Connect with us

cinema

Alfa “O filme mais lindo do ano”

Avatar

Published

on

Alfa do diretor Albert Hughes (O Livro de Eli) traz aos cinemas uma historia sobre um menino que esta aprendendo a ser um homem e um líder e descobre sua força e sua coragem através de uma amizade com um lobo.

O filme tinha tudo para ser mais uma releitura do Mogli, mas aqui o roteiro assinado pelo diretor e pelo seu irmão Allen Hughes, decidem contar uma historia diferente, o filme foca na amizade, no poder da perseverança e coragem (achou clichê?) mas se eu falar que o filme se envereda pela historia de como os cães foram domesticados? A historia que nunca foi contada no cinema antes, tem caminhos que podem parecer um pouco convenientes a historia, mas belíssimos demais para serem descarados.

O trabalho da fotografia é impecável, as imagens brilhantes e nítidas, mesmo a noite, o trabalho das sombras em contrates com a luz do lua deixam tudo mais belo. A historia se passa a 20 mil anos atrás, então ver rios, selvas e animais mesmo que selvagens e aterrorizantes se torna um deleite e um contato superficial com a natureza, alias, são poucos os lugares no mundo que podemos ter hoje em dia um contato real com a natureza que ainda resiste no mundo. Esse é outro ponto do filme, o trabalho de CGI esta tão bonito que fica complicado definir o que é Tela Verde e o que é locação.

alfa-Cópia.jpg

O roteiro que é simples, não se esforça para ser algo além do que é apresentado, talvez seja preguiça do roteiro, mas ao meu ver fez ate sentido, a 20 mil anos atras as desventuras que você poderia enfrentar são limitadas, pois o que além de animais selvagens e a força da natureza querendo e matar você poderia enfrentar? Com o roteiro sendo simples fica super fácil não ter furos, e o que acontece aqui.

A atuação de Kodi Smit-McPhee como Keda (X-Men: Apocalipse), filho o líder da tribo é limitada, mas porque o roteiro quis passar uma coisa que para os mais desatentos pode passar batido, a milhares de anos atrás não se poderia ter muitas figuras de linguagens, para isso o personagem usa palavras mais diretas para dizer o que ele quer, como:

“Vai embora…” “Eu vou pra casa…”

Isso é legal pois mostra o cuidado dos roteiristas em mostrar essa limitação. A relação dele com o lobo Alfa é são extremamentes bonitas e cativantes o que podem fazer os mais emocionados… bom você sabe.

Seu pai conhecido como Tau e líder da tribo, interpretado pelo ator (Jóhannes Haukur Jóhannesson) é secundário, mas não deixa de ser bela a sua passagem no filme. A direção do filme se mescla com uma boa edição de imagens, de passagem de tempo e esplendorosos momentos que só a natureza podem nos dar e porque não a magia do cinema?

Alfa estreia dia 6 de setembro nos cinemas.

Advertisement
Comments

cinema

Mark Millar compara Bolsonaro a Immortan Joe

Avatar

Published

on

By

O famoso escritor de quadrinhos Mark Millar comparou Bolsonaro a Immortan Joe do filme Mad Max.

O escritor fez a comparação no Twitter:

O personagem de Mad Max interpretado por Hugh Keays-Byrne era machista, trapaceiro, líder de um grupo de fanáticos religiosos e políticos, e possuía liderança com outros líderes da região.

Bolsonaro enfrenta críticas generalizadas no âmbito político e dos profissionais de saúde quando pede o fim do isolamento para que a economia não seja afetada pelo coronavírus.

Mark Millar tem um contrato ativo com a Netflix e também foi o autor de vários quadrinhos de sucesso como Guerra Civil da Marvel.

Continue Reading

cinema

Aves de Rapina chega amanhã às plataformas digitais para compra

Daiane de Mário

Published

on

O filme “Aves de Rapina: Arlequina e sua Emancipação Fantabulosa” estará disponível para a compra digital a partir do dia 26 de março para os assinantes das plataformas Google Play e Apple TV. A chegada do longa-metragem trará ainda mais ação para o catálogo de filmes da Warner Bros. Home Entertainment.

O filme, baseado nas personagens de história em Quadrinhos da DC, foi dirigido por Cathy Yan (“Dead Pigs”) e partindo do roteiro de Christina Hodson (“Bumblebee”).

Além da protagonista Arlequina interpretada por Margot Robbie o filme tem elenco de peso: Mary Elizabeth Winstead (“Rua Cloverfield, 10”) como Caçadora, Jurnee Smollett-Bell (“True Blood”) como Canário Negro, Rosie Perez (“A Escolha Perfeita 2”) como Renee Montoya, Chris Messina (“Argo”) como Victor Zsasz e Ewan McGregor (“Doutor Sono”) como o Super-Vilão da DC Roman Sionis/Máscara Negra. A novata Ella Jay Basco também estrela como Cassandra “Cass” Cain em sua estreia no cinema. A produção é de Robbie, Bryan Unkeless e Sue Kroll.

No dia 02 de abril o longa-metragem também estará disponível para o aluguel digital nas principais plataformas como Claro, Sky e Vivo Play.

Continue Reading

cinema

Mulher-Maravilha 1984 tem sua estreia adiada nos cinemas

Daiane de Mário

Published

on

A Warner Bros. Pictures anuncia a nova data de estreia do aguardado longa Mulher-Maravilha 1984, que chega aos cinemas do Brasil no dia 13 de agosto. A diretora Patty Jenkins e a protagonista Gal Gadot divulgaram a data em suas redes sociais, juntamente com nova arte do filme:

Sobre o filme:
Avançando para a década de 1980, a próxima aventura da Mulher-Maravilha nos cinemas a coloca frente a dois novos inimigos: Max Lord e Mulher-Leopardo.

Com a diretora Patty Jenkins de volta ao comando e Gal Gadot no papel-título, Mulher-Maravilha 1984, da Warner Bros. Pictures, é a sequência da estreia da super-heroína da DC como protagonista nas telas de cinema com o filme “Mulher-Maravilha”, que em 2017 quebrou recordes e arrecadou US﹩ 822 milhões nas bilheterias mundiais. O filme também tem em seu elenco Chris Pine como Steve Trevor, Kristen Wiig como Mulher-Leopardo, Pedro Pascal como Max Lord, Robin Wright como Antíope e Connie Nielsen como Hipólita.

Charles Roven, Deborah Snyder, Zack Snyder, Patty Jenkins, Gal Gadot e Stephen Jones produzem o filme. Rebecca Steel Roven Oakley, Richard Suckle, Marianne Jenkins, Geoff Johns, Walter Hamada, Chantal Nong Vo e Wesley Coller são os produtores-executivos.

A Warner Bros. Pictures apresenta uma produção da Atlas Entertainment/Stone Quarry, um filme de Patty Jenkins, Mulher-Maravilha 1984.

Mulher-Maravilha 1984 chega aos cinemas do Brasil no dia 13 de agosto

Continue Reading

Parceiros Editorias