Connect with us

Games

Tekken 7 é inovador, mas estimula pouco o jogo off-line, enquanto a Bandai traz explicações sobre problemas online

LOJA DC 4

Tekken 7 teve seu lançamento no último dia 2 de julho para PlayStation 4, Xbox One e PC, e já possui alguns problemas em seu modo online. A Bandai Namco publicou nesta segunda-feira (5) uma mensagem aos jogadores que sofrem com problemas de comunicação nos modos online do último lançamento de um dos jogos que mais atua no cenário competitivo.

A declaração da Bandai Namco publicado no site de Tekken a respeito da falha foi a seguinte:

“Recebemos reclamações de muitos consumidores sobre situações em que há dificuldade de encontrar outros jogadores em partidas ranqueadas. […] Estamos investigando o problema e planejamos corrigi-lo por meio de uma atualização online com objetivo de modificar especificações do game e melhorar o matchmaking”

Uma das mudanças propostas é retirar a visão prévia de personagens selecionados por seus oponentes. O estúdio se desculpa “por qualquer inconveniência” que os problemas possam causar até serem corrigidos e promete revelar em breve mais detalhes sobre a atualização.

Fonte: Reprodução

Além dessa falha no modo online de comunicação – não especificado pela Bandai Namco, por informar ser restrições a alguma das versões do game – características como essas do game tiram sua essência. – O modo história ficou realmente muito bom e, de fato o valorizou dar essa organização, diferente da ordem cronológica totalmente desleixada que o Tekken tinha como algo “bugado”, mas ainda sim não foi o bastante para alimentar a diversão offline dele. Desvalorizar o modo offline desse jeito foi extremamente desanimador!

Deixar de habilitar personagens após zerar com ele, tira todo o estímulo do jogador que tinha a tradição, jogar e jogar até desbloquear tudo que o jogo tinha a oferecer, dos finais a novos lutadores (mesmo que alguns sejam só skins de outros, convenhamos) essas coisas caracterizavam os antigos jogos da franquia, além de ajudar o jogador a conhecer cada um dos personagens entendendo assim todas – ou quase todas – as mecânicas do jogo.

Os novos golpes Rage Art ficam definidos aqui qualificados como excelente apenas em quesito de uso no campo de profundidade e brilho do Unreal 4 juntamente à intros- adicionando espetáculo às cenas, que a primeira vista no gameplay estão muito reduzidos, o que não os torna tão visíveis. A Rage Arte é na verdade desnecessária, porque só por você poder usar mesmo apanhando MUITO não poder cancelar é uma muleta enorme pra virar o jogo, o que faz da disputa uma coisa desleal.

Fonte: Reprodução

 

LOJA DC 4
Comments