Connect with us
Jacqueline Cristina

Published

on

Futuros e realidades alternativas fazem parte do Universo Marvel desde o seu principio, sendo interessante ver como determinados personagens mudam, dadas as eventualidades transdimensionais. Tal fato é crucial para o interesse dos leitores no Motoqueiro Fantasma Cósmico, personagem que apareceu no Vol.01 de Guardiões da Galáxia, lançado este ano pela editora Panini.

Mas de onde ele surgiu e por que ele parece tão familiar ao leitor? Para descobrir a resposta, é necessário voltar alguns títulos até chegar a THANOS #13-18 de Donny Cates e Geoff Shaw. Na primeira edição, o personagem surgiu como o Inferno em chamas, interrompendo a recente jornada de Thanos rumo ao trono em Chitauri Prime com risos e armas em chamas.

A combinação dos poderes Cósmicos com o Espírito da Vingança proporcionou a ele uma chegada rápida, para apenas dizer a Thanos que precisava levá-lo a um local. Após receber um ataque do Titã, o Motoqueiro Fantasma Cósmico, utilizou suas correntes feitas dos ossos de Cyttorak, junto a um pedaço da Pedra do Tempo para embrulhar o inimigo, levando-o para a Terra milhões de anos no futuro, com destino ao seu chefe… que surpreendeu a todos, sendo Thanos.

Isso mesmo! Nesse futuro alternativo, Thanos – o Velho obteve sucesso na missão de exterminar com quase toda a vida humana, para a sua querida Morte, contudo, ele ainda era obrigado a congelar o “Caído”, deslocando assim sua versão mais jovem de volta ao futuro.

Muitos leitores podem ter ficado chocados com a apresentação do Motoqueiro como Frank Castle, entretanto, o nome não quis dizer nada para Thanos – o Jovem. Antigamente, o homem conhecido como O Justiceiro sobreviveu até que o Titã fizesse seu último ataque a Terra, eliminando quase todos na ação. Antes de morrer, Castle clamou por vingança, conquistando-a de Mephisto e assim se tornando o novo Motoqueiro Fantasma. Todavia, ao chegar à superfície, Thanos – o Velho já estava fora do planeta!

Desiquilibrado devido à solidão, imortalidade e falta de propósito, em determinado momento, ele deparou-se com um moribundo Galactus que surgiu na Terra em busca de ajuda. Após ouvir todo o relato a respeito da fúria de Thanos pela galáxia, Castle ofertou ao Devorador de Mundos seus serviços como arauto, o que foi aceito de imediato. Ambos batalharam juntos por tempo suficiente, até o Titã explodir a cabeça de Galactus!

Ainda que tenha tentado vencer o vilão, o Motoqueiro Fantasma Cósmico concordou com a oferta para trabalhar com ele. Logo, com a humanidade dizimada, Castle deixou recados através do tempo para o seu mestre, utilizou seu poder em Thanos todas as manhãs (forma dele reviver seus maiores sucessos), e alimentou o animal de estimação, conhecido como o Hulk!

Não obstante de sua sina, o personagem lutou ao lado do jovem e velho Thanos quando o “Caído” – um Surfista Prateado manejando um Mjonir, junto a sua Horda Aniquilada apareceu para um combate final. Independentemente de ter assumido ser igual em poder com o antigo arauto, Frank foi esmagado em pedaços pelo martelo.

Mas este não foi o fim do Motoqueiro Fantasma Cósmico, uma vez que Odin deu-lhe um lugar em Valhalla como recompensa, o qual não foi suficiente para Frank. Notando tal “sentimento”, o Deus devolveu os poderes para ele, enviando-o para a hora e local de sua escolha.

Com esta “oportunidade” Castle pretendia matar o bebê Thanos, contudo, não achou nenhum vestígio de pecado na criança, decidindo poupá-lo e criá-lo melhor do que tinha sido originalmente, o que não funcionou exatamente do jeito que ele queria.

Logo, apesar de o Motoqueiro Fantasma Cósmico ser de uma “realidade” alternativa, ele é uma nova e excelente oportunidade a ser explorada no Universo da Marvel Comics para Frank Castle, pois apesar de suas “poucas” participações até o momento, nunca é tarde demais para histórias originais deste personagem insano.

Motoqueiro Fantasma Cósmico Vol.01 se encontra a venda na loja online da Editora Panini.

