Connect with us
Alexia Menezes

Published

on

O jogador Bruno “Goku” Myaguchi se envolveu ontem (17) por volta das 23h30 em um grave acidente de carro em município de Mato Grosso do Sul, no quilômetro 132.9 da BR-262, 198 km de Campo Grande.

Conforme boletim de ocorrência, o acidente aconteceu depois da tentativa de ultrapassagem de dois caminhões tritem de eucalipto em uma faixa contínua, onde a ultrapassagem é proibida, forçando Goku a realizar uma manobra de emergência que o fez perder o controle do carro e colidiu na lateral direita do caminhão.

Com o impacto, Nelson Eiti Chidi de 49 anos, pai do jogador do Flamengo, não aguentou e morreu no local. Já Goku teve ferimentos leves e foi levado a uma unidade de saúde.

O Flamengo registrou suas condolências pelo twitter, além de vários jogadores do time e do cenário.

De todos nós da Equipe do Cabana do Leitor, nossas sinceros sentimentos. Muita força e luz para você e sua família.

Advertisement
Comments

e-Sports

Worlds 2020 | Estreia de MAD Lions e INTZ bate recorde de audiência

O dia também marcou o recorde entre Team Liquid e MAD Lions.

Avatar

Published

on

O jogo de estreia do mundial entre MAD Lions e INTZ chegou a marca de 928 mil pessoas assistindo simultaneamente, e esse número não leva em conta as plataformas orientais. Mesmo com a derrota da INTZ o público brasileiro marcou presença.

O clássico entre MAD Lions e Team Liquid bateu o recorde de todos os anos do jogo mais assistido no primeiro dia do mundial, e também foi o jogo mais assistido do dia, que teve a taxa de 1 milhão e 141 mil espectadores.

Ano passado a primeira partida teve um pico de 713 mil espectadores simultâneos, o que significa que de um ano para o outro o mundial teve um aumento de mais de 200 mil pessoas assistindo, número esse que não era registrado desde 2017.

O próximo jogo da INTZ será dia 28 de setembro as 07:00 horas da manhã

Continue Reading

e-Sports

Worlds 2020 | Unicorns of Love supera PSG e V3, R7 da a volta por cima

Não da pra dizer que o Mundial é um campeonato previsível. Por aqui, é tudo com muita emoção.

Alexia Menezes

Published

on

unicorns of love

O segundo dia do Mundial de 2020 pegou fogo neste sábado (26). Com mais uma derrota para a equipe brasileira e uma virada extraordinária da equipe Rainbow7 que perdeu o primeiro jogo do dia mas mostrou que ainda está na luta obliterando a LGD Gaming. Confira o que rolou:

1º Jogo: V3 1-0 Rainbow7

O primeiro jogo do dia foi entre a R7 que já estava um pouco abalada com a derrota de ontem, e a V3 Esports soube aproveitar para fazer com que seu jogo fechasse da forma mais rápida possível. E não tiveram problemas para isso, a V3 limpou os objetivos e manteve toda a pressão em cima do inimigo com o Raina e seu Sett absurdo, levando a vitória para sua estreia no Mundial.

2º Jogo: Papara SuperMassive 1-0 INTZ

O segundo jogo do dia deixou o gosto amargo para a INTZ. Com erro acima de erro, o time turco não teve nenhuma dificuldade para fechar sua vitória para cima dos intrépidos. Você pode ler mais sobre como foi o jogo da INTZ aqui.

3º Jogo: Unicorns of Love 1-0 V3

No terceiro jogo do dia, o time europeu estreou com uma vitória em cima da V3 em um atropelo. Com o Nomanz e seu Kassadin, a UoL não deixou espaço para a equipe inimiga crescer. Vencendo teamfights absurdas e abusando dos erros da V3, os unicórnios construíram sua vitória com um placar de 30 a 10, em pouco mais de 28 minutos.

4º Jogo: Rainbow7 1-0 LGD Gaming

O quarto jogo foi surpreendente. O early era todo da equipe chinesa, ganhando trocas e conquistando espaço no mapa e objetivos. Mas alguns erros fizeram com que a LGD ficasse vulnerável tempo suficiente para que a R7 virasse as lutas e tomarem os objetivos para si. De forma inesperada, ainda mais depois das derrotas de ontem contra a PSG e de hoje contra a V3, Aloned deu um show com sua Orianna e mostrou que eles ainda estão procurando espaço dentro do grupo, concluindo o jogo com sua primeira vitória da campanha.

5º Jogo: Unicorns of Love 1-0 PSG Talon

Mais uma vez o time europeu deu um show e levou a vitória para a conta. No quinto jogo,a Unicorns of Love mostrou para a PSG que estava até agora com saldo positivo na estreia do Worlds, que não veio para brincar. Com lutas bem encaixadas e com o Hecarin absurdo do Ahahacik, que levou o MVP da partida, roubando todos os objetivos e garantindo um jogo tranquilo para seu time, a PSG não fez nada a não ser assistir ao jogo e tentar segurar o máximo possível.

