Connect with us

HQs

Resenha: Morte – Neil Gaiman

Avatar

Published

on

O que você faria se te dissessem que a Morte não é um esqueleto sinistro ambulante com uma foice? Não acredita? Pois graças a Panini trazemos essa nova percepção da Morte, de Neil Gaiman.

Diferente de tudo o que já vimos antes, aqui a Morte é retratada na sua personificação de uma mulher carismática e portadora de uma empatia admirável. Com suas roupas góticas beirando aos anos 80, somos introduzidos a um mundo que não somos acostumados. Aqui a vida e a morte são celebradas e para existência de uma, é necessário a outra.

A edição definitiva é composta de diversas estórias. Dentre elas temos os maiores arcos que são: O Alto Preço da Vida e O Grande Momento da Vida.

No primeiro, temos o encontro entre a Morte e o Sexton Furnival, um adolescente que anceia pela morte, já que não tem gosto mais pela vida. Após conhecer a Morte, Furnival começa a acompanhá-la e tenta desvendar quem é ela e qual sua história.

No segundo arco, acompanhamos a vida da rock star Foxglove e da sua namorada Hazel. Ambas foram introduzidas no arco anterior, mas aqui temos uma visão mais intima das duas. Essa história é um pouco mais pesada que as outras -não que tenha alguma que seja leve- nos levando a um trato com a Morte, que desencadeia verdades escondidas da morte não só de uma pessoa, como de um amor.

Se prepare que essa HQ não é sobre uma estorinha qualquer. O peso do background de cada personagem é real. São problemas cotidianos, que nos são dados com uma visão particular da Morte.

É difícil escolher o que não elogiar nessa HQ, principalmente nessa edição com conteúdos extra. Temos o roteiro completo, uma galeria de obras únicas e até o Constantine segurando uma banana constrangido enquanto a Morte nos ensina mais sobre sexo.

Considerações finais

Independente se você está por dentro do vasto mundo de Sandman ou não, essa é uma das HQs que devem ser lida pelos apreciadores de boas histórias. É impossível não devorar esse compilado de uma vez só. A Panini está de parabéns pelo trabalho impecável. Torcemos para que mais trabalhos do Gaiman cheguem ao Brasil.

Para quem estiver interessado, essa HQ de 361 páginas está sendo vendida pelo valor de R$ 92. Você pode acessar o site clicando aqui.

Advertisement
Comments

HQs

Drácula de Bela Lugosi retorna em nova publicação da Legendary Comics

Uma nova adaptação para os fãs da obra do escritor Bram Stoker.

Jacqueline Cristina

Published

on

O Conde Drácula interpretado pelo ator Bela Lugosi, ficou conhecido por sua icônica interpretação no filme de 1931, o qual seu papel será reprisado em uma nova Graphic Novel da Legendary Comics.

A obra será uma adaptação do romance de terror gótico do escritor Bram Stoker, com arte de El Garing, em que seguirá o vampiro deixando a Transilvânia para viver na Inglaterra, onde ocorrerá um conflito com o professor Abraham Van Helsing após sua tentativa de espalhar sua maldição de “mortos-vivos” por todo o país.

Confira abaixo a imagem da capa divulgada, que contou com ajuda de Robert Napton e Kerry Gammill:

“Em nome da Família Lugosi, quero agradecer à Legendary Comics, especialmente Robert Napton, bem como aos artistas El Garing e Kerry Gammill, por homenagearem meu pai com uma impressionante Graphic Novel que apresenta Bela Lugosi como Drácula de Bram Stoker“, disse Bela G. Lugosi, filha do ator e membro gerente da Lugosi LLC, que está cooperando com o desenvolvimento da nova publicação.

“Houve grandes romances gráficos do Drácula, contudo unir o romance de Bram Stoker em uma adaptação fiel com a interpretação definitiva na forma do ícone Bela Lugosi é um sonho realizado. Sou grato a Lugosi Estate, ao artista El Garing e ao diretor de arte Kerry Gammill por trazerem sua paixão a este projeto”, disse Napton, vice-presidente sênior da Legendary Comics.

