Connect with us

Fandom

Shadowhunters | Review 2×07 “How Are Thou Fallen”

LOJA DC 4

Como fã dos livros, posso dizer que o episódio “Como Você Sucumbiu” foi o melhor de todos até agora. E caso não tenha lido, também deve ter achado muito bom. Espero que já tenha assistido ao episódio para ler o review, pode conter spoilers. Vamos lá!

Primeiro, falando de uma forma geral, o episódio seguiu em um ritmo energético, que me deixou ligada em todas as cenas. Cada cena e cada diálogo tiveram sua importância, esclarecendo ou deixando mais dúvidas no ar. Esse é provavelmente o review mais complicado para eu fazer, pois é muito difícil seguir a linha imparcial quando eu estou tendo meus surtos de fã.

Resumindo, foi incrível. Os novos produtores entraram em sintonia com os livros, mesmo se distanciando do mesmo aos poucos.

No início do episódio, Cleophas está indo até mais um dos esconderijos de Valentine. Ele diz que ela é uma traidora e para provar que ainda é leal ao Ciclo, a ex Irmã de Ferro conta sobre a habilidade da Clary e diz que vai trazê-la para o vilão. Valentine não fica surpreso em saber dos poderes da filha, já que ele mesmo os causou. Então vemos uma cena de Valentine com um anjo: Ithuriel!

Preciso dizer o quanto eu surtei sobre isso, por ser uma história dos livros. Acredito que sem muitos spoilers, Valentine mantinha Ithuriel preso em cativeiro e foi o sangue dele que ele injetou em Jocelyn quando ela estava grávida de Clary e por isso, o anjo consegue se comunicar com ela, enviando as imagens das runas.

Vemos mais disso no decorrer do episódio, quando Clary está no Instituto e começa a ouvir um choro de dor que ninguém mais ouve. Ela então vai até Luke, o convencer de procurar Cleophas, achando que Valentine teria machucado-a e Luke a alerta que a irmã fazia parte do Ciclo também.

Cleophas se corta com um Lâmina Serafim e vai até o Jade Wolf atrás de Luke, onde os dois tem um momento de discussão carregado de remorso por ela nunca ter aceitado Luke depois da transformação. Clary tenta convencer Luke de usá-la para chegar em Valentine e ele não aceita, dizendo que vai entregá-la para a Clave. Clary utiliza uma arma de choque em Luke e foge com Cleophas.

Quando o Anjo Ithuriel se comunica com ela novamente, Cleophas percebe que os valores de Valentine estão distorcidos e se  volta contra ele, pois torturar um ser puro e celestial é imperdoável.

Jace, por outro lado, está evitando Clary e seu trabalho a todo custo. Depois que Victor o fez querer deixar o Instituto, ele se instalou na casa de Magnus e está lá apenas para nos mostrar que é um péssimo colega de quarto. Ele interrompeu Malec algumas vezes e estava na cama com uma fada.

E isso não poderia ser mais Jace! Sempre disse que o problema com o personagem era o roteiro e agora, finalmente, Dominic pôde mostrar porque foi escolhido.

A interação entre Jace e Simon foi ouro puro. De todos os bares do Brooklyn, Jace escolheu para farrear o bar em que Maia trabalha. O Jace sarcástico e convencido esteve presente em todas as cenas. Ele tentou fazer Simon ser melhor com garotas, ainda jogou umas indiretas sobre Clary, mas os conselhos foram péssimos. O que nos leva a Maia e Simon.

Os dois deveriam ter um encontro, mas Simon chegou cedo de mais e encontrou Jace. Na hora do encontro mesmo, ele estava agindo como um babaca, o que só funciona para o Jace mesmo. Então, Maia foi embora. Quando Simon percebeu que não deveria ter seguido os conselhos de Jace, foi se desculpar do seu jeito nerd e maravilhoso.

Maia, que eu já falei que não gosto nos livros, está sendo maravilhosa na série e foi muito madura com tudo o que aconteceu. Ela também encorajou Simon a dizer seus sentimentos para Clary e mesmo que não seja meu casal preferido, sabemos que é provável acontecer.

Enquanto isso, Isabelle está obcecada por Yin Fen e está indo atrás de qualquer um para conseguir mais, com Aldertree longe do Instituto. Eu estou preocupada, de certa forma, mas acredito que ela irá receber ajuda e dará a volta por cima, voltando mais forte do que ela já é.

Malec nesse episódio foi bem intenso. Primeiro tivemos uma cena deles voltando do Japão e Alec entrega um presente para Magnus. Foi a coisa mais linda! Então Alec decide que quer seguir para o próximo passo, o passo do sexo e pede conselhos a Izzy. Ele volta para o apartamento de Magnus cheio de atitude e a cena é cortada.

Abre parêntesis

Eu vi muita gente nas redes sociais falando que se aconteceu, não foi consensual, pois Alec não se importou com o que Magnus queria. O que eu tenho a dizer sobre isso? Primeiro, eu acho que não aconteceu nada entre eles. Baseando-me em Magnus, que simplesmente pode ter afastado Alec e pela promo do próximo episódio, onde Jace e o feiticeiro estão conversando.

A questão é que sem saber exatamente o que aconteceu, estão fazendo suposições com algo muito sério que eu tenho certeza que não colocariam na série dessa forma. Então, só peço que tenham cuidado com as acusações feitas.

Fecha Parentesis

De volta ao plot do episódio, quando Luke se recupera, ele vai até o Jace desinteressado e é só mencionar que Clary corre perigo que ele vai na hora. Jace pode tentar esconder o que sente com outras, mas no fim das contas, Clary sempre vai ser mais importante.

Tivemos uma cena de Luke com Valentine, e Valentine o chamando de “Parabatai” foi forte. Uma ótima cena e eu só posso pedir por mais nos próximos episódios.

Enquanto isso, Jace e Clary tem uma cena de luta magnífica onde os dois matam um membro do Ciclo juntos e alcançam o Anjo, que estava acorrentado. Os dois libertam Ithuriel que os mostra uma visão e volta para o céu. É a visão de algo tocando em uma Espada e se desintegrando. Eu não tenho muito a dizer sobre isso, só que eu estou ansiosa.

No livro, o Anjo mostra a história de Valentine e a verdade sobre Jace, o que me deixa curiosa pra saber como eles irão mostrar isso na série.

Os planos de Valentine foram frustrados e agora ele precisar partir para a próxima maldade.

Espero que tenham gostado do review, comentem comigo suas opiniões e confiram a promo e os sneak peeks do próximo episódio:

Estudante de Jornalismo, apaixonada por escrever, maratonar séries e ouvir música. Caçadora de monstros com Sam e Dean nas horas vagas.

Comments