela primeira vez ao teaser jogável que sacudiria as estruturas dos amantes de títulos de terror, colocando jogadores de todo o mundo conectados numa ansiedade febril por desvendar os mistérios de P.T. – prévia do próximo jogo de terror da Konami, Silent Hills. Entretanto, mesmo com o sucesso arrasador de P.T., a produtora anunciou o cancelamento do jogo, com a saída de Norman Redus, Guillermo Del Toro e, principalmente, o game designer Hideo Kojima do grupo de desenvolvimento, um golpe que os fãs – ávidos por uma continuação de uma das franquias de terror mais respeitadas – ainda se recusam a aceitar.

Mas este ano a Bloober Team SA chega voraz, aproveitando esse desejo latente dos fãs para lançar um jogo indie que promete preencher a lacuna deixada após a extinção de P.T.. Estamos falando de Layers Of Fear, um jogo de terror em primeira pessoa que coloca o jogador na pele de um pintor decadente, em busca de retomar sua inspiração para compor uma última obra prima arrebatadora…

Screenshots do jogo tirados pela autora

Screenshots do jogo tirados pela autora – clique na imagem para visualizar

Enquanto explora a casa, detalhes da vida do protagonista vão lentamente se revelando em cartas e bilhetes bem comuns. Após adentrar o ateliê do artista, contudo, o jogo sofre uma virada repentina, e então engatilha no suspense e na loucura de forma rápida e irreversível. E pense você que vai ter algum descanso: a cada novo material recolhido para a montagem de sua obra prima e a cada novo detalhe grotesco da vida do pintor revelado, o jogo mergulha cada vez mais numa espiral descente de terror e insanidade, numa mistura de Amnesia: The Dark Descent com a estética das obras de Caravaggio, alternada com cenários surrealistas que parecem ter vindo de uma bad trip terrível.

Layers Of Fear tem uma pegada similar a P.T., onde você explora uma casa em constante mudança, ora repetindo o mesmo percurso a cada nova porta aberta, ora voltando pela porta que acabou de atravessar e se deparando com algo completamente diferente do que você esperava. Não há puzzles e é fácil passar de um cenário a outro, raramente deixando o jogador travado em algum cômodo sem saber o que fazer. O jogo tem uma trilha sonora que harmoniza com cada mudança de ambiente e de estado de ânimo do protagonista, mas prima principalmente pela construção dos cenários, que remetem e misturam os estilos de pintores famosos referenciados na própria obra, tornando o jogo um verdadeiro trabalho de arte – nada mais justo, tomando o tema da história, e uma sacada bem feita pelos desenvolvedores. Fora a beleza de Layers Of Fear, o trabalho com os “bugs” na tela acentua a impressão de que você está perdendo o controle sobre si e de que sim, você está prestes a tomar aquele susto de pular da cadeira. O jogo atualmente está disponível na Steam ainda em estado de early access, o que significa que mudanças ainda virão conforme o feedback do público até que uma versão final seja lançada. Muito bom: se em fase de desenvolvimento o jogo já tem 97% de aprovação na comunidade da Steam, podemos esperar muito mais terror por vir!

Screenshots do jogo tirados pela autora do texto

Screenshots do jogo tirados pela autora – clique na imagem para visualizar

 

Trailer “Madness” – Layers Of Fear:

LOJA DC 4