6º Jogo: Papara SuperMassive 1-0 MAD Lions

O sexto jogo do dia começa com um early equilibrado, as duas equipes seguem de forma metódica, sem tentar grandes jogadas e esperando sempre um engage do caçador. Objetivos fechados, a SUP acelerou o jogo, rotando o mapa e abusando do espaço que construíram nas rotas e alguns erros custaram o mid game da MAD, que foi o estopim para que a equipe turca levasse sua segunda vitória no dia.

7º Jogo: Team Liquid x Legacy Esports

O último jogo do dia começou bom para a TL, que teve um early positivo graças ao Broxah que já estava 3/0 em menos de 10 minutos de jogo, além do objetivo e nível na frente da Legacy. Em 28 minutos de jogo, a Liquid já o jogo em suas mãos, com um placar de 16 a 1 contra a LGC, eles fizeram uma última luta sem muita dificuldade e fecharam com a vitória.

Com os resultados dos jogos de hoje, as tabelas ficaram assim:

GRUPO ATimeJogosVitóriasDerrotas
1Legacy211
2Team Liquid220
3MAD Lions312
4SuperMassive220
5INTZ303
GRUPO BTimeJogosVitóriasDerrotas
1PSG Talon321
2Unicorns of Love220
3V3211
4LGD202
5Rainbow7212

A INTZ agora enfrenta a Team Liquid na segunda-feira às 7h e precisa vencer para não sair negativa da campanha. Os jogos do Worlds continuam amanhã, às 5h.

Continue Reading

e-Sports

Worlds 2020 | INTZ é atropelada pela SuperMassive e amarga outra derrota

INTZ comete muitos erros básicos e amarga derrota contra Turcos

Avatar

Published

on

Após sofrer dois reveses na estreia, a INTZ enfrentou a Papara Supermassive no segundo dia da fase de entrada do Mundial.

No primeiro dia a equipe intrépida não demonstrou partidas ruins, na verdade, em ambos os jogos a equipe demonstrou bastante força e convenceu que poderia ter vencido os jogos, porém erros pontuais e críticos custaram caro e complicaram a situação brasileira.

A Supermassive, tradicional rival turca dos brasileiros, não havia jogado ainda no Worlds, e teve a sua estreia contra o time brasileiro, sendo a única equipe do grupo que ainda não havia jogado. Confira a baixo como foi esse jogo:

6:00H – INTZ X Papara Supermassive: Vitória da Papara Supermassive

MVP da partida: Armut – Shen (10/0/6)

A partida começou veloz, com a Supermassive garantindo o first blood bastante cedo em gank forte de KaKAO com seu Hecarim em cima do Renekton de Tay. Shini, que estava de Nidalee, não deixou barato e em sequência gankou a Lulu mid de Bolulu para garantir uma kill para a equipe brasileira também.
A INTZ, como foi característico nos seus jogos até agora, garantiu um bom controle de mapa no início e conquistou o primeiro dragão. Pouco tempo depois, a equipe brasileira também conquistou o primeiro arauto, mas na sequência foi cercada pelos adversários e tentou apenas fugir, mas acabou perdendo três membros no processo.
O jogo parecia tranquilo, porém perto dos 11 min de jogo a INTZ tentou um dive com os 5 jogadores em cima do Shen de Armut, dando completamente errado e o topo da Supermassive saindo com 2 abates, estando já 5/0 na partida. A jogada desastrosa ainda resultou em dar espaço para os Turcos fazerem o dragão.
O começo ruim de partida custou caro, e a INTZ não só perdia espaço de mapa como não conseguia realizar pick offs devido a grande quantidade de recursos defensivos da Supermassive. Ainda assim, a equipe brasileira conseguiu buscar recursos no mapa e o segundo arauto.
Na primeira grande luta do jogo, se viu o que se esperava devido as composições. O dano da INTZ era completamente anulado pelo combo de Shen, Lulu e Senna, fazendo com que a Supermassive saísse com 2 abates sem praticamente perder vida e a alma das nuvens na sequência.
A supermassive atropelava a INTZ sempre que queria, e dessa forma, quando quis, garantiu o Barão, o Stomp e o jogo.

Enquanto no primeiro dia tivemos boas apresentações acompanhadas de erros específicos e individuais, nesse jogo o que vimos foi a INTZ como time muito abaixo do que se espera de uma equipe no mundial, sofrendo um Stomp que a complica demais na tabela. Agora só resta a partida contra a Team Liquid, sendo provavelmente um jogo difícil, que a INTZ vai precisar ir até além de seu 100% para conseguir a vitória e sonhar com uma tentativa de classificação.

A INTZ agora enfrenta a Team Liquid às 7 horas do dia 28.

Continue Reading

Parceiros Editorias