Connect with us
Avatar

Published

on

A Editora Panini lançou o primeiro volume da versão deluxe de Vinland Saga e nós do Cabana do Leitor iremos falar um pouco sobre a obra.

Esta matéria contém spoilers

Vinland Saga é o mangá escrito e ilustrado por Makoto Yukimura. Os capítulos foram publicados pela Weekly Shonen Magazine em 2005 e, mais tarde, publicados pela revista Afternoon, que leva o título até hoje.

A obra começa contando a história de Thorfinn, filho do lendário guerreiro Thors, durante o século XI. No território do Reino Franco há uma guerra acontecendo e o grupo de Normandos (povo que se originou dos vikings escandinavos), liderados por Askeladd, decide ajudar um dos lados com a premissa de que receberia metade dos ganhos da batalha.

Thorfinn, um dos guerreiros mais jovens de Askeladd, entra em uma busca pessoal pela cabeça do general inimigo, já que essa seria a “ingresso” que ele teria para poder duelar com Askeladd, a fim de vingar a morte de seu pai.

Obs: Tradução não oficial da Panini

A história então volta 10 anos, quando Thorfinn era uma criança que vivia na Islândia com seu pai e seu povo. O vilarejo que Thors lidera é bem calmo e próspero a vida, mas infelizmente o clima não é propício para plantações, devido ao gelo e neve.

Leif Erikson um grande navegador e bom contador de histórias, contava para as crianças que existe uma terra chamada Vinland, onde o clima era quente, as frutas abundantes e o capim ondulava. Tudo o que aquele povo mais queria, teria em Vinland, a terra dos prados. O que fez com que Thorfinn ansiasse por se tornar um guerreiro e poder chegar a terra prometida.

Porém, as coisas começam a mudar quando, Floki, um guerreiro do exército de Jomsviking descobre o paradeiro