Connect with us

Livros

Biblioteca de Almas – A conclusão das aventuras da Srta. Peregrine e seus protegidos

Raiza Soares

Published

on

LOJA DC 4

Depois de uma noite muito mal dormida, resolvi resenhar esse livro. Confesso que enquanto não cheguei a última página, não sosseguei. Precisava saber mais e de cada detalhe do que aconteceu com a Srta. Peregrine e seus protegidos. Biblioteca de Almas traz a conclusão perfeita para todos os personagens.

Atenção, esse post pode conter spoilers dos livros.

No último livro vimos que todas as crianças haviam sido raptadas por acólitos menos Jacob, Emma e Addison (o cachorro), que foram encurralados por um etéreo. Em meio ao desespero, Jacob acaba descobrindo mais de suas habilidades peculiares, conseguindo manter o etéreo longe de seus amigos e salvar Emma e Addison. Mesmo com suas habilidades, Jacob ainda tem muito o que aprender em como desenvolvê-las, e como vimos no começo do livro, ele ainda não sabe como usar muito bem essa sua nova peculiaridade.

resenha-biblioteca-de-almas

Jacob junto com Emma e Addison, precisam salvar suas ymbrynes e seus amigos capturados pelos acólitos. Com a ajuda de Addison, conseguem achar uma trilha pelo cheiro dos peculiares capturados, que os leva a uma nova fenda que possui o nome de Recanto do Demônio, essa fenda abriga todos os tipos de ladrões, peculiares perigosos e viciados, e todas as coisas ruins que se pode imaginar. É o lugar para os peculiares que não agem conforme as regras.

A história já começa cheia de ação, você não consegue nem respirar e/ou piscar, que já perde algum acontecimento. É desesperadora a situação em que Emma e Jacob se encontram. A gente fica imaginando como duas crianças irão lutar contra um exército inteiro, e por incrível que pareça, as coisas vão se desenrolando e eles recebem ajuda dos lugares mais improváveis.

Em Biblioteca de Almas temos as respostas de todas as perguntas levantadas durante a série de livros. Eu recomendo a leitura, principalmente para os fãs de uma pegada mais fantasia sombria. Gostei de como a história foi desenvolvida, as reviravoltas, as explicações, as descobertas, foi tudo muito intrigante e te mantém preso até a última linha do livro.

A leitura é fluida e rápida o que sinceramente é ótimo, pois a proposta do livro, pop infantojuvenil, tem que ter esse tipo de leitura, pois vamos ser sinceros, não é o tipo de livro que vai se tornar um clássico. Apenas escritores como, Jane Austen, Virgínia Woolf, Tolkien e George R.R. Martin, podem se dar ao luxo de possuir uma narrativa extensa, tensa e um pouco cansativa.

A Editora Intrínseca fez um trabalho fantástico com o livro, assim como o Cidade dos Etéreos, Biblioteca de Almas é de capa dura e retirando a jacket você encontra a assinatura de todos os personagens na capa, o que dá um toque único a obra.

biblioteca-de-almas-2

Achei que o autor pecou ao não explorar mais as ymbrynes, que na minha opinião são os seres mais interessantes de todo o universo peculiar. Em muitos momentos durante a leitura eu tive a impressão de que o autor “correu” para terminar a história, penso que ele poderia ter enrolado mais para entregar algo com mais qualidade. A história é boa, mas você percebe que foi escrita por alguém que não tem muita experiência, e atrevo a dizer, que talvez nunca consiga produzir algo tão bom quanto George R.R. Martin. Que tenho como um dos melhores escritores vivos e produzindo.

Eu realmente espero que Ransom Riggs tenha feito um trabalho melhor nos Contos Peculiares. Pois, com certeza lerei o livro, lançado esse mês na Bienal do Livro em São Paulo pela Editora Intrínseca.

Eu gostei de ter tido o privilégio de ler essa série de livros, volto a recomendar, principalmente para os interessados em assistir ao filme, que será lançado agora, no final de setembro.

Segue a primeira música da trilha sonora, que foi interpretada pela banda Florence and the machine:

Para ler as outras resenhas dos livros anteriores clique aqui e aqui.

Fiquem conectados ao Cabana do Leitor para mais dicas de livros! 😉

Revisado por: Bruna Vieira.

Raiza Soares
Bacharel em direito, feminista, amante de livros, HQs, mangás, animes e tudo que tem de melhor no mundo.
Comments