Connect with us

cinema

Crítica – Hellboy “Existe boa vontade, mas péssima execução”

Queria destacar uma luta horrorosa no meio do filme, que só se sustenta por ter uma música do Muse que eu amo muito.

Thalita Heiderich

Published

on

Uma feiticeira super poderosa e vingativa é acordada e agora só uma pessoa pode detê-la: Hellboy! (Pode ler com a voz do narrador da sessão da tarde)

Dirigido por Neil Marshall (Abismo do Medo), Hellboy é o mais novo filme da franquia que leva o mesmo nome… mas não faz realmente parte da franquia.

Os mais velhos vão lembrar dos filmes 1 e 2, dirigidos por Guillermo Del Toro ( A Forma da Água, Labirinto do Fauno). Del Toro é famoso por construir universos com seus monstros e causar empatia na gente.

O filme de 2019 infelizmente não completa uma trilogia, é uma espécie de reboot, mas se aproveita de elementos dos filmes passados pra apoiar seu enredo.

Enredo esse que é carregado de cenas apressadas e mal editadas. Sabe quando você quer assistir a um conteúdo, mas coloca ele em velocidade 2x, pra terminar mais rápido? Acho que fizeram isso com esse filme… se esqueceram de dar tempo para as coisas. A velocidade também tira o tom de importância das revelações. Clímax depende de timing e construção… normalmente é uma crescente. Ritmo constante cansa o expectador e desvia a atenção.

Há também uma pressa pra apresentar o problema do filme. O primeiro ato já faz isso, o que come tempo de apresentação e estabelecimento de personagens.

David Harbour faz um bom Hellboy, só lamento que ele viva nas sombras do Ron Perlman (intérprete dos filmes antigos). Gosto muito da interação dele com Ian Macshane, mas esse cara é bom em tudo o que faz, então até se o papel fosse ruim, ele seria bom.

Um grande nome desse elenco é Milla Jovovich (eterna matadora de zumbis), ela interpreta a tal feiticeira vingativa. Essa personagem é tão importante na mitologia que essa interpretação foi muito mal aproveitada, não só pela atuação como pelo roteiro, que muda do nada a motivação da vilã e não convence.

Outra coisa que não convence é o CG do filme. Além de ser muito ruim, deixa a desejar em comparação com os filmes antigos, que tinham mais atenção a detalhes dos personagens principais, como o rabo do Hellboy, que tinha vida própria, estava sempre em movimento. Pra não dizer que é tudo uma horror, a maquiagem é legal, nos personagens menores, em cenas mais discretas.

Ainda falando do CG, queria destacar uma luta horrorosa no meio do filme, que só se sustenta por ter uma música do Muse que eu amo muito.
Vamos tirar um momento pra agradecer a Sasha Lane e Daniel Dae Kim por se divertirem com o filme e tentarem fazer alguma coisa de seus personagens.

Fãs da franquia provavelmente não vão gostar, mas pra quem não conhece, talvez algumas piadas colem. E o filme abre espaço pra uma continuação (por favor, não).

Em suma, Hellboy é um filme que tentou ser algo, se baseando na fama dos filmes antigos. Faltou direção, faltou roteiro, faltou edição e faltou até trilha sonora coerente. Existe boa vontade, mas péssima execução.

Hellboy estreia em 16 de maio.

Carioca viciada em séries, filmes do drama ao terror gore. Rabiscadora de livros, nerd, míope e ouvinte de podcast com a cabeça na janela do ônibus.

Advertisement
Comments

cinema

Confira todos os indicados ao Globo de Ouro de 2020.

A grande surpresa entre os indicados estão longas exclusivos da Netflix.

Ígor Howtelaire

Published

on

Nesta segunda-feira (9) foi anunciado pela Hollywood Foreign Press Association os filmes e séries indicados ao Globo de Ouro de 2020. Tendo como principal destaque a Netflix, que surpreende ao ter três longas originais do serviço de streaming concorrendo na categoria de Melhor Filme Dramático (O Irlandês, de Martin Scorsese; História de um Casamento, de Noah Baumbach; e Dois Papas, do brasileiro Fernando Meirelles, diretor do incrível Cidade de Deus) e um na categoria de Melhor Filme de Comédia ou Musical (Meu Nome é Dolemite, de Craig Brewer).

A seguir, a lista dos indicados ao Globo de Ouro 2020:

Melhor Filme Dramático

  • O Irlandês (Netflix)
  • História de um Casamento (Netflix)
  • 1917 (Universal)
  • Coringa (Warner Bros.)
  • Dois Papas (Netflix)

Melhor Filme de Comédia ou Musical

  • Era Uma Vez Em… Hollywood (Sony)
  • Jojo Rabbit (Fox Searchlight)
  • Entre Facas e Segredos (Lionsgate)
  • Rocketman (Paramount)
  • Meu Nome é Dolemite (Netflix)

Melhor Filme Estrangeiro

  • The Farewell (China)
  • Dor e Glória (Espanha)
  • Retrato de uma Jovem em Chamas (França)
  • Parasita (Coréia do Sul)
  • Os Miseráveis (França)

Melhor Animação

  • Frozen 2
  • Como Treinar o seu Dragão 3
  • Link Perdido
  • Toy Story 4
  • O Rei Leão

Melhor Diretor

  • Bong Joon-ho – Parasita
  • Sam Mendes – 1917
  • Todd Phillips – Coringa
  • Martin Scorsese – O Irlandês
  • Quentin Tarantino – Era Uma Vez Em… Hollywood

Melhor Atriz

  • Cynthia Erivo – Harriet
  • Scarlett Johansson – História de um Casamento
  • Saoirse Ronan – Adoráveis Mulheres
  • Charlize Theron – O Escândalo
  • Renée Zellweger – Judy

Melhor Ator

  • Christian Bale – Ford v Ferrari
  • Antonio Banderas – Dor e Glória
  • Adam Driver – História de um Casamento
  • Joaquin Phoenix – Coringa
  • Jonathan Pryce – Dois Papas

Melhor Atriz em Filme de Comédia ou Musical

  • Awkwafina – The Farewell
  • Ana de Armas– Entre Facas e Segredos
  • Cate Blanchett – Cadê Você, Bernadette?
  • Beanie Feldstein – Fora de Série
  • Emma Thompson – Late Night

Melhor Ator em Filme de Comédia ou Musical

  • Daniel Craig – Entre Facas e Segredos
  • Roman Griffin Davis – Jojo Rabbit
  • Leonardo DiCaprio – Era Uma Vez Em… Hollywood
  • Taron Egerton – Rocketman
  • Eddie Murphy – Meu Nome é Dolemite

Melhor Atriz Coadjuvante

  • Kathy Bates – Richard Jewell
  • Annette Bening – O Relatório
  • Laura Dern – História de um Casamento
  • Jennifer Lopez – As Golpistas
  • Margot Robbie – O Escândalo

Melhor Ator Coadjuvante

  • Tom Hanks – Um Lindo Dia na Vizinhança
  • Anthony Hopkins – Dois Papas
  • Al Pacino – O Irlandês
  • Joe Pesci – O Irlandês
  • Brad Pitt – Era Uma Vez Em… Hollywood

Melhor Roteiro

  • Noah Baumbach  – História de um Casamento
  • Bong Joon-ho e Han Jin-won – Parasita
  • Anthony McCarten – Dois Papas
  • Quentin Tarantino – Era Uma Vez Em… Hollywood
  • Steven Zaillian – O Irlandês

Melhor Trilha Sonora Original

  • Daniel Pemberton – Brooklyn – Sem Pai Nem Mãe
  • Alexandre Desplat – Adoráveis Mulheres
  • Hildur Guðnadóttir – Coringa
  • Thomas Newman – 1917
  • Randy Newman– História de um Casamento

Melhor Canção Original

  • “Beautiful Ghosts” – Cats
  • “(I’m Gonna) Love Me Again” – Rocketman
  • “Into the Unknown” – Frozen 2
  • “Spirit” – O Rei Leão
  • “Stand Up” – Harriet

Melhor Série Dramática

  • Big Little Lies (HBO)
  • The Crown (Netflix)
  • Killing Eve (BBC America)
  • The Morning Show (Apple TV+)
  • Succession (HBO)

Melhor Atriz de Série Dramática

  • Jennifer Aniston – The Morning Show
  • Olivia Colman  – The Crown
  • Jodie Comer – Killing Eve
  • Nicole Kidman – Big Little Lies
  • Reese Witherspoon – Big Little Lies

Melhor Ator de Série Dramática

  • Brian Cox – Succession
  • Kit Harington – Game of Thrones
  • Rami Malek – Mr. Robot
  • Tobias Menzies – The Crown
  • Billy Porter – Pose

Melhor Série de Comédia ou Musical

  • Barry (HBO)
  • Fleabag (BBC/Amazon)
  • O Método Kominsky (Netflix)
  • The Marvelous Mrs. Maisel (Amazon)
  • The Politician (Netflix)

Melhor Atriz em Série de Comédia ou Musical

  • Christina Applegate – Disque Amiga Para Matar
  • Rachel Brosnahan – The Marvelous Mrs. Maisel
  • Kirsten Dunst – On Becoming a God in Central Florida
  • Natasha Lyonne – Boneca Russa
  • Phoebe Waller-Bridge – Fleabag

Melhor Ator em Série de Comédia ou Musical

  • Michael Douglas – O Método Kominsky
  • Bill Hader – Barry
  • Ben Platt – The Politician
  • Paul Rudd – Cara x Cara
  • Ramy Youssef – Ramy

Melhor Filme ou Minissérie para TV

  • Catch-22 (Hulu)
  • Chernobyl (HBO)
  • Fosse/Verdon (FX)
  • The Loudest Voice (Showtime)
  • Inacreditável (Netflix)

Melhor Atriz por Minissérie ou Filme para a TV

  • Kaitlyn Dever – Inacreditável
  • Joey King– The Act
  • Helen Mirren – Catherine the Great
  • Merritt Wever – Inacreditável
  • Michelle William – Fosse/Verdon

Melhor Ator por Minissérie ou Filme para a TV

  • Christopher Abbott – Catch-22
  • Sacha Baron Cohen – O Espião
  • Russell Crowe – The Loudest Voice
  • Jared Harris – Chernobyl
  • Sam Rockwell – Fosse/Verdon

Melhor Atriz Coadjuvante por Minissérie ou Filme para a TV

  • Patricia Arquette – The Act
  • Helena Bonham Carter – The Crown
  • Toni Collette – Inacreditável
  • Meryl Streep – Big Little Lies
  • Emily Watson – Chernobyl

Melhor Filme Dramático

  • O Irlandês (Netflix)
  • História de um Casamento (Netflix)
  • 1917 (Universal)
  • Coringa (Warner Bros.)
  • Dois Papas (Netflix)

Melhor Filme de Comédia ou Musical

  • Era Uma Vez Em… Hollywood (Sony)
  • Jojo Rabbit (Fox Searchlight)
  • Entre Facas e Segredos (Lionsgate)
  • Rocketman (Paramount)
  • Meu Nome é Dolemite (Netflix)

Melhor Filme Estrangeiro

  • The Farewell (China)
  • Dor e Glória (Espanha)
  • Retrato de uma Jovem em Chamas (França)
  • Parasita (Coréia do Sul)
  • Os Miseráveis (França)

Melhor Animação

  • Frozen 2
  • Como Treinar o seu Dragão 3
  • Link Perdido
  • Toy Story 4
  • O Rei Leão

Melhor Diretor

  • Bong Joon-ho – Parasita
  • Sam Mendes – 1917
  • Todd Phillips – Coringa
  • Martin Scorsese – O Irlandês
  • Quentin Tarantino – Era Uma Vez Em… Hollywood

Melhor Atriz

  • Cynthia Erivo – Harriet
  • Scarlett Johansson – História de um Casamento
  • Saoirse Ronan – Adoráveis Mulheres
  • Charlize Theron – O Escândalo
  • Renée Zellweger – Judy

Melhor Ator

  • Christian Bale – Ford v Ferrari
  • Antonio Banderas – Dor e Glória
  • Adam Driver – História de um Casamento
  • Joaquin Phoenix – Coringa
  • Jonathan Pryce – Dois Papas

Melhor Atriz em Filme de Comédia ou Musical

  • Awkwafina – The Farewell
  • Ana de Armas– Entre Facas e Segredos
  • Cate Blanchett – Cadê Você, Bernadette?
  • Beanie Feldstein – Fora de Série
  • Emma Thompson – Late Night

Melhor Ator em Filme de Comédia ou Musical

  • Daniel Craig – Entre Facas e Segredos
  • Roman Griffin Davis – Jojo Rabbit
  • Leonardo DiCaprio – Era Uma Vez Em… Hollywood
  • Taron Egerton – Rocketman
  • Eddie Murphy – Meu Nome é Dolemite

Melhor Atriz Coadjuvante

  • Kathy Bates – Richard Jewell
  • Annette Bening – O Relatório
  • Laura Dern – História de um Casamento
  • Jennifer Lopez – As Golpistas
  • Margot Robbie – O Escândalo

Melhor Ator Coadjuvante

  • Tom Hanks – Um Lindo Dia na Vizinhança
  • Anthony Hopkins – Dois Papas
  • Al Pacino – O Irlandês
  • Joe Pesci – O Irlandês
  • Brad Pitt – Era Uma Vez Em… Hollywood

Melhor Roteiro

  • Noah Baumbach  – História de um Casamento
  • Bong Joon-ho e Han Jin-won – Parasita
  • Anthony McCarten – Dois Papas
  • Quentin Tarantino – Era Uma Vez Em… Hollywood
  • Steven Zaillian – O Irlandês

Melhor Trilha Sonora Original

  • Daniel Pemberton – Brooklyn – Sem Pai Nem Mãe
  • Alexandre Desplat – Adoráveis Mulheres
  • Hildur Guðnadóttir – Coringa
  • Thomas Newman – 1917
  • Randy Newman– História de um Casamento

Melhor Canção Original

  • “Beautiful Ghosts” – Cats
  • “(I’m Gonna) Love Me Again” – Rocketman
  • “Into the Unknown” – Frozen 2
  • “Spirit” – O Rei Leão
  • “Stand Up” – Harriet

Melhor Série Dramática

  • Big Little Lies (HBO)
  • The Crown (Netflix)
  • Killing Eve (BBC America)
  • The Morning Show (Apple TV+)
  • Succession (HBO)

Melhor Atriz de Série Dramática

  • Jennifer Aniston – The Morning Show
  • Olivia Colman  – The Crown
  • Jodie Comer – Killing Eve
  • Nicole Kidman – Big Little Lies
  • Reese Witherspoon – Big Little Lies

Melhor Ator de Série Dramática

  • Brian Cox – Succession
  • Kit Harington – Game of Thrones
  • Rami Malek – Mr. Robot
  • Tobias Menzies – The Crown
  • Billy Porter – Pose

Melhor Série de Comédia ou Musical

  • Barry (HBO)
  • Fleabag (BBC/Amazon)
  • O Método Kominsky (Netflix)
  • The Marvelous Mrs. Maisel (Amazon)
  • The Politician (Netflix)

Melhor Atriz em Série de Comédia ou Musical

  • Christina Applegate – Disque Amiga Para Matar
  • Rachel Brosnahan – The Marvelous Mrs. Maisel
  • Kirsten Dunst – On Becoming a God in Central Florida
  • Natasha Lyonne – Boneca Russa
  • Phoebe Waller-Bridge – Fleabag

Melhor Ator em Série de Comédia ou Musical

  • Michael Douglas – O Método Kominsky
  • Bill Hader – Barry
  • Ben Platt – The Politician
  • Paul Rudd – Cara x Cara
  • Ramy Youssef – Ramy

Melhor Filme ou Minissérie para TV

  • Catch-22 (Hulu)
  • Chernobyl (HBO)
  • Fosse/Verdon (FX)
  • The Loudest Voice (Showtime)
  • Inacreditável (Netflix)

Melhor Atriz por Minissérie ou Filme para a TV

  • Kaitlyn Dever – Inacreditável
  • Joey King– The Act
  • Helen Mirren – Catherine the Great
  • Merritt Wever – Inacreditável
  • Michelle William – Fosse/Verdon

Melhor Ator por Minissérie ou Filme para a TV

  • Christopher Abbott – Catch-22
  • Sacha Baron Cohen – O Espião
  • Russell Crowe – The Loudest Voice
  • Jared Harris – Chernobyl
  • Sam Rockwell – Fosse/Verdon

Melhor Atriz Coadjuvante por Minissérie ou Filme para a TV

  • Patricia Arquette – The Act
  • Helena Bonham Carter – The Crown
  • Toni Collette – Inacreditável
  • Meryl Streep – Big Little Lies
  • Emily Watson – Chernobyl

Melhor Ator Coadjuvante em Série, Minissérie ou Filme para TV

  • Alan Arkin – O Método Kominsky
  • Kieran Culkin – Succession
  • Andrew Scott – Fleabag
  • Stellan Skarsgård – Chernobyl
  • Henry Winkler – Barry

O Globo de Ouro 2020 acontecerá dia 05 de Janeiro.

Continue Reading

cinema

Ghostbusters: Mais Além confira o trailer de Caça-Fantasmas

Divulgado o primeiro trailer de Caça-Fantasmas

Rebeca Pinho

Published

on

Ghostbusters: Mais Além o novo filme da franquia Caça-Fantasmas ganhou seu primeiro trailer nesta segunda-feira (9)

Ghostbusters: Mais Além será uma continuação dos filmes originais da saga, diferente do título lançado em 2016. O longa conta com o retorno da atriz Sigourney Weaver no papel de Dana Barrett, além disso tem a direção de Jason Reitman.

O primeiro filme da saga Caça-Fantasmas, foi lançado em 1984 e desde de seu lançamento, a franquia foi se consolidando de fato, um dos grandes nomes da cultura pop.

Ghostbusters: Mais Além tem lançamento previsto para 10 de julho de 2020

Continue Reading

CCXP 2019

CCXP | Artists Alley o coração da CCXP

A Artists Alley é o local onde quadrinistas do mundo todo, encontram seu espaço para compartilharem suas artes.

Rebeca Pinho

Published

on

A Artists Alley é o local onde quadrinistas do mundo todo, encontrão seu espaço para compartilharem suas artes. Nomes renomados e também novos talentos tem seus espaço garantido, na maior feira geek do mundo.

A atração é uma experiência única para os amantes dos quadrinhos, hqs e afins. A oportunidade perfeita para conseguir um autógrafo, bater um papo com seus artistas favoritos, ou ainda conhecer novos nomes da indústria.

Esse ano a CCXP conta com mais de quinhentos artistas presentes na feira, com certeza um deles vai te agradar. Além disso, no espaço é comercializado posteres, bottons, e é claro muitos livros!

Entre um dos grandes destaques desse ano, temos a quadrinista Ju Loyola. Ju nasceu em São Paulo. Aos 3 anos, perdeu sua audição decorrente de uma infecção na infância.

Essa é a primeira participação de Ju Loyla na CCXP. A artista traz ”narrativas silenciosas” pois seus quadrinhos não tem textos, apenas imagens. Inclusive um deles foi usado em uma das questões da prova do Enem em 2019, chegando aparecer entre os assuntos mais comentados do twitter.

A CCXP acontece entre 5 e 8 de dezembro e todos os ingressos foram vendidos.

Continue Reading

Parceiros Editorias

error: Conteúdo Protegido