Connect with us

cinema

Crítica | 1917 “Um primor do cinema que te leva o cheiro de morte”

O filme acontece no dia 6 de abril de 1917, o mesmo dia no qual os Estados Unidos da América entraram oficialmente na Guerra.

Avatar

Published

on

“1917”, da Universal Studios, apesar de ser um filme sobre 1ª Guerra, é um filme surpreendente bonito que já ganhou 2 Golden Globe e 3 Critic’s Choice Awards além de estar concorrendo a outros grandes prêmios.

O filme nos leva para a Guerra com a sensação de fazermos parte da jornada dois jovens soldados Blake (Dean-Charles Chapman) e Sco (George MacKay), por entre as trincheiras mais fétidas, lama e morte por todos os lados. É através dos olhos dos dois cabos que Sam Mendes, diretor, escritor e produtor do filme, nos mostra o horror da guerra. 

Mendes tratou “1917” com um cuidado primoroso e dedicou o filme a seu avô Alfred Mendes que serviu pela Grã-Bretanha, na 1ª Brigada de Rifles na Região de Flandres, França. Alfred foi quem lhe contou histórias sobre a Guerra inspirando-o assim a fazer esse filme. Nesse período a guerra era praticamente apenas de trincheiras para todos os lados. Sam e o incrível diretor de fotografia, Roger Deakins, conseguiram com muito sucesso mostrar como era a vida nessas trincheiras logo no começo do filme. A fotografia mostra quilômetros de terra, lama e um horizonte cinza. 

Alguns acreditam que Roger e Sam usaram do conhecido plano sequência quando uma cena ou filme é filmada sem parar e portanto sem cortes, para rodar o filme. Entretanto, para a sorte dos telespectadores, a técnica usada é a do plano longo. Um plano sequência, seria impossível em tempo real pois a distância que os personagens precisam percorrer é de 150km, o equivalente a 8h de filme! Mas Roger trabalha sua magia fotografando de forma que na edição os cortes são imperceptíveis, e nos mantém presos na cadeira nas quase duas horas de filme.

Algumas cenas são lindas como uma cena com flores de cerejeiras, mas a real “beleza” é como trataram os horrores da guerra: trincheiras, muito arame farpado, corpos, lamaçais, cidades destruídas e um céu cinzento, feio, cheio de poeira, que praticamente cheira a pólvora e cinzas. É agradecer que o cinema com cheiro ainda não é uma realidade. Mais vale parar para apreciar cada detalhe com o qual foi feito o filme. 

A história começa com o fictício General Erinmore (Colin Firth) convocando Thomas Blake e seu colega William Schofield, dois rapazes com pouco mais de 21 anos mas já há 3 anos sobrevivendo nas trincheiras inglesas, para levarem uma mensagem ao Sargento Mackenzie (Bennedit Cumberbatch), que comanda os “Devons”, 2º Batalhão do Regimento de Devonshire, com mais ou menos 1600 homens, entre eles o irmão mais velho de Blake.

A mensagem, enviada pela inteligência da aeronáutica Britânica, diz para que as tropas não ataquem pois estariam caindo em uma armadilha preparada pelos alemães. O local para o qual os cabos devem levar a carta é uma floresta que próxima a Écoust-Saint-Mein – um vilarejo real que, apesar de destruído durante a guerra, hoje homenageia seus mortos em 3 cemitérios históricos. Durante a 1ª GM, após os alemães perderem em duas batalhas no fronte ocidental, realmente existiu uma “retirada” das tropas alemãs, ou “Hunos” – forma como os britânicos chamavam os alemães por conta de suas barbaridades – dessa região.

Os rapazes devem atravessar esse território recém abandonado pelo inimigo e uma área de constantes ataques, se colocando em perigo extremo por não saberem o que irão encontrar pela frente. Afinal, a recuada estratégica da Alemanha não parecia fazer muito sentido para as tropas Britânicas. Entretanto Blake, além de saber que cada minuto é fundamental, tem o objetivo de chegar o mais rápido possível para tentar salvar a vida do irmão, e mostra que não irá ser detido por praticamente nada, ignorando muitas vezes até os avisos de seu companheiro Sco. 

Pouco aprendi no colégio sobre a 1ª Guerra, uma guerra de batalhas sangrentas e que chegou ao seu fim, por falta de contingente. E uma das frases mais marcantes do épico é dita por Cumberbatch: “Essa Guerra só irá acabar quando sobrar apenas um homem em pé”.

Aliás existe entre os historiadores a crença de que a 2ª Guerra Mundial na verdade foi uma continuação direta da 1ª, no sentido de que era necessária uma geração de novos soldados para lutar. 

O filme acontece no dia 6 de abril de 1917, o mesmo dia no qual os Estados Unidos da América entraram oficialmente na Guerra. Para mim, esse é um dos fatos sutis que mostra o quanto de cuidado, atenção e detalhes Mendes usou pois, apesar de os EUA ou os americanos não terem nenhuma importância na jornada de Blake e Sco, é uma escolha curiosa no cenário atual político. Inclusive com a ameaça de guerra entre Irã e EUA, é complicado não olhar para o passado e perguntar: o que ainda estamos fazendo de errado, e eu acredito que é aí que entra a relevância de 1917, um filme épico sobre uma guerra complicada que destruiu a Europa, uma geração de homens e que realmente não chegou a solução nenhuma. Especialmente por ser escrito e dirigido pela mesma pessoa acho que é o melhor trabalho de Sam apesar de minha história preferida dele ser Revolutionary Road.

