Connect with us

HQs

História do Doomsday Clock é reescrita em nova HQ da Mulher Maravilha

Avatar

Published

on

A matéria contém spoiler da HQ Mulher Maravilha #750

Como anunciado anteriormente, a Mulher Maravilha é agora o primeiro super-herói da primeira geração, na linha do tempo revisada do Universo DC.

Durante a Feira Mundial de 1939, em Nova York, a Mulher Maravilha salvou o presidente dos EUA, Franklin Delano Roosevelt, de um assassino. A estréia da heroína foi a inspiração que levou Alan Scott a usar seu anel para se tornar o primeiro Lanterna Verde e formar a Sociedade da Justiça. O problema é que essa versão dos eventos bate de frente com os acontecimentos em Doomsday Clock.

Primeiramente, em Doomsday Clock, o Superman é estabelecido como o primeiro super-herói em 1938. Porém, as inúmeras redefinições da linha do tempo fizeram com que a chegada do Superman à Terra fosse um pouco mais tarde.

Ainda assim, mesmo sem o Super-Homem, Alan Scott se tornou o Lanterna Verde em 1940 e formou a Sociedade da Justiça com outros heróis da primeira geração como Flash de Jay Garrick. Já em Doomsday Clock, o Doutor Manhattan impede Scott de encontrar seu Lanterna Verde, eliminando assim a primeira geração de heróis da DC, estabelecendo que o herói é uma figura crucial para unir o grupo.

Na décima edição do Doomsday Clock, a Sociedade da Justiça tira uma foto do grupo em sua primeira reunião em 1940, no qual Alan Scott afirma que todos os membros da equipe estão presentes, onde não está a Mulher Maravilha.

Com a redefinição de que a Mulher Maravilha estreia em 1939 (Mulher Maravilha #750), a heroína deveria estar na foto que foi tirada, já que ela, por ser a inspiração do Alan Scott e outros heróis, teria sido convidada a participar da equipe.

Espera-se que nas próximas edições seja esclarecido essa diferença de cronologia na linha do tempo.

Mulher Maravinha #751 tem data de lançamento marcada para o dia 12 de fevereiro.

Advertisement
Comments

HQs

Superman ganha novo super vilão cósmico

O mais novo inimigo do herói é uma potência prestes a se expor no Universo da DC Comics.

Jacqueline Cristina

Published

on

Muitos leitores sabem que Superman é famoso por seus inimigos ameaçadores e até divinos, como por exemplo, Darkseid e Rogol Zaar. Entretanto, na nova edição comemorativa lançada este mês nos EUA, o Universo DC é apresentado ao mais recente poder alienígena, que chega com o intuito de testar a bravura do Homem de Aço.

Atenção: Os parágrafos a seguir podem conter spoilers.

De um planeta próximo de Krypton, temos o personagem Synmar, que possui o nome de sua terra natal, os quais confiam em inúmeros deuses da luz, devido a forte religiosidade estabelecida pelos líderes locais. Inseridos logo depois do extermínio de Krypton, é mostrado que os habitantes tem acompanhado toda a situação, apesar de não terem certeza sobre como ocorreu a explosão.

Após determinar que Synmar estava fora do raio de perigo da explosão, um grupo seleto iniciou o processo de registro da calamidade em sua história. Sendo neste momento que a nave do bebê Kal-El surge nas projeções holográficas.

Atordoados com a realidade de o habitáculo estar carregando um bebê, a liderança de Synmar debateu sobre a possibilidade de captura da nave, para darem assim uma moradia ao ocupante, entretanto, resolveram deixar que ele prosseguisse para o seu destino.

Confiando na decisão de quem mandou a criança, o grupo notou que a ida do kriptoniano para o planeta Terra o tornaria um “Deus-Luz”, além de presumirem que ele conquistaria o local, transformando em uma nova Krypton repleto de Deuses-Luz. Ainda que tivessem pensado na interceptação da nave, a ideia foi velozmente desmantelada, graças ao pensamento de que perturbar o kriptoniano, conduziria a iria dos Senhores da Luz sobre eles.  

