Connect with us

Críticas

Crítica – Obsessão “Construção dos personagens é inacabada”

Filme de stalker não convence a audiência.

Thalita Heiderich

Published

on

Todo mundo precisa de amigos…

Obsessão é um filme dirigido por Neil Jordan, conhecido mais atualmente como roteirista, mas que como diretor tem em seu currículo o filme Entrevista com um Vampiro.

Nele embarcamos na formação da amizade de Greta (Isabelle Huppert – recente vencedora do Oscar) e Frances (Chloe Grace Moretz) através de uma bolsa esquecida no metrô.

Se você tem interesse em ver o filme, não assista ao trailer, ele conta praticamente a história inteira.

Ao longo da trama, descobrimos que Greta tem um plano para acabar com sua solidão: atrai pessoas para si através das bolsas esquecidas. Até aí, quem nunca pensou nisso? Uma senhora… sozinha, carente… queria uma companhia. Mal sabia a pobre Frances que ela era uma psicopata louca e stalker.

Eu queria ter gostado do filme. A ideia não é inovadora, mas é cabível, é possível, as atrizes tem certa química juntas, a trilha é gostosa e bem encaixada mas…. os personagens são muito caricatos.

Não sei dizer se a Isabelle Huppert atuou mal ou se sua personagem era assim tão estranha, que explique a personalidade “cringe” de Greta. Frances é meio uma menina muito ingênua pra cidade grande e mora com a melhor amiga que faz yoga e fala de sexo o dia todo. Mesmo o investigador que aparece mais pro final do filme não sabe se portar como investigador e age de forma super ingênua e que não condiz com sua função.

É um filme que tem primeiro ato e twist final interessantes, mas um segundo ato que dói de assistir. Nem é barriga, só é incômodo mesmo. Como audiência, você quer pegar a personagem e dizer: “filha, é assim que faz”, mas a ingenuidade é tanta que a situação vira um descontrole total. O roteiro também não te apresenta muita saída, visto que ninguém realmente se importa, algumas situações não são críveis, mas são tratadas seriamente e a construção dos personagens é inacabada. Esse diretor é vencedor de Oscar de melhor roteiro. Nem todo mundo tem dias de glória, não é mesmo?

Destaco de forma positiva a edição de som, que monta o clima das cenas e faz transições se destacarem na história. Também a direção.

Greta é um filme médio de stalker com duas boas atrizes que chegou bem tarde aqui no Brasil. Provavelmente não vai agradar o público mainstream, mas tem apelo ao público mais “cult”.

Estreia dia 13 de junho nos cinemas nacionais.

5

5.0/10

Pros

  • Ver a interação das atrizes

Cons

  • Roteiro.
  • Conceito de personagens.
Comments