Em um Bairro de Nova York é criticado por falta de afro-latinos no elenco

O criador do musical Lin-Manuel Miranda se diz ‘verdadeiramente arrependido’ em meio a críticas sobre a falta de representação afro-latinos.

Em um Bairro de Nova York marcou o retorno dos musicais de cinema para as telonas no último fim de semana, mas alguns espectadores criticaram o filme por falta de representação afro-latina entre o elenco principal.

O criador, compositor e estrela original do musical, Lin-Manuel Miranda, respondeu às críticas nesta segunda-feira no Twitter.

“Comecei a escrever Em um Bairro de Nova York porque não me sentia visto”, escreveu ele. “E nos últimos 20 anos, tudo o que eu queria era que todos nós – nos sentíssemos vistos. Estou vendo a discussão em torno da representação afro-latina em nosso filme neste fim de semana e é claro que muitos em nossa comunidade afro-latina de pele escura não se sentem suficientemente representados nele, particularmente entre os papéis principais.”

Ele continuou: “Eu posso ouvir a dor e frustração sobre o colorismo, de se sentir ainda invisível. Ouvi dizer que sem representação afro-latina de pele escura suficiente, o trabalho se sente extrativo da comunidade que tanto queríamos representar com orgulho e alegria. Ao querer pintar um mosaico dessa comunidade, ficamos aquém.”

Dizendo que estava “verdadeiramente arrependido”, Miranda concluiu: “Estou aprendendo com o feedback. Agradeço por criá-lo, e estou ouvindo. Estou tentando manter espaço para o incrível orgulho do filme que fizemos e ser responsável por nossas deficiências. Obrigado pelo seu feedback honesto. Prometo fazer melhor em meus projetos futuros, e estou dedicado ao aprendizado e evolução que todos temos que fazer para garantir que estamos honrando nossa comunidade diversificada e vibrante.”

O diretor do filme, Jon M. Chu, foi questionado sobre a representação de negros no filme em uma recente entrevista ao perfil The Root. Embora ele tenha admitido que era algo sobre que “ele precisava ser educado”, Chu disse que “no final, quando estávamos olhando para o elenco, tentamos obter as pessoas que eram melhores para esses papéis”. Suas declarações revoltaram muitos nos EUA.

Um Bairro de Nova York estreia dia 17 de junho no Brasil.

Total
1
Shares
Related Posts
Total
1
Share