Connect with us
LOJA DC 4

Assim que você fala “Batman,” a maioria das pessoas vão dizer ou “Robin” ou “Coringa”. Batman e Coringa são dois lados da mesma moeda, afinal, um com a própria psicose levando-os para a ordem e a eliminação do crime, e do outro lado um indo em direção ao caos e à propagação de crime. É natural, então, que quando Gotham foi anunciado, prometendo a história da origem da própria cidade, e, eventualmente, do Batman, muitos fãs queriam saber instantaneamente quando a origem do Coringa seria abordada.

Antes assista o nosso video abaixo:

Bruno Heller, o showrunner, e outros escritores e produtores têm continuado a jogar combustível no fogo. Promessas iniciais eram de trazer Coringa muitas vezes antes de finalmente revelar o vilão. Um stand-up em uma boate de Fish Mooney foi o primeiro. Então nós tivemos Cameron Monaghan e sua risada assassina. A quadrilha do Capuz Vermelho veio em seguida, e o motim no Arkham fez as pessoas dizerem “E isso é tudo parte do plano”

Heller, no passado, disse que “nós vamos arranhar a superfície” da história do Coringa. Ele então disse especificamente que Monaghan e seu personagem Jerome, “Ele pode ser ou não ser o Coringa. É um jogo longo que estamos jogando aqui.” Sua maior dica, no entanto foi essa, logo depois que o comediante apareceu, Heller disse: “O Coringa não pensa em seu shtick sozinho”

Finalmente, na Comic-Con: San Diego em julho passado, esta pequena joia dita por Heller e por seu companheiro Danny Cannon, eles estavam falando do Jerome.

“Temos um pouco de uma provocação do Coringa na última temporada”

Ele está no Arkham, e Barbara Kean é colocada na mesma ala, que é para o pior do pior. E um evento acontece, o que permite a eles terem um pouco mais de envolvimento nos próximos episódios.

Heller: Ele começa a cumprir seu destino em uma maneira muito grande “.

Coloque essas duas últimas partes juntas e qual é o resultado? O primeiro indício real de que Gotham poderia fazer algo louco (louco e impressionante): fazer Barbara Kean se torna o Coringa!

Nós já sabemos que o mundo de Gotham é diferente de qualquer outro no Universo DC que já vimos antes. Graças à história do multiverso – versões diferentes do universo onde por vezes as coisas são apenas ligeiramente modificadas e às vezes eles mudam drasticamente – temos ficado familiarizados com este conceito na DC Comics  e conceitos se encaixam em seus próprios mundos de maneiras originais. Gotham, por exemplo, tem um Edward Nygma que trabalha no GCPD. Tem uma jovem Selina Kyle, Bruce Wayne, e “Ivy”, que são todos amigos – ou, pelo menos, tem uma relação amigável. Em outras palavras, nada sobre Gotham tem de a ir da mesma forma que podemos ver nos quadrinhos que a inspira, e é isso que faz a série  ser emocionante.

É também o que lhes permitiria ir em uma direção muito diferente para com o Coringa. No universo de Flashpoint, foi Bruce que foi assassinado, em vez de seus pais, seu pai se torna o Batman e sua mãe se torna o Coringa. Isso traz uma ligeira inspiração que poderia ser usado um novo Coringa aqui. Nos episódios finais da primeira temporada de Gotham, é seguro dizer que Barbara Kean se perdeu. 

Os momentos que tornam Barbara a principal suspeita são sutis. É tudo muito ligeiro, o pequeno sorriso de Barbara. A primeira vez que vemos este sorriso aterrorizante atingir os lábios é quando Ogre mostra a ela a sua sala de tortura. Ela pisca novamente, duas vezes, quando ela conta a história de seus pais para Lee. É este pequeno sorriso que poderia ser o grande momento prenunciado por nós.

A outra pista vem com o fato de que ela e Jerome compartilham momentos no Arkham, o que nos traz de volta a essa citação: “O Coringa não pensa em seu shtick sozinho, deve ter havido alguém antes, para o Coringa vir e pensei, ‘Oh, isso é um bom espelho que poderiamos usar.’ Eu poderia trabalhar nisso torná-lo melhor.”

Então vai Barbara Kean, em vez de se tornar a esposa de Jim Gordon, virar o pior inimigo que Gotham City já viu? Nós vamos ter que assistir 2 temporada de  Gotham para descobrir.

Gotham 2 temporada começa 21 de setembro de 2015 na Fox.

Este artigo foi publicado originalmente na ComicBook

LOJA DC 4
Comments