Todavia, entra em cena Eisno Alkor, um guerreiro de Synmar, que é mostrado aniquilando, “dedo a dedo” inúmeros Thanagarianos, assim como demonstrando a real força de sua espécie, antes dos líderes de seu mundo, ir conversar com ele, para lhe dar a oportunidade de ser algo mais: “Um guerreiro verdadeiro para representar mais do que apenas o eu”.

Honrado com o convite, Eisno o aceita imediatamente, visando auxiliar o interesse de seu povo. Posteriormente, é exposto que os líderes de Synmar ainda observam o Superman, agora adulto, que luta contra a vilania em geral.  

Embora não entendam a razão da atitude heroica de Clark, o alienígena mantem o plano, apresentando definitivamente, Synmar Utopica (Eisno Alkor) a população. O próprio guerreiro demonstra estar mais observador do que orgulhoso, uma vez que não explicaram o motivo de apenas ele ter sido selecionado, assim como a ausência de outros soldados para proteger o planeta.

Não obstante, a única resposta adquirida por Synmar, foi o nome de seu futuro adversário, Superman. Mais tarde, em uma comemoração, Eisno se afasta de todos, a fim de pensar sobre sua situação, até que recebe uma súplica de socorro e, ao responder, ele se depara com vários de seu povo, mortos ou moribundos, rodeados por imagens de Clark Kent. Após todo esse cenário devastador, tudo o que o guerreiro pode perguntar foi “O que é… o Superman?”.

Apesar de não ter uma explicação para seu questionamento, Synmar Utopica está agora, ao encalço da pessoa, que seus líderes desejam que ele enfrente o Superman. Infelizmente, não foram apresentados detalhes dos poderes do “vilão”, contudo, tem-se a certeza de que ele, com certeza, ficará na lista junto a outros titãs enfrentados pelo herói no passado.

Superman #25 já se encontra a venda nas lojas físicas e digitais dos EUA.

Continue Reading

HQs

Marvel Comics revela capas variantes inspiradas no Halloween

Vocês estão preparados para o Halloween? A Marvel Comics está!

Avatar

Published

on

A fim de preparar todos nós para o Halloween, a Marvel Comics revelou as capas variantes inspiradas em pôsteres de filmes de terror clássicos. As obras serão de lançamentos do mês de outubro.

Os títulos que ganharão estas capas serão: Amazing Spider-Man #50 (do Aaron Kuder, com cores de Jordie Bellaire), Avengers #37 (Javier Rodríguez), Capitão América #24 (Mirka Andolfo), Capitão Marvel #22 (Taurin Clarke), Immortal Hulk #38 (Mike del Mundo), Homem de Ferro #2 (Mattia De Iulis), Mulher-Aranha #5 (Patrick Gleason) e X-Men #13 (Russell Dauterman).

Confira abaixo as capas:

Fique ligado no site Cabana do Leitor para saber de mais novidades!

Continue Reading

HQs

Prévia de one-shot da Madame Satã é revelada

Fãs de Sabrina, se preparem. Madame Satã está de volta!

Avatar

Published

on

A Archie Comics lançou a prévia do quadrinho one-shot solo intitulado Madam Satan #1. O enredo se passa no universo de “O Mundo Sombrio de Sabrina”, onde uma das maiores vilãs ganhará seu espaço na editora.

A equipe criativa conta com o escritor Eliot Rahal e os artistas Julius Ohta, Matt Herms e Jack Morelli. A capa principal será de Ohta e a variante de Robert Hack.

“Simplesmente, meu objetivo com este one-shot era continuar a enriquecer este personagem amado, fundamentando a história em algo com que todos podemos nos relacionar: a ideia de expectativa versus realidade. Madame Satã trata de conseguir exatamente o que você quer e não será o suficiente. É sobre a natureza do mal e do desejo, do vazio. No final, é tudo sobre a arte, e essas páginas são Hollywood Horror ambientado no Inferno.”, disse o escritor.

Lembrando que a personagem apareceu pela primeira vez em Pep Comics #16 de 1941. A vilã também apareceu na série da Netflix, sendo interpretada pela atriz Michelle Gomez.

Confira abaixo a prévia:

Madam Satan #1 está previsto para lançar no dia 21 de outubro.

Continue Reading

Parceiros Editorias