Connect with us

Fandom

Shadowhunters | Review 2×10 “By The Light Of Dawn”

LOJA DC 4

O episódio de terça passada marcou o fim da meia temporada atual de Shadowhunters e a série retorna em 06 de Junho na Netflix para mais 10 episódios. Fiel até onde pôde ser, a mid-season terminou com várias revelações. Confira:

Antes de tudo, deixo aqui o aviso de spoilers no texto. Não só do episódio como também dos livros.

Valentine invade o Instituto usando Madzie e vários Caçadores morrem no processo. Para atrair Clary, ele corta a garganta de Simon e o deixa sangrando. Para salvá-lo, Clary precisa se entregar. Quero dizer que o episódio já começou não fazendo muito sentido, pois do que adiantaria Clary salvar Simon, se Valentine iria usá-la para destruir os membros do Submundo?

Jace, Luke e Clary encontram Dot e ela diz que Jace pode destruir a Espada-Alma por ter sangue de demônio. Mas eles dizem que na visão que o anjo os mostrou, o demônio que destrói a Espada tem garras e Jace não. Para esclarecer a visão, visto que anjos costumam fazer o uso de metáforas, Magnus pede que Clary e Jace mostrem-no o que viram e ele explica. Na verdade, o ser na visão é um Morgenstern demoníaco.

A estranha interação baseada nas drogas entre Izzy e Raphael chegou ao fim. Raphael diz que se importa com o bem-estar e com a felicidade de Isabelle, e que não se sente assim sobre alguém há um longo tempo. Mas quando Izzy tenta beijá-lo, ele diz que não é dessa forma. Fazendo jus ao personagem originalmente assexual nos livros. Ela, então, recebe mensagens de Alec e pede para Raphael desligar o telefone. Ele vê as mensagens sobre Valentine invadindo o Instituto, não conta à Caçadora e vai embora.

Em uma ligação, Jace explica para Alec que Valentine não precisa de um raio para ativar a Espada, pois o Instituto tem energia suficiente, por isso ele precisaria chegar ao centro de energia e desligá-la. Alec é atacado e Aldertree o ajuda, em uma breve luta com bastante sangue. Os dois se juntam para chegar ao telhado do Instituto e a surpresa maior é Aldertree contando que se apaixonou por uma lobisomem. E, quando precisou matá-la, ele percebeu que os Caçadores nunca deveriam se relacionar romanticamente com qualquet membro do Submundo. Alguém comprou essa história?

Magnus e Clary vão para o Instituto, mas Raphael os impede de entrar. Raphael tenta mordê-la, mas Jace não deixa e conta que pode destruir a Espada, contando que não machuquem Clary. Raphael concorda e Luke se jundo ao bando e aos Seelies para lutarem.

Clary se entrega para Valentine e deixa Simon beber seu sangue, o vampiro perde o controle e quando Simon tenta o separar de Clary, descobrimos que é Jace, usando a runa de transformação. (Agora já podem encerrar o uso dessa runa pra sempre, até Valentine reclamou da falta de originalidade!) Apesar dos pesares, é um acontecimento dos livros que eu estava ansiosa para ver e foi bem feito. Magnus encontra Madzie e a leva embora para um lugar seguro.

“Eu poderia ter te matado.” – Simon
“E eu teria deixado.” – Jace

Jace e Simon conseguem lutar contra os homens do círculo e partem para tentar destruir a Espada. Valentine encontra Clary primeiro e a força a ativar, mas Simon utiliza sua velocidade de vampiro e os derruba. Luke recebe o sinal para atacar e os membros do Submundo invadem o Instituto. Jace pega na Espada, mas não a destrói e Valentine consegue utiliza-la contra os Submundanos ali presentes.

Ou seja, Jace não tem sangue de demônio. Mas sim, de anjo, como Clary.

Os Submundanos que sobrevivem são Luke, Maia e Meliorn, que esperavam do lado de fora; Raphael, que conseguiu fugir e Simon. Luke diz para Maia voltar para o Jade Wolf encontrar o resto da matilha e ele ataca Valentin, mas é esfaqueado.

Jace confronta Valentine e o mesmo diz que não é pai de Jace, nem Jocelyn é sua mãe e Clary também não é sua irmã. Não é surpresa para mim, mas acho que tenha sido revelado cedo demais. Mesmo assim, acredito que eles não queiram exibir um relacionamento incestuoso na TV, assim como não vão fazer Simon ficar com Maia e Isabelle ao mesmo tempo. Contudo, de certa forma, vai tirar a emoção de certas cenas futuras.

Clary chega e recebe a visão de uma runa para desenhar na Espada. Jace está prestes a matar Valentine, então Clary o impede e os dois o entregam para a Clave. E a Espada some inexplicavelmente.

Depois de muito desespero, Alec encontra Magnus e eles tem esse lindo momento juntos onde dizem “Eu te amo” um para o outro. Normalmente, eu acharia precipitado, mas quando esse casal foi devagar alguma vez?

Então, Simon tem uma novidade: ele pode andar no sol. Simon se tornou um Diurno, um acontecimento raro no mundo dos vampiros. Ele bebeu sangue de Jace, mas não pensem que é só beber de um Caçador de Sombras e pronto, senão Raphael seria um diurno também. Isso a aconteceu porque Jace tem mais sangue de anjo que qualquer outro caçador, por causa dos experimentos de Velentine.

Ao fim do episódio, vemos uma figura encapuzada carregando a Espada-Alma.

O episodio foi bom, mas não excepcional. Poderia ocupar o lugar de qualquer outro anterior, por isso não achei bom o suficiente para o final da meia temporada. Ainda assim, considerando a melhora na série, foi melhor que a season finale do ano passado.

Estarei aguardando ansiosamente a volta da temporada em 6 de Junho. Pois se vocês acham que Valentine foi ruim em termos de maldade, saibam que vem alguém pior.

LOJA DC 4

Estudante de Jornalismo, apaixonada por escrever, maratonar séries e ouvir música. Caçadora de monstros com Sam e Dean nas horas vagas.

Comments