Connect with us

cinema

James Wan diz que a Warner Bros. deu total liberdade criativa para ele fazer Aquaman

Edilson Cândido Rezende

Published

on

LOJA DC 4

A Marvel arrecadou quase US $ 7 bilhões somente nas bilheterias domésticas desde o lançamento de seu universo cinematográfico com o Homem de Ferro de 2008, mas há uma coisa específica que a empresa conseguiu que é impressionasse para o diretor James Wan.

“Eu realmente acho que a coisa mais incrível que [a Marvel] fez é tornar o Capitão América e Thor acessível ao público – especialmente fora dos Estados Unidos”, disse Wan. “No momento em que você pode fazer um personagem chamado ‘Capitão América’ funcionar na Rússia e na China, então tudo é possível”.

De fato, uma coisa é tentar vender o Capitão América no mundo todo após a Segunda Guerra Mundial, assim que os quadrinhos se tornaram um sucesso e outra bem diferente é hoje em dia. No entanto,  Capitão América: Guerra Civil teve uma das maiores bilheterias de todos os tempos na história da China.

Wan também apontou que apesar dos rigores de criar seu filme dentro de um universo cinematográfico maior, seus chefes da DC e da Warner Bros. permitiram que ele fizesse o filme exclusivamente a sua visão – algo que ele precisava antes de concordar em fazer o trabalho.

“Eu disse a eles que eu entendo e respeito que Aquaman é parte de um universo maior, mas no final do dia eu tenho que contar a história que eu quero contar e como quero desenvolver o personagem, porque é uma parte tão grande da minha vida como o cineasta por trás disso ”, diz Wan. “E isso foi algo que o estúdio respeitou.”

Aquaman estreia em dezembro no mundo.

Fonte: EW

LOJA DC 4
Comments