O longa Drácula foi lançado em 12 de fevereiro de 1931 na cidade de Nova York, em que foi estrelado por Bela Lugosi, David Manners, Helen Chandler, Dwight Frye e Edward Van Sloan, sendo a primeira adaptação cinematográfica sonora do romance de Stoker após os filmes mudos, A Morte de Drácula de 1921 e Nosferatu: Um Sinfonia de Horror de 1922.

Drácula estará à venda, a partir de 6 de outubro pela Legendary Comics.

Continue Reading

HQs

Resenha | Lâmina Selvagem volume 1

Quadrinho brasileiro na área! Lâmina Selvagem está aqui para mostrar que brasileiros também criam boas histórias.

Avatar

Published

on

Publicado oficialmente em 2018, Lâmina Selvagem é o quadrinho produzido pela Wild Comics Studios, que está ganhando seu segundo volume este ano. Para mostrar um pouco deste mundo, nós do Cabana do Leitor iremos contar sobre o que você encontrará no primeiro volume da obra. Esta matéria não conterá spoilers.

No Rio de Janeiro, uma das maiores empresas de tecnologia, a Biotec, está desenvolvendo um projeto chamado Protótipo Biomecânico e, afim de testar seu trabalho mais promissor em humanos, a empresa está secretamente sequestrando moradores de rua e os submetendo ao implante, para criar super soldados. Esses soldados são chamados de Esquadrão Selvagem.

Lâmina Selvagem – Pack CANDELÁRIA – Wild Comics Studios

Porém, a empresa rival, Biotron, ansiando pelo poder, consegue roubar o projeto da Biotec e o aperfeiçoa de tal forma, que desenvolve ciborgues capazes de destruir qualquer super soldado. O resultado disso é na destruição do Esquadrão.

Anderson é o único integrante que consegue escapar da chacina, mas será que ele conseguirá descobrir o que está por trás de tudo? Será que ele conseguirá se lembrar do seu antigo eu e encontrará forças para lutar? Isso você só saberá quando obter a obra.

A primeira coisa que nos enche os olhos é a arte do quadrinho. O visual do personagem é bem marcante. Esse aqui poderia competir com Tony Stark no visual deslumbrante e chamativo. Isso não vale só para o protagonista, já que todos os personagens ciborgues contam com este aspecto.

Outra coisa bem legal é a locação que tudo acontece. Principalmente para quem é do Rio ter uma história que mostra o local onde mora torna a história mais crível.

Lâmina Selvagem é um bom quadrinho de herói para quem quer se aventurar em uma história nova. O fato da obra ter essa qualidade só engrandece as HQs brasileiras.

Lâmina Selvagem volume 1 e 2 se encontram em um combo no Catarse. Caso esteja interessado em apoiar o projeto é só clicar aqui.

Continue Reading

HQs

O quadrinho Sob a Luz do Arco-íris bate a meta no Catarse

A obra ainda tem 3 dias restantes para compra na plataforma.

Avatar

Published

on

A Editora Skript está lançando uma coletânea de histórias em quadrinhos, com autores LGBTQ+, onde é abordado situações de preconceito com diversos temas.

A obra contará desde drama e humor à realismo e fantasia, com uma variedade de estilos artísticos para demonstrar a força da diversidade.

A equipe criativa conta com os autores Adri A., Caio Yo, Dika Araújo, Ellie Irineu, Guilherme Smee, Johncito, Luiza Lemos, Mário César, Rafael Bastos Reis, Sasyk e Yuri Amaral. Já a edição foi por conta do Mário César, finalista do prêmio Jabuti e três vezes vencedor do Troféu HQ Mix, co-criador e organizador da Poc Con Feira LGBTQ+ de Quadrinhos e Artes Gráficas.

O quadrinho terá aproximadamente 96 páginas, em preto e branco, com papel de alta gramatura, pelo valor de R$49. Os apoiadores do Catarse ganharão um print e bóton exclusivo.

Sob a Luz do Arco-íris está disponível até o dia 15 para compra no Catarse. Para obter a sua edição é só clicar aqui.

Continue Reading

Parceiros Editorias