Connect with us

#OMG

O Netflix quer globalizar toda a programação

LOJA DC 4

Netflix está trabalhando em tornar o seu conteúdo disponível em todo o mundo, eliminando a necessidade do uso de VPNs para transmitir certos filmes e séries de TV.

Se você já tentou usar a sua conta do Netflix em outro país, você experimentou em primeira mão o quanto o conteúdo que você pode encontrar em diferentes países varia.

Não só você vai encontrar mais conteúdo específico da região, dependendo da sua localização (se você for, por exemplo, na Dinamarca, o Netflix pode estar cheio de shows escandinavos e filmes), mas às vezes grandes blockbusters variam de um país para outro.

Isso tem muito a ver com os direitos de distribuição, acordos regionais da rede e do direito internacional; tudo baseado em um modelo de distribuição de mídia pré-internet. Mas o Netflix quer quebrar essas restrições arcaicas e finalmente, trazer a internet para o século 21.

A Netflix americana não tem Homem de Ferro 2. A versão britânica tem, por razões aparentemente inexplicáveis. E onde a Grã-Bretanha tem Breaking Bad  a versão dos EUA tem Friends .

Naturalmente, os assinantes da Netflix que sabem os programas que existem em outro país tem acesso ao conteúdo que eles querem, estão propensos a buscar formas alternativas para ver estes conteúdos. Afinal de contas, eles (tecnicamente) já pagam para vê-la.

Um monte de pessoas usam VPNs (redes virtuais privadas) para verem um conteúdo bloqueado na sua região. Netflix está bem ciente disso. Mas o CEO Reed Hastings nota (como citado pelo The Independent), “A coisa do VPN é um pouco pequena em comparação com a pirataria. A pirataria é realmente o problema em todo o mundo”.

Em vez de tentar fechar as VPNs o Netflix está agora trabalhando para tornar o problema de bloqueio de conteúdo por região obsoleto.

“A solução básica é deixar o conteúdo do Netflix globalizado”, explica Hastings. “Então, podemos combater contra a parte mais importante, que é a pirataria.”

Estamos ansiosos para ver como isso vai se desenrolar!

 

LOJA DC 4
Comments