Connect with us

cinema

Uma Thurman revela que sofreu assédio sexual de Harvey Weinstein

Uma Thurman revelou a um artigo do The New York Times neste sábado (03/02) que Harvey Weinstein a assediou após a a estreia de Pulp Fiction num quarto de hotel em Londres. Uma disse que ele forçou ele mesmo contra ela e fez inúmeras coisas desagradáveis, incluindo se expor para ela. Thurman também disse que ele mandou flores como pedido de desculpas no dia seguinte ao ocorrido. Em uma outra ocasião em Paris, Weinstein tirou seu roupão e ficou nu enquanto eles estavam discutindo sobre um roteiro. Após o ocorrido em Londres, Uma disse que marcou uma reunião com Harvey num bar de um hotel para conversar sobre o incidente, o mesmo disse que se ela contasse algo ele iria acabar com a carreira dela, sua reputação e sua família. Numa declaração ao The Hollywood Reporter, Weinstein confirmou que ele fez investidas mas nega que tenha cometido qualquer tipo de abuso físico ou sexual a atriz.

LOJA DC 4

Uma disse que Tarantino sabia da ameaça feita por Weinstein e que ele o confrontou em relação a isso, o que acarretou em um pedido de desculpas em 2001 durante o Festival de Cannes.

Ela também relatou um incidente envolvendo Quentin Tarantino durante as filmagens de Kill Bill, ele ordenou que ela dirigisse um carro em que ela não se sentia segura, Thurman bateu com o carro numa palmeira e sofreu alguns ferimentos. Ela e seu advogado tentaram obter imagens do incidente com a responsável pelo filme, Miramax, porém a mesma disse que só iria liberar caso ela assinasse um contrato de responsabilidade, o qual ela se recusou.

Assisto mais filmes e séries do que deveria. Devota de atrizes. Florence Welch é minha religião. Saudosista do biscoito Fofy

Basta usar o cupom CDLLOJADCCOMICS