Connect with us

e-Sports

CrossFire | Lucas “rst” Franco fala sobre conquista mundial e planos para a próxima temporada

Gabriel Reis dos Anjos Santos

Published

on

LOJA DC 4

Foto: Black Dragons e-Sports

No último domingo (29), o time da Black Dragons e-Sports se consagrou campeão mundial de CrossFire após vencer a Super Valiante por dois mapas a um no CrossFire Stars Invitational. Essa foi a primeira vez que um time brasileiro de CF conseguiu trazer esse título pra casa. O Cabana do Leitor conversou com Lucas “rst” Franco, um dos responsáveis pela conquista brasileira lá fora. A entrevista você confere a seguir.

Cabana do Leitor: Quais suas expectativas para a próxima temporada no CF?
Lucas “rst” Franco: As expectativas são as melhores possíveis. Infelizmente não vamos estar no Brasil na próxima temporada, já que ganhamos o 2 split do Campeonato Brasileiro e sendo assim garantimos a vaga para a melhor liga do mundo, a CFPL (CrossFire Pro League), que acontece na China.
CDL: Você jogou ao lado de um cara como o Mendes, que buscava a anos esse título. Na hora do jogo isso pesou de alguma forma?
Lucas “rsT”: Não pesou de forma alguma. Montamos esse time com o propósito de ser campeão mundial e conseguimos. Jogar com o Mendes que é muito bom, sempre jogamos juntos (desde 2014) e ganhar esse título inédito no Crossfire com ele é uma alegria muito grande, logo time todo está muito feliz por essa conquista não só eu e ele.
CDL: Vocês irão manter o time para a próxima temporada ou irão acontecer mudanças na line-up?
Lucas “rsT”: Vamos manter sim, time que está ganhando não se mexe (risos)
CDL: Você é seu time foram os primeiros a trazer o “caneco” do Mundial de CF para o Brasil. Em algum momento da sua carreira você se imaginou realizando esse feito?
Lucas “rsT”: A ficha ainda não caiu. Não jogamos só pela gente, jogamos pela nossa família e pelos nossos fãs, todo mundo que joga profissionalmente tem o sonho de um dia se tornar um campeão mundial e trazer alegria pro seu país, e isso aconteceu com o nosso time.

Tivemos ainda a oportunidade de saber do Lucas qual foi a primeira coisa que passou pela cabeça de Rafael “mnd” Mendes quando ele finalmente se consagrou campeão mundial de CF: “Naquele momento ele só conseguia lembrar o quanto tinha treinado para chegar naquele momento momento e não tem muitas palavras para descrever sua felicidade com esse feito.”

Além do título, a organização também ficou com a premiação em dinheiro, no valor de quinze mil dólares.

Gabriel Reis dos Anjos Santos
18 anos, estudante e amante dos e-Sports desde o ano de 2013.
Comments