Advertisement
Comments

HQs

Venom reúne os Vingadores em prévia de Marvel’s King in Black #1

Muitas surpresas por vir neste novo evento da Marvel Comics.

Jacqueline Cristina

Published

on

Revelado pelo artista Ryan Stegman, como uma cortesia aos fãs, páginas oficiais de King in Black #1, que exibem Eddie Brock entrando em contato com os Vingadores enquanto Knull se dirige a Terra.

O novo título da Marvel Comics reunirá Stegman com o escritor Donny Cates. Destaca-se que os dois artistas lançaram anteriormente, o volume que inseriu Knull como o Deus dos Simbiontes, sem contar que depois trabalharam na minissérie Carnificina Absoluta, que mostrou um ressuscitado Cletus Kasady em busca de cada hospedeiro simbionte, para assim libertar o vilão de sua prisão.

No final, Brock matou seu inimigo, mas ao custo da liberdade de Knull, além de ter sido revelado no arco de Carnificina Absoluta, que Dylan possui o poder de manipular simbiontes. Eventualmente, após os ocorridos em “Ilha Venom”, Brock contou aos Vingadores, a respeito de seu inimigo, deixando assim a equipe alerta para o que chegará em breve.

Confira abaixo as imagens, juntamente com a sinopse do título:

Após uma campanha pela galáxia, a marcha da morte de Knull está chegando a Terra e, pior ainda, ele não está sozinho! Junto a um exército de dragões simbiontes ao seu comando, o Rei de Preto é uma potência diferente de qualquer outra mostrada antes. Eddie Brock, também conhecido como VENOM, presenciou o caos que um dos monstros do vilão pode causar, mas será que ele sobreviverá a um encontro com o próprio Deus do Abismo?

De Donny Cates, Ryan Stegman, JP Mayer, Frank Martin e VC’s Clayton Cowles, está para ser lançado o capítulo definitivo de uma saga Venom, que mudou todo o pensamento sobre simbiontes!

King in Black #1, estará à venda nas lojas físicas e digitais dos EUA em dezembro deste ano.

Continue Reading

HQs

Revelado a prévia de Marvel Zombies: Resurrection #2

Preparem-se para mais caos nesta nova edição, que conta com Phillip Kennedy Johnson e Leonard Kirk.

Jacqueline Cristina

Published

on

Quem se recorda da série Marvel Zumbis, que foi publicada entre os anos 2005 e 2006, com um total de cinco edições, que contou com roteiro de Robert Kirkman (The Walking Dead), e arte de Sean Phillips.

Pois bem, no inicio deste mês, foi lançado nos EUA, uma nova narrativa de Marvel Zombies: Resurrection, o qual aborda uma nova perspectiva do caos instalado pelo vírus mortífero já apresentado anteriormente no Universo Marvel.

Todavia, foi divulgada recentemente a prévia da segunda edição, que pode ser conferida abaixo:

OS ZUMBIS DA MARVEL SE LEVANTAM NOVAMENTE!

Quando o cadáver de Galactus aterrissa no planeta Terra carregando em si um vírus mortal, o amigão da vizinhança, Homem-Aranha junto a um grupo de heróis lutam para salvar sobreviventes e assim descobrir a verdade!

Marvel Zombies: Resurrection #2 chegará as lojas físicas e digitais dos EUA,  no dia 30 de setembro.

Continue Reading

HQs

Artista de Powers of X apresenta nova ameaça em Quarteto Fantástico #25

R. B. Silva adicionará uma nova ameaça galáctica na edição!

Avatar

Published

on

O artista de Powers of X e Empyre , RB Silva, junto com o escritor Dan Slott, trará uma nova ameaça galáctica na edição 25 de Quarteto Fantástico.

As imagens reveladas da nova edição, mostram um alienígena misterioso observando a Terra. Ao cerrar os olhos, ele se lança em direção a base do Quarteto Fantástico. Já na próxima página, uma explosão acontece na base.

“No momento, não posso dizer muito. Só posso garantir que Dan está inventando algo incrível! E por isso, você deve ler o Quarteto Fantástico # 25.”, disse Silva.

Confira abaixo as artes:

Quarteto Fantástico #25 está previsto para lançar em outubro.

Continue Reading

Parceiros Editorias