Connect with us

Colunistas

Por que você não lê As Crônicas de Gelo e Fogo?

Caju Sampaio

Published

on

LOJA DC 4

Difícil pra mim, entender o porquê de alguém não querer ler um livro que sabe que é bom. Talvez você use aquela desculpa clássica: “Pra que ler o livro se estou vendo a série?” ou ainda “Eu tenho preguiça de ler”. Agora vamos sentar e conversar, pois eu preciso te contar algumas coisas…

Sim! Já temos a série, e a primeira temporada é basicamente a mesma coisa do livro, tirando claro, uns 30 ou 40 personagens que nunca existirão na série, rs, e que alguns desses são chaves para acontecimentos futuros na história… E já parou para pensar no porquê de certos personagens fazerem certas coisas ou até mesmo serem de tal forma? Os livros esclarecem tais coisas, dão ganchos que te fazem entender melhor o personagem e até prever futuras atitudes do mesmo.

Ahh mas então, ler não é a tua praia, e não prende a tua atenção… ok! Então lide com o fato de que você nunca saberá realmente como foi a morte de  Catelyn Stark e o que ela se tornou depois disso. Beleza, alguém pode te contar, e você até já pode saber disso nesse momento, mas que decepcionante é saber que alguém simplesmente te contou ao invés de você mesmo sentir na pele, suou frio e se surpreendeu enquanto lia cada detalhe! Triste pra você!

mother_s_mercy_by_ertacaltinoz-d8x71ev

Não vou apelar pro clichê de “os livros mostram muito mais do que as séries/filmes“, isso você provavelmente já saiba, mas o ponto central no caso de As Cônicas de Gelo e Fogo é que não existem meios fãs… Só existem apaixonados SURTADOS pela série e pessoas que simplesmente não se interessam. Então porque raios um apaixonado pela história da série não teria interesse em ler os livros? Apaixonados que são, não gostariam de saber todos os detalhes da história? Todos os segredos dos 7 reinos? Todas as tramoias realizadas para usurpar o trono do reis? Todas as torturas não mostradas de Theon?

Sansa-Stark-000222146

Alguns pontos chave da diferença dos livros para a série também são: Sansa Stark, claro, eles não pegariam uma criança da idade da personagem para interpretar o papel que foi escrito para a série, por isso eles tiveram que amadurecer Sansa desde o começo. Pois bem, mas o quanto isso influenciará na personagem dos dois contextos? Nos livros, Sansa chega à dar asco, por se tratar de um retrato exato de uma menina totalmente mimada e deturpada no mundo do faz de contas; com direito à ficar imaginando como será seu primeiro beijo umas 20h por dia… Enquanto na série, ela tem se mostrado por vezes, bem diferente. Cautelosa e até com pitadas de maturidade como apresentou durante sua estadia no castelo da tia, mas que acabou voltando à estaca zero ao se casar com Bolton, o que acaba nos deixando em dúvida sobre seu real destino e real estado de espírito tanto nos livros quanto na série.

daenerys-drogon-game-of-thrones

Daenerys Targaryen, sempre segura, sempre se portando como uma rainha nos episódios, Dany, por vezes acaba se questionando e remoendo suas decisões mil vezes nas páginas dos livros, principalmente quando se pega à pensar sobre seus relacionamentos. A faceta real de Dany é de uma menina de 14 anos que teve que aprender à ser esposa e rainha do modo mais difícil que poderia, sem apoio da família, e isso fica evidente em todos os seus capítulos literários.

Brienne-of-Tarth-000222145

Brienne de Tharth. nos livros, Brienne tem um espaço menor que na série, infelizmente. E ela acaba tendo uma abordagem muito resumida em um fato: de que apesar de ser uma guerreira e exímia esgrimista, padece de uma característica comum entre personagens femininas, o amor platônico. Mas claro que ainda precisamos de Ventos do Inverno pra saber o seu real desfecho.

game-of-thrones-season-4-Nikolaj-Coster-Waldau-as-Jaime-Lannister-Lena-Headey-as-Cersei-Lannister_photo-Neil-Davidson_HBO9

E Jaime Lannister? Será que na verdade, a única maldade do loiro muso foi empurrar o pequeno Bran da torre e que tudo antes e depois disso teve um propósito mais “nobre” como explicado nos livros? E será que ele realmente repensará sua postura depois da sua vivência com Brienne?

Entre tantos outros, o que não faltam, são motivos para que você se aprofunde ainda mais nesse universo super detalhado e complexo que mais do que merece toda a sua atenção tanto na série quantos nos livros! Leia vai, nunca te pedi nada! 😀

PS: Vale citar que se você não lê por preguiça de livros longos, a escrita de George R. R. Martin é maravilhosa, sem muita complexidade que te faça ficar confuso, e as páginas são de uma gramatura alta, o que acaba influenciando no volume dos livros… Assim, quando você perceber, já leu metade do livro! 😉

Caju Sampaio
24 anos, fotógrafa, Grifinória, apaixonada por livros principalmente de fantasia; de Harry Potter, Alice no País das Maravilhas à Crônicas de Gelo e Fogo.
Comments