Connect with us

cinema

Crítica – Annabelle 3 “Previsível e sem nenhuma mudança”

Annabelle 3 é o próximo sucessão de Sessão da Tarde, pra ver com os amigos

Thalita Heiderich

Published

on

Annabelle 3 é o 7º filme da franquia James1 Wan de horror baseado na vida do casal de demonólogos Ed e Lorraine Warren (Patrick Wilson e Vera Farmiga).

Primeiro trabalho de direção da carreira de Gary Dauberman (que roteirizou vários filmes da franquia Jamen Wan) e estrelado pela maravilhosa Mckenna Grace. Dessa vez acompanhamos uma noite na casa do casal Warren, em que sua filha Judy (Mckenna) está com a babá Mary (Madison Iseman) e a amiga bisbilhoteira Daniela (Katie Sarife).

O filme explica que Annabelle nunca foi possuída, mas é na verdade um canal para a passagem dos demônios.Todo o problema acontece quando Daniela encontra a chave do quarto de artefatos demoníacos e resolve xeretar tudo… com direito a abrir a caixa onde está a encapetada da Annabelle. 

E haja demônio andando pela casa depois disso. Tem lobisomen, noiva ensanguentada (não é a Chorona), tem boardgame assassino, televisão mal assombrada, barqueiro, samurai.. uffa, será que esqueci de alguém? provavelmente.

Essa franquia sabe fazer bem uma coisa: fazer dinheiro gastando pouco. Tendo isso em base, o próximo passo é apresentar ainda mais personagens pra que mais Spin-Offs sejam criados e esse universo gere AINDA MAIS dinheiro.E é só pra isso que esse filme serve. Tem personagem pra mais 10 anos de spin-off.

Não me levem a mal. Pode ir assistir. É Blockbuster, tem visual maneiro, tem clima, tem uma leve pegada da direção do James Wan (genérica, né). E tem Jumpscare!! Ô, o povo gosta de Jumpscare.

Mas não tem perigo real. Não tem medo de morte. É previsível e tem tanto personagem em tela que ninguém tem realmente tempo de ser apresentado e causar medo. Misturado a isso, temos 3 personagens com 3 backgrounds próprios que ficam mal desenvolvidos e dão lentidão à narrativa. Por exemplo: Judy compartilha dos “poderes” da mãe, ela vê entidades. Depois que isso é apresentado, não serve pra nada na história, visto que toda entidade que aparece é vista por todos na casa. Se não fosse o fato da Mckenna ser uma atriz mirim excelente, esse filme perderia o pouco carisma que tem.

É meio desapontador ver um roteiro retroceder. Annabelle 2 foi um filme fechadinho e bem feito, mas creio que cresceram o olho ao fazer a sequência (da sequência).

O segundo ato é repleto de “nada aconteces” + jumpscare. O que não é um grande problema, mas ele guia pra um terceiro ato com resolução previsível e sem nenhuma mudança  crescimento dos personagens. o filme só tem 2 lições: não futuque no que não e seu e use joelheiras ao andar de patins.

Eu sei que eu disse que esse filme tem personagem pra mais 10 anos de franquia, mas  que eu não disse é que nenhum deles tem peso pra se sustentar se não for muito bem apresentado. Nesse filme aqui eles não fizeram nada além de puxar uns pezinhos.  Eu fui ver Annabelle 3, não Atividade Paranormal 2019.

Annabelle 3 é o próximo sucessão de Sessão da Tarde, pra ver com os amigos e rir do garoto aleatório fazendo serenata desafinada.

Estreia dia 26 de junho nos cinemas brasileiros. Assiste e diz pra gente o que achou!!

Annabelle 3

3.5

Nota

3.5/10

Pros

  • Mackenna Grace
  • Referência a boneca Annabelle original
  • O quentinho no coração de ver os Warren.

Cons

  • Superficialidade da história
  • O cringe da cena do mercado
  • Previsibilidade
Comments