Connect with us

Livros

Resenha: “SEIS ANOS DEPOIS” – HARLAN COBEN

LOJA DC 4
seis anos depois2
Confesso que nunca tinha me ligado nos livros do Harlan Coben, porque não “faziam meu gênero”. Mas depois de devorar uns quatro livros da série da J. D. Robb (aka Nora Roberts), resolvi dar uma chance ao romance policial. Ano novo, livros novos… Sabe como é.Mas eu não me arrependi, essa é a boa notícia. E provavelmente vou ler mais livros dele, porque o “Seis Anos Depois” é bem legal mesmo. O que eu mais gostei na história inteira foi o personagem principal, o professor Jacob Fisher.Não sei porque, mas o livro era tão bom que em determinada parte da história, comecei a ver o Jake sendo interpretado pelo Chris Hemsworth, e aí me ajudou a entrar realmente na história. Sim, eu tenho esse problema de ficar imaginando atores nos personagens e vendo como o livro daria um ótimo filme, o que aliás, me faz pensar que “Seis Anos Depois” deveria com toda a certeza virar um longa. Mas, voltando à questão principal, eu me identifiquei muito com o Prof. Fisher porque ele é sarcástico. Eu adoro quando os autores colocam seus personagens com um pouquinho de humor, porque torna a narração inteira muito mais divertida. E eu não sei você, mas eu adoro quando é em primeira pessoa. Me sinto ainda mais conectada com o personagem, e dá para entender ainda mais como ele passa por todas as situações.Bom, como dá para imaginar, a história começa nesses “seis anos atrás” de que o título faz menção. Nos vemos em um casamento e por ironia do destino, a ex namorada de Jake está se casando. E ele está lá para ver tudo. Como se não bastasse, ela arruma um jeito de dizer a ele que se mantenha longe dela e ele, todo magoado, parte para sua vida. Seis anos depois, ele se torna professor de Ciências Políticas na Lanford College, onde leva uma vida – para dizer o mínimo – bem pacata. Só que é claro que nem o tempo levou embora o que ele sentia pela sua ex namorada Natalie, e isso se torna ainda mais problemático quando ele descobre que o noivo dela foi assassinado. É claro que, a partir daí, as engenhosidades da mente masculina começam a trabalhar. Não que ele não quisesse prestar suas condolências, é claro. Mas a maior parte de sua recente curiosidade e vontade de aparecer no enterro do marido de sua viúva ex namorada, era simplesmente porque ele estava enxergando bem ali uma chance de “retomar” o romance. Nada a declarar, certo? O amor faz mesmo essas viagens em nossas mentes quando estamos apaixonados E com dor de cotovelo. Mas enfim. Ele tinha a oportunidade de reencontrar sua velha paixão, mas e a promessa que havia feito? Ele era um homem de palavra e extremamente certinho, o professor Fisher. Então, em uma súbita impulsividade, ele vai até o enterro. E descobre que o senhor Todd Sanderson tinha uma família e dois filhos, e nada ali mostrava um resquício de sua querida Natalie. Mas sua mente já foi pega pela curiosidade eminente do caso, e ele começa a vasculhar aquilo, entrando em um território perigosíssimo.

Ele usa um contato de uma professora que já havia trabalhado para a CIA e para o FBI, Shanta Newlin, e decide descobrir onde sua garota está, mas para sua total decepção, não existem registros de que ela sequer esteja viva. Estamos em um daqueles filmes agonizantes em que o mocinho tem que provar para todos que a pessoa existiu mesmo?! Mais ou menos. Dada como desaparecida e sem nenhuma pista, Jacob de repente se torna uma espécie de “agente secreto” (o que o amor não faz, né?) e começa a vasculhar o passado de todos os envolvidos. Para se ter uma ideia, o nosso professor nerd acaba sendo sequestrado e mata um dos capangas mais procurados do Estado! E tenho que dizer que, graças à sua mente repleta de livros e mais livros, ele consegue pensar muito bem para alguém que se torna perseguido por milhares de grupos que o querem morto. As descobertas o levam para uma Instituição de caridade de fachada, que na verdade era o lugar onde, seis anos antes, ele havia conhecido Natalie. E como se não bastasse, ele descobre uma coisa muito curiosa a respeito de muitas pessoas que estão bem próximas a sua vida, inclusive. “Nem tudo é o que parece ser”, não é isso que dizem? E Jacob acaba vendo que isso é verdade pelos seus próprios olhos.

Além de ser um livro da minha amada Editora Arqueiro, Harlan Coben é um ótimo escritor. Ele nos leva a lugares comuns, de histórias de “suspense” que podem realmente acontecer por aí, e nos dá uma trama completamente envolvente, com personagens ainda mais interessantes. De uma coisa você pode ter certeza: não dá para parar de ler Harlan Coben, e apesar de eu ter baixado esse livro para ler no LEV porque ele tinha uma “história de romance”, vou querer ler os outros deles simplesmente porque ele é bom no que escreve. Então se você está procurando uma leitura que te prenda, com uma narração irreverente e divertida, aposte neste livro!

 ISBN: 9788580412536
Ano: 2014 / Páginas: 267
 Autor: Harlan Coben
Editora: Arqueiro
Comments