Connect with us

cinema

Crítica 2 – Midsommar “foge dos padrões clássicos do terror”

O novo filme de Ari Aster é sangrento e perturbador, feito para deixar qualquer um desconfortável.

Avatar

Published

on

O novo filme de Ari Aster, diretor de Hereditário, tem dado o que falar. Considerado perturbador e sangrento, o longa é feito para deixar a audiência desconfortável. Ele foge dos padrões clássicos do terror, então não vá ver o filme esperando sustos e espíritos.

“Midsommar” conta a história de um grupo de universitários americanos que são convidados, ou atraídos, por um amigo sueco para um festival de verão no interior do país, o que acaba envolvendo uma série de rituais.

A muito tempo atrás o festival Midsommar era praticado na Suécia como um festival pagão que comemorava a chegada do verão e do maior dia do ano. Hoje em dia o festival é todo sobre a natureza e a “chegada da luz”.

O filme trás também muita mitologia nórdica. Infelizmente se você não tem nenhum conhecimento sobre tal, o longa pode parecer mais perturbador e estranho que o normal. Não há um espaço para explicações, Aster nos mostra as ações, nomes, símbolos, rituais pagãos e sacrifícios relacionados a mitologia mas não explica o básico para seu público.

O filme foge completamente dos padrões clássicos de um longa de terror. Sua fotografia e arte são claras, coloridas, abertas. Toda a imagem é realmente linda. A ideia de fazer “terror” em um ambiente que só escurece por uma ou duas horas é algo extremamente criativo e que Aster conseguiu executar com maestria.

Infelizmente o roteiro deixa muito a desejar. Todo a introdução da personagem principal parece ser jogada fora a partir do meio do segundo ato. Criou-se todo um conflito e background para Dani, a protagonista, que só serviu para explicar um pouco de sua loucura. Eles tinham um conteúdo muito vasto que acabou sendo mal aproveitado.

O final do filme é conflitante. As últimas cenas devem ser vistas com uma mente aberta e tentar compreender todo o contexto na qual os personagens estão inseridos, pois caso contrário, todo o final se torna uma grande comédia. A cena pode ser tão estranha que o público começa a rir de nervoso.

Apesar dessas falhas no roteiro, vale a pena ir ver o filme apenas por sua beleza. Já para os fãs de mitologia nórdica, o filme é um prato cheio.

Midsommar – O Mal não espera a noite estreia dia 19 de Setembro.

Midsommar

7.5

7.5/10

Pros

  • Arte
  • Fotografia
  • Mitologia por trás do filme
  • Tensão muito bem contruída

Cons

  • Roteiro
  • Precisa de conhecimento prévio
Advertisement
Comments

cinema

Warner, Marvel, Globo e outras empresas se posicionam contra o racismo

Gigantes do entretenimento deixaram suas mensagens de apoio ao movimento #VidasNegrasImportam

Avatar

Published

on

By

Os Estados Unidos (e algumas partes do mundo) estão enfrentando a maior crise da sua história, tudo porque de uma vez a economia, a saúde e a parte social estão literalmente entrando em colapso.

A parte econômica e de saúde se deve por conta da pandemia instaurada pelo coronavirus e seus efeitos nestes dois setores, somando-se à parte social que já andava fragilizada, agora ganha contornos raciais após a divulgação de um vídeo na última segunda-feira (25) que mostra um homem negro, o  ex-segurança George Floyd, sendo imobilizado por um policial branco com os joelhos em seu pescoço.

Tendo em vista este cenário, varias empresas e instituições estão se posicionando contra o racismo, entre elas gigantes do entretenimento como a Netflix, Marvel, Amazon Prime, Warner, Globoplay e outras. Confira: 

“Nós nos posicionamos contra o racismo. Nós nos posicionamos à favor da inclusão. Nós nos posicionamos ao lado de nossos funcionários, contadores de histórias, criadores negros e à comunidade negra como um todo. Nós precisamos nos unir e nos pronunciar”

https://www.instagram.com/p/CA3iFJMDBxX/?igshid=15zq3x6byw6nm https://twitter.com/globoplay/status/1267200741430738950?s=21 https://www.instagram.com/p/CA3cdpBgCoi/?igshid=1nuiufv671b1w

“‘Alguém tem que se levantar quando os outros estão sentados. Alguém tem que falar quando os outros estão quietos.’ – Bryan Stevenson.
Estamos ao lado dos nossos colegas, talentos, contadores de histórias e fãs negros – todos afetados pela violência sem sentido. A voz de vocês  importa, a sua mensagem importa. Vidas negras importam.”

View this post on Instagram

#BlackLivesMatter

A post shared by HBO (@hbo) on

“‘Nem o amor, nem o terror cegam: a indiferença é o que cega.’ – James Baldwin.
Nós estamos com os nossos colegas, funcionários, fãs, atores e contadores de histórias negros – e todos afetados por essa violência sem sentido. Vidas negras importam.”

“Estamos com nossos funcionários, colegas, parceiros e criadores negros, indignados com os atos de racismo. Vidas negras importam.”

“Vidas negras importam. Cultura negra importa. Comunidades negras importam. Nós nos posicionamos em solidariedade a nossos colegas, criadores, parceiros e públicos negros e condenamos atos de racismo, discriminação e atos de violência sem sentido”

Os protestos contra o racismo nos Estados Unidos continuaram com manifestantes no último domingo (31) tentando invadir a Casa Branca, sede do governo americano. 

Midsommar

7.5

7.5/10

Pros

  • Arte
  • Fotografia
  • Mitologia por trás do filme
  • Tensão muito bem contruída

Cons

  • Roteiro
  • Precisa de conhecimento prévio
Continue Reading

cinema

Retorno de Henry Cavill como Superman é somente rumor

Apesar do interesse do estúdio no ator, não há negociações no momento.

Avatar

Published

on

A notícia que estava sendo celebrado pelos fãs durante a semana pode ter sido um mero “rumor”: de acordo com informações apuradas pelo The Hollywood Reporter, não há no momento nenhuma negociação entre Warner e Henry Cavill para que o ator reprise o papel de Superman nos cinemas.

Entretanto, o site informa de que os executivos do estúdios tem sim um interesse pelo retorno de Cavill, apesar de sua situação ser, nas palavras da publicação, “complicada”. Independentemente de que o rumor apontava que o novo acordo poderia fazer com que o personagem aparecesse em algum outro filme – como nas sequências de Shazam!, Aquaman ou Esquadrão Suicida, por exemplo – nenhum destes roteiros conta com o kryptoniano atualmente.

A situação é similar ao que ocorreu no ano passado, quando Cavill estava concretamente em negociações para fazer uma participação especial em Shazam!, o que acabou não ocorrendo graças à complicações nos ajustes do acordo. Assim, a cena em questão foi filmada apenas com o torso do Homem de Aço.

De qualquer maneira, vale ressaltar que o ator revelou o desejo de encerrar a trilogia iniciada com Batman vs Superman, inclusive expressando isso durante a live em que Zack Snyder anunciou seu corte de Liga da Justiça. Então aguardemos novas informações sobre o assunto em breve.

Liga da Justiça: Snyder Cut estreia em 2021 na HBO Max.

Midsommar

7.5

7.5/10

Pros

  • Arte
  • Fotografia
  • Mitologia por trás do filme
  • Tensão muito bem contruída

Cons

  • Roteiro
  • Precisa de conhecimento prévio
Continue Reading

cinema

Live-action de Borderlands terá Cate Blanchett como Lilith

Atriz de Thor Ragnarok se une com diretor de O Mistério do Relógio na Parede.

Avatar

Published

on

Agora é oficial: Cate Blanchett, de Thor Ragnarok, foi confirmada como a siren Lilith na adaptação cinematográfica do game Borderlands. A produção irá reunir mais uma a atriz com o diretor Eli Roth, que trabalharam juntos em O Mistério do Relógio na Parede.

Empolgado, Roth falou com o site Variety sobre a adição de Blanchett à produção:

“Acredito que não há nada que ela não possa fazer: do drama à comédia e agora ação, Cate faz cada cena cantar. Trabalhar com ela é um sonho de diretor virando realidade. Sei que, juntos, vamos criar outra personagem icônica para a carreira bem-sucedida dela.”

Na história, a personagem Lilith é uma das poucas mulheres da galáxia pertencentes a uma classe de “sereias” com poderes especiais, como a manipulação do tempo-espaço. No primeiro jogo, lançado em 2009, ela era uma das quatro personagens jogáveis. Entretanto, nos outros títulos da saga, a personagem voltou a aparecer, mas como não-jogável.

Com direção de Roth, a adaptação contará com roteiro de Craig Mazin, criador da minissérie Chernobyl e com produção de Avi Arad, responsável pelos primeiros filmes do Homem-Aranha.

Borderlands não tem data de lançamento previsto.

Midsommar

7.5

7.5/10

Pros

  • Arte
  • Fotografia
  • Mitologia por trás do filme
  • Tensão muito bem contruída

Cons

  • Roteiro
  • Precisa de conhecimento prévio
Continue Reading

Parceiros Editorias