Sam Mendes nos mostra com uma perfeição assustadora os efeitos devastadores daquela qual seria “A guerra para acabar com todas as guerras” e é nos olhos do personagem de William que vemos o que uma batalha pode fazer com um homem, a falta de esperança, o desespero, a pergunta clássica de se vale a pena seguir adiante para apenas mais mortes e destruição quando o grande prêmio para o soldado muitas vezes é “apenas um pedaço de metal com uma fita”.

1917 estreia em 23 de janeiro nos cinemas.

1917

9.5

Nota

9.5/10

Pros

  • Direção impecável
  • Fotografia deslumbrante
Advertisement
Comments

cinema

Ezra Miller enforca mulher na Islândia

Avatar

Published

on

By

Ezra Miller parece ter sufocado uma mulher em um bar em Reykjavik, na Islândia, em um vídeo que apareceu online no domingo à noite.

Apesar da confusão on-line sobre se o vídeo era uma piada – com memes já surgindo no Twitter, onde o nome de Miller tem tendência -, uma fonte do estabelecimento, Prikið Kaffihús, confirmou à Variety que essa foi uma grave briga no bar e que o homem, que eles identificam como Miller, foi escoltado para fora das instalações.

O vídeo de sete segundos mostra um homem dizendo: “Você quer brigar? É isso que você quer fazer? para uma jovem, que parece estar brincando se preparando para uma briga e está sorrindo.

Miller então agarra a garota pela garganta e a joga no chão. Nesse ponto, a pessoa que filma diz: “Uau, mano. Bro ”e para de filmar, com as filmagens terminando abruptamente.

A Variety  confirmou que o incidente ocorreu por volta das 18h de 1º de abril no Prikið Kaffihús, um bar moderno no centro de Reykjavik que Miller freqüenta quando está na cidade.

Não houve incidentes anteriores envolvendo o ator, que desempenha um papel fundamental na franquia “Animais Fantásticos” e deve interpretar Barry Allen na versão cinematográfica de ” The Flash “, da DC Comics .

1917

9.5

Nota


9.5/10

Pros

  • Direção impecável
  • Fotografia deslumbrante


Continue Reading

cinema

Confira as novas datas de lançamentos dos longas da Disney

Daiane de Mário

Published

on

Após a pandemia de coronavírus (COVID-19), a Disney anunciou novas datas de lançamento para Viúva Negra, Mulan e mais.

Com isso o novo calendário de lançamentos da Marvel fica da seguinte maneira:

Viúva Negra: 6 de novembro de 2020

Os Eternos: 12 de fevereiro de 2021

Shang-Chi e a Lenda dos Dez Anéis: 7 de maio de 2021

Doutor Estranho 2: 5 de novembro de 2021

Thor: Love and Thunder: 18 de fevereiro de 2022

Pantera Negra 2: 8 de maio de 2022

Capitã Marvel 2: 8 de julho de 2022

Enquanto isso, Mulan foi reprogramado para 24 de julho, passando pelo Jungle Cruise até 30 de julho do próximo ano. Soul, o mais recente empreendimento da Pixar na Disney, ainda deve estrear em 19 de junho.

Artemis Fowl perdeu seu lançamento nos cinemas. A adaptação agora estreou no Disney +, o serviço de streaming do estúdio.

Um punhado de aquisições da Disney também mudou as datas de lançamento. O Free Guy saltou de 3 de julho para 11 de dezembro, enquanto The Fresh Dispatch de Wes Anderson passa para 16 de outubro de 24 de julho. No entanto, West Side Story de Steven Spielberg e The Last Duel de Ridley Scott manterão suas datas de lançamento em 18 de dezembro e 25 de dezembro, respectivamente.

Indiana Jones 5, que estava no caminho certo para um lançamento em 9 de julho de 2021, estrelado por Harrison Ford como personagem-título, será lançado em 29 de julho de 2022.

Notavelmente, a Disney não anunciou uma nova data de lançamento para Os Novos Mutantes, a versão final da franquia X-Men da Fox. O filme seria lançado originalmente em abril de 2018, mas – devido à aquisição da Disney e outros problemas – acabou sendo datado para 3 de abril de 2020. A pandemia do COVID-19 só agravou ainda mais a situação do longa quando a Disney o retirou novamente do seu calenário. Não está claro o que o estúdio planeja fazer com o projeto.

Para obter mais informações sobre o COVID-19, além de medidas básicas de proteção, como distanciamento social, visite o site da Organização Mundial da Saúde.

1917

9.5

Nota

9.5/10

Pros

  • Direção impecável
  • Fotografia deslumbrante
Continue Reading

cinema

Invasão Zumbi 2: Península ganha primeiro trailer arrepiante

Sequência do horror sul-coreano chega aos cinemas em agosto

Avatar

Published

on

Foi liberado nesta quinta (02) o primeiro trailer de Invasão Zumbi 2: Península, sequência do horror sul-coreano lançado em 2016. Confira a prévia abaixo, que mostra um mundo devastado e sem leis, aterrorizado por mortos-vivos.

Estrelado por Gang Dong-Won (Inrang), a trama se passa quatro anos após os acontecimentos vistos no primeiro longa e nos apresenta a península coreana devastada. Jung-seok, um ex-soldado que conseguiu fugir do país, tem a missão de retornar e surpreendentemente encontra alguns sobreviventes.

Dirigido novamente por Sang-ho Yeon, a sequência conta com Kang Dong (Vanishing Time: A Boy Who Returned), a cantora Lee Jung Hyunn, a atriz mirim Lee Re (A Melody to Remember), Kim Min Jae (Goblin) em seu elenco.

Invasão Zumbi 2: Península chega aos cinemas em 27 de agosto.

1917

9.5

Nota

9.5/10

Pros

  • Direção impecável
  • Fotografia deslumbrante
Continue Reading

Parceiros Editorias