Connect with us
LOJA DC 4

A Vertigo Comics já foi a “casa” de roteiristas dos mais variados gêneros. Conhecida como a divisão adulta da DC Comics, a Vertigo já teve roteiros escritos por Alan Moore, Neil Gaiman, Brian Azzarello, Garth Ennis, entre outros. Este último foi responsável pela saga do pastor Jesse Custer, ao lado do vampiro Cassidy e da sua ex-namorada e assassina Tulipa O’Hare, em busca de Deus na série “Preacher”.

Preacher teve 75 edições lançadas entre os anos de 1995 e 2000, sendo que 66 foram às edições mensais, uma foi à minissérie “O Santo dos Assassinos” em quatro partes e ainda teve mais 5 edições especiais. No Brasil, as edições chegaram a ser lançadas pela Devir Quadrinhos e atualmente foi publicada pela Panini Comics em nove volumes encadernados.

Mesmo sendo uma revista com conteúdo polêmico, Ennis não tardou a vender os direitos de filmagem à empresa Eletric Entertainment. Esta, mesmo com três rascunhos do roteiro escritos por Garth Ennis – baseado no primeiro arco de histórias “A Caminho do Texas” – não conseguiu vender o projeto para nenhum investidor, pois achavam-no extremamente controverso por conta da violência e a visão deturpada sobre religião.

Ennis então se uniu a Kevin Smith (O Balconista) e Scott Mosier (O Balconista II), que com sua empresa View Askew Productions ajudaram a financiar o projeto, que foi preparado para Bob Weinstein (A Dama Dourada), quando este – ao lado de seu irmão Harvey Weinstein – era proprietário da Miramax Films. Só que devido a problemas de divisão de lucros, o projeto não foi pra frente. Em setembro de 2001, a Eletric Entertainment e a produtora inglesa Storm Enterteinment, conhecida por filmes independentes conseguiram luz verde para dar continuidade ao filme, com direção de Rachel Talalay (Doctor Who), produção de Rupert Harvey (Criaturas) e Tom Astor (Dr. House), além do envolvimento da empresa de Smith e Mosier. As filmagens se iniciariam em novembro, mas problemas financeiros terminaram adiando o início, que nunca ocorreu de fato. Havia até o envolvimento do ator James Marsden (X-Men) no papel de Jesse Custer.

Preacher-2

Em 2006, a HBO encomendou um piloto para a TV, escrito por Mark Steven Johnson (Motoqueiro Fantasma) e dirigido por Howard Deutch (The Strain) – que também produziriam a série. Tudo estava caminhando certo para que a série estreasse pelo canal, tanto que Johnson além de adaptar cada revista em uma hora de episódio, ainda criou com Ennis novas histórias para serem introduzidas. Mas devido às controvérsias religiosas e a obscuridade das histórias, a HBO abandonou o barco em agosto de 2008.

Em novembro de 2013, o canal AMC anunciou que iniciaria o projeto da série “Preacher”, com um piloto produzido por Seth Rogen (Steve Jobs) e Evan Goldberg (A Entrevista) e escrito por Sam Catlin (Breaking Bad). Depois surgiram os nomes dos atores que estariam interpretando os personagens principais: Dominic Cooper (Marvel’s Agent Carter) como Jesse Custer, Joseph Gilgun (Sequestro no Espaço) como o vampiro Cassidy e Ruth Negga (Marvel’s Agents of S.H.I.E.L.D.) como Tulipa O’Hare; além dos atores Ian Colletti (Matemática do Amor) como Cara de Cu e W. Earl Brown (True Detective) como o xerife Hugo Root. Eis então que surge o primeiro trailer da série no começo do mês de novembro de 2015, mostrando que o canal AMC estava levando a sério o que prometera.

Preacher – Trailer LegendadoPreacher – Trailer LegendadoDesculpem, pelo trailer muito melhor que Lúcifer da nossa querida FOX.

Posted by Cabana do Leitor on Segunda, 2 de novembro de 2015

O trailer nos apresenta vários dos personagens que são costumeiros na série em quadrinhos. Temos vislumbres de personagens como Santos dos Assassinos, Tulipa, mas principalmente vemos Jesse Custer e Cassidy. Se nos prendermos nas caracterizações, muitos irão contra o que é visto, pois o Cassidy de Gilgun não usa o famoso óculos escuros do personagem, sua marca registrada, que ele nunca tira. Dominic Cooper mantém um bigode e cavanhaque, o que diferencia um pouco do rosto sempre sem barba de Custer nos quadrinhos. Mas não vamos nos prender a isso, mas sim a tensão que o trailer aparenta demonstrar, já que de início vemos Custer sendo abordado por um garoto que deseja que o pastor agrida seu pai. Custer então apresenta as cenas do que poderá ser o primeiro episódio da série, mostrando vislumbres de cenas que se assemelham com a história em quadrinhos. O clima do trailer demonstra que, possivelmente, a série levará toda a tensão e controvérsia que a série em quadrinhos sempre teve. Ponto novamente para a AMC quanto a isso, pois enquanto muito desistiram de fazer a série por causa disse, ela buscou se arriscar e investiu nessa ideia.

Vejo “Preacher” causando polêmicas dentro em breve nas sociedades conservadoras estadunidenses, pois o trailer não mostra nem uma terça parte do que esta poderá vir a se tornar. Se a nova série da AMC que deve estrear em 2016 será um sucesso, somente o tempo dirá, mas parece que o canal de TV pretende garantir mais um sucesso em suas fileiras, como conseguira com “The Walking Dead” e seu prequel “Fear The Walking Dead”.

LOJA DC 4

"SE tiver que morrer, morra sorrindo!" "Eu acredito que, o que não mata, nos deixa mais... Estranhos!" "Vi Veri Veniversum Vivus Vici"

Comments