Connect with us

Analises

Analise | Homeland 8º temporada “Em quem confiar?”

Louise Naves

Published

on

O Cabana do Leitor viu os dois primeiros episódios da nova temporada de Homeland, que já teve o primeiro episodio exibido pela FOX no domingo. Leia as primeiras impressões sem spoilers.

Depois de dois anos deixados no suspense, Homeland retorna com a oitava e última temporada. Acompanhando o desenrolar da história da sétima temporada, já começamos bombardeados com drama e suspense, o que não podia ser diferente.

Claire Danes como sempre dando um show de atuação, vemos Carrie já recuperada dos eventos traumáticos da última temporada, com seu instinto ainda mais aguçado. Temos a incrível conexão dela com Saul, que mais uma vez, está ali confiando em suas habilidades.

Em campo, mesmo com todo o alvoroço ao seu redor, sabemos que Carrie nunca para. Acordos e desacordos. No meio de tantas dúvidas, em quem confiar?

Com os ânimos à flor da pele por termos que nos despedir da série, nossa curiosidade é cada vez mais atiçada com o passar dos episódios, deixando o público bem empolgado para o que essa última temporada tem para nos mostrar.

A oitava e última temporada de “Homeland” chega no Brasil a partir de domingo, dia 9 de fevereiro às 23:30, no FOX Premium 2 e no App da FOX para assinantes do FOX Premium. Além disso, as sete temporadas completas já estão disponíveis no aplicativo, também para assinantes.

Advertisement
Comments

Analises

Primeiras impressões – Duncanville

Avatar

Published

on

Pré estreia de Duncanville será nesta segunda (25/05) e nós do Cabana do Leitor decidimos mostrar as primeiras impressões sobre os dois primeiros episódios. Sem muitos spoilers, claro.

A série conta a história de Duncan, um garoto comum de 15 anos dominado pela sensação de liberdade e angústia que só um garoto de 15 anos pode ter.

DUNCANVILLE-série fox | Arroba Nerd

Não fugindo de uma família a la Simpsons, Duncan mora com seu carente pai Jack, sua super ativa mãe Annie, sua irmã (que adora o irritar) Kimberly e sua adorável irmã caçula Jing.

No primeiro episódio temos Duncan pedindo aos seus pais para ensiná-lo a dirigir, para poder impressionar a garota que ele gosta, Mia. Mas tudo começa a dar errado quando ele rouba o carro da sua mãe para sair escondido em uma rave.

O estilo da animação é tudo aquilo que se espera de um personagem adolescente, tudo dá errado, mas no final dá tudo certo. Ou mais ou menos isso.

Dos criadores de 'Os Simpsons', animação 'Duncanville' estreia em ...

No segundo episódio, o tema é jogo MMORPG. Duncan tem que se ausentar do computador durante o jogo e pede para Kimberly jogar enquanto ele vai ajudar a sua mãe. O que o Duncan não esperava é que Kimberly abateria uma raça pacífica de elfos e seria vista como um gênio badass.

A animação é bem leve, assim como um episódio de Simpsons. Há referências a quadrinhos, jogos e até ao Alice Cooper. A FOX parece ter acertado mais uma vez.

Se você gosta de Simpsons, Bob’s Burgers ou até Uma Família da Pesada (Family Guy), esse desenho também é para você.

Trailer

Continue Reading

Analises

Westworld | Até quem achava que entendia a série, entendeu foi nada

Quem crítica a série na sua terceira temporada jamais entendeu nada do que ela quis transmitir.

Avatar

Published

on

By

A terceira temporada da irresistível e viciante série Westworld, sentencia a HBO como a responsável por mais da metade de produções de TV com influência mundial. Praticamente o ‘Rei Midas’ do grupo Warner Media (anteriormente conhecido como Time Warner). Porém nem tudo são flores… 

Posso observar algumas pessoas dizerem sobre essa nova temporada “nada haver a terceira temporada”, “nossa toda cinematográfica” ou “cadê os diálogos sobre a mente humana?”

Isto é legal de certo modo, pois tem muita gente que diz gostar de séries ‘complicadas’ para bancar o ser superior na cultura pop, quando na realidade está pessoa nem sabe o que está exatamente assistindo. 

Parece que uma penca de gente não entendeu a proposta da série: Desde a primeira temporada era dito que o perigo dos anfritriões se rebelarem contra a humanidade era real, que isso era eminente e Ford (Anthony Hopkins) não só percebeu isso como deu gás para que isso acontecesse… 

Aí a pessoa, depois de duas temporadas em que é praticamente tocado os sons das trombetas do apocalipse, diz que não gostou de algo que é dito que iria acontecer desde o princípio. Creio eu que estas pessoas nem viram as duas primeiras temporadas, já foram ver a terceira.

Westworld é uma série produzida com o intuito de questionar o uso excessivo da tecnologia, algo que grandes tecnocratas já cantam aos ventos… 

A produção não iria ter todas as suas temporadas baseadas em um mundo de mentiras aonde mulheres eram estupradas a gosto dos seus hóspedes (talvez tenha gente com saudade dos estupros, não sei…), mas sim uma série que teve sua evolução natural dos seus principais personagens, saindo pro mundo exterior, como Platão conta a história do mito da caverna. Porém, a luz às vezes é tão forte que pode cegar, o que talvez tenha acontecido com Dolores (Evan Rachel Wood).

Quem crítica Westworld na sua terceira temporada (apesar de que nada é perfeito) é porque jamais entendeu nada do que a série quis transmitir.

Westworld é exibida todos os domingos na HBO.

Continue Reading

Analises

Westworld | Primeiras impressões da 3ª temporada

Novo ano da série é exibido pela HBO

Avatar

Published

on

Para quem estava esperando desde Junho de 2018 pelo regresso de Westworld, esse é seu momento! Após longos 21 meses de espera a série de ficção científica futurista da HBO está de volta.

Nessa temporada, teremos belas paisagens em cidades futuristas e novas tecnologias como vistas em filmes como Blade Runner ou séries como Black Mirror.

Personagens

Seremos apresentados a um novo protagonista, Caleb (Aaron Paul), que é um ex-combatente americano que, após traumas de guerra, tenta se reinserir na sociedade, mas não consegue viver longe do perigo.

Também vemos Dolores (Evan Rachel Wood), que agora está se passando por humana e buscando informações sobre uma nova tecnologia, um tipo de “cérebro virtual” que pode controlar Los Angeles inteira e prever as ações de seus moradores. Isso seria muito útil no plano de vingança que ela está executando.

Por outro lado, Bernard (Jeffrey Wright) está escondido e longe de tudo, foragido da justiça e ainda tentando entender qual seu propósito, uma vez que se tornou culpado pelo massacre que aconteceu no parque durante a segunda temporada.

Dentro da alta cúpula da Delos, Charlotte Hale (Tessa Thompson) está liderando a empresa dentro do turbilhão de problemas que os autômatos do parque causaram e todo o mundo ficou sabendo. Ela também parece ter um plano para executar, mas só deveremos saber mais pontos durante os próximos episódios.

Sobre o episódio

O primeiro episódio por si só já é tenso e envolvente, todos os personagens têm seu tempo em cena para mostrar onde eles devem se encaixar na temporada e como a sociedade está evoluída fora da ilha da Delos, onde se situava o parque de diversões virtual Westworld e, como descobrimos na segunda temporada, o Shogunworld.

Como os fãs já sabem, todas as temporadas existem em duas linhas do tempo diferentes que só são reveladas nos episódios posteriores, então já podemos começar a especular se nessa nova temporada teremos novamente esse recurso na trama.

Vale lembrar que esse episódio tem uma “cena pós-créditos”, então fiquem ligados até o final para saber mais sobre o paradeiro de uma personagem não citada acima.

A 3ª temporada de Westworld começa nesse domingo (15/03) às 23h na HBO ou na HBOGo, não percam!

Continue Reading

Parceiros Editorias