Connect with us

séries

Crítica | Os Defensores – “Protejam a minha cidade” *Sem Spoilers*

Roberto Cruz

Published

on

LOJA DC 4

Nesta sexta-feira (18), a Netflix finalmente liberou a sua série original e talvez a mais esperada pelo fãs esse ano. Isso aí, estamos falando da união de heróis, da junção de Punho de Ferro, Demolidor, Jessica Jones e Luke Cage em uma série só! Estamos falando é claro de Os Defensores!

Por mais que fosse muito esperada, alguns fãs estavam com medo do que poderia ser a série, já que as últimas séries de Heróis da Netflix deixaram os assinantes bem divididos. Mas afinal, vale assistir Os Defensores? E a respostas para essa pergunta é um grande SIM!.

Os Defensores apresenta algo que já vimos que dá certo, a união de heróis, uma fórmula simples que pode fazer os fãs irem ao delírio ou a decepção, mas felizmente estamos falando da parceria Marvel/Netflix. Defensores é sem sombra de dúvidas uma das melhores séries de Heróis da atualidade. As duas gigantes vermelhas conseguiram fazer uma junção perfeita entre as séries, não fazendo que aquilo pareça artificial, mas sim um história bem contada onde eles tem problemas, não construindo uma relação artificial. O que mostra que a as duas empresas realmente se dedicaram ao máximo para fazer o melhor “Crossover” das séries de heróis até o momento.

Um dos grande acertos da série é com certeza o roteiro que é algo simples e, ao mesmo tempo, surpreendente com o jeito em que ele apresenta cada personagem no começo da série, como ele vai fazendo aos poucos os personagem se juntarem de forma indireta e depois fazendo eles se unirem para combater um inimigo em comum. O roteiro em momento algum deixou os diálogos ou o ritmo da série ficarem artificiais ou calmos demais, o que te prende ainda mais nesse mundo. Com apenas 8 episódios a série fez tudo que precisava e foi direto ao ponto, sem enrolação, sem filers fazendo a série fluir de uma maneira incrível.

Outro ponto incrível da série é a fotografia que sempre foi muito boa nas séries da Netflix, mas dessa vez se superou fazendo com que você fica-se cada vez mais encantado com as imagens, que passa um tom mais realista. Quando o assunto era Demolidor a fotografia passava para um tom mais avermelhado, quando falavam da Jessica ela ficava com um tom mais azulado, no Luke Cage um tom mais amarelado dando a sensação de calor, e no Punho de Ferro ela ficava com suaves tons de amarelo um pouco frio. O que fazia cada imagem parecer um wallpaper diferente e dando a cada personagem sua própria personalidade de cor de maneira bem sútil.

A produção da série é algo realmente que me deixou feliz, pois viram no que erraram em Punho de Ferro e Luke Cage e corrigiram esses erros em Os Defensores, o que para mim soma alguns pontos na média da Netflix e Marvel. O cuidados com as cenas de lutas foram muito grandes, assim entregando cenas que me faziam perder o folego e querer sair lutando junto com eles. As atuações não ficaram para atrás, os atores se dedicaram ao máximo para passar a sensação de que tudo aquilo é realidade, de que eles são mesmo os heróis na vida real o que deixa a série ainda melhor.

Defensores veio de uma sequência de duas séries que separaram o público, mas a série não veio só para unir quatro heróis, ela veio para unir os fãs das séries de Heróis da Netflix novamente!

Roberto Cruz
“Eu estou com a Força e a Força está comigo.”
Comments