Connect with us

Com informações da AFP, uma representante da ONU pediu ontem no Japão a proibição de mangás e ilustrações de caráter sexual envolvendo menores.

04_001

Maud de Boer-Buquicchio, lamentou que as autoridades japonesas não tenham chegado a proibir, na legislação vigente desde o ano passado, os desenhos envolvendo crianças. Ainda que sejam virtuais, “esses conteúdos pedófilo-pornográficos extremos deveriam ser proibidos”, disse em Tóquio. O problema é que grande parte dos editores é contra à ideia de proibir os quadrinhos e animações que exibem algum tipo de sexualização infantil, com o pretexto de que é difícil definir exatamente o que é ou não pedofilia e pornografia.

No ano passado foram registrados no Japão 1.828 casos de pornografia infantil, afetando a um total de 746 crianças, segundo as autoridades japonesas.

Produtor, escritor nas horas vagas, administrador, editor e fundador do site CDL.

Continue Reading
Click to comment

Copyright © 2018 Cabana do Leitor.