Connect with us

cinema

Animais Fantásticos: Os Crimes de Grindelwald “Bolsonaro está no filme”

Edi

Published

on

LOJA DC 4

Teremos três criticas do filme Animais Fantásticos: Os Crimes de Grindelwald, a primeira já saiu mais cedo, e você poder ler ela AQUI! a segunda é a minha. Devo dizer que sou suspeito para falar sobre o filme porque a franquia Harry Potter fez parte da minha infância, não só isso, como foi a franquia que me tornou o fã de cultura de pop que sou hoje, talvez sem a Pedra Filosofal não teria me tornado fã da DC (bom isso nao é muito mérito hoje em dia no aspecto de filmes, mas vida que segue).

O filme tem cenas espetaculares, como a já mostrada nos trailers, uma evidente e bem feita é a cena de fuga de Grindelwald e principalmente outras cenas que temos a atuação deste bruxo das trevas anterior a Voldemort. O filme além das sequencias consequentemente tem uma fotografia linda, Paris ajuda muito nisso, mas eu sinto esta historia mais coesa e mais reflexiva no aspecto artístico desde Harry Potter e o Prisioneiro de Azkaban (bons tempos). Nagini (Claudia Kim de Vingadores: Era de Ultron) que foi apresentada nos trailers apesar de ter uma pequena participação no filme (pelo andar da carruagem isso não é um problema) estar lá para o fã service, que apesar de não desempenhar um papel fundamental, ela não foi feita para criticos de cinema, mas para os fãs da franquia (que não necessariamente são criticos especializados). 

Aqui vai uma critica para os criticos, como se julga um filme para crianças que deve se entender que tal filme é feito para elas e não para os adultos tendo um cuidado por parte deste profissional na analise deste, filmes de franquias estabelecidas tem muitas cenas com propósitos de acalentar os fãs, não necessariamente para quem não conhece bem a franquia.

Alguns outros personagens como Credence (Ezra Miller de Liga da Justiça) e até mesmo William Nadylam (Yusuf Kama de Minha Terra África) novo personagem inserido na trama, tem objetivos que colidem, mas sem muito proposito, mas o problema de você criticar negativamente isso é que não sabemos o proposito final da roteirista com este personagem pois é uma serie de cinco filmes. Credence, continua sendo o manipulado da historia, sem lá muito a dizer, o ator repete a atuação dele no primeiro filme. Leta Lestrange (Zoë Kravitz de Kin) que rouba a cena neste filme, muito simples e dinâmica a atriz esta maravilhosamente encantadora. Tina (Katherine Waterston de Alien Covenant) e Newt Scamander (Eddie Redmayne de A Teoria de Tudo) tem novos animais fantásticos neste filme, o casal esta mais carinhoso e mais fofinho neste longa, apesar de um contra tempo tudo se resolve, e no final os seus olhares são tao bonitinhos. Jacob (Dan Fogler de Fanboys) e Queenie (Alison Sudol de Between Us) acabam juntos, mas de uma maneira inesperada logo no inicio do filme, a química entre o casal esta mais forte que nunca protagonizando uma das cenas mais engraçadas do longa e mais fofa.

Animais Fantásticos: Os Crimes de Grindelwald traz Albus Dumbledore (Jude Law de Sherlock Holmes) como personagem de suma importância na trama, Jude aqui esta tão a vontade no papel que a gente ate pensa que ele sempre foi mesmo o Albus, sim, ele esta magnifico, vale dizer que as cenas de Hogwarts são lindas e ainda podemos dizer que quem viu o primeiro filme Harry Potter e a Pedra Filosofal vai soltar gritinhos quando aparecer uma determinada sala.

Gellert Grindelwald (Johnny Depp de A Fantástica Fábrica de Chocolate) merece um paragrafo inteiro, não porque a atuação do Deep esta incrivel, pra mim ele mudou a forma de atuar e neste filme retirou o stigma quando dizem que ele sempre faz os mesmos personagens, aqui não é caso, apesar de achar sua atuação até mais potente do que de costume, pra mim ele só fez um bom trabalho, nada espetacular, mas que merece atenção. Porém aqui vai pontos para o roteiro, Grindelwald tem um discurso sedutor para os bruxos, ele diz “Dizem por ai que eu quero que os não maj devem morrer, dizem por ai que eu quero que os não maj sejam aniquilados… Isso é uma mentira, eu na verdade quero um mundo melhor para todos, sem guerras, sem violência, aonde nos almas raras, dotados de magia devemos comandar o mundo” Não preciso dizer que Bolsonaro se alinha perfeitamente a este discurso “olha o CDL dizendo que o Bolsonaro é fascista…” bom não são minhas palavras, são do próprio presidente eleito que diz que prefere um “filho morto a que ele seja homonexual” é fake news inventada pelos seus opositores. Basicamente Grindelwald esta dizendo que tudo o que falam dele é mentira e na verdade sua vontade é guiar o mundo em uma fraternidade aonde alguns devem submeter os outros as suas vontades porque a “magia apenas floresce em almas raras”. O que acaba atraindo até pessoas inesperadas para o seu lado.

O roteiro do filme segue a narrativa dos livros de J.K, sabe quando você ler os livros de Harry Potter e no começo tem uma puta informação, no meio são informações sem muita profundidade e no final uma mega informação? Então, aqui acontece isso, talvez incomode porque a narrativa de um livro não deve ser igual a narrativa de um roteiro cinematográfico, mas para mim não incomodou.

A direção acerta em cheio ao entregar o filme mais sombrio que o anterior, ma desesperançoso que muitos outros filmes da franquia magica, porém coeso, uma das coisas que mais gostei foi ver Newt Scamander como um grande bruxo, usando vários feitiços jamais vistos na franquia e sendo altamente talentoso no uso da magia.

Animais Fantásticos: Os Crimes de Grindelwald estreia dia 16 de novembro.

Animais Fantásticos: Os Crimes de Grindelwald

9.3

Roteiro

9.0/10

Direção

9.0/10

Fotografia

10.0/10

Pros

  • Roteiro coeso
  • Reviravoltas
  • Boa fotografia
Edi on FacebookEdi on InstagramEdi on Twitter
Edi
Produtor, escritor nas horas vagas, administrador, editor e fundador do site CDL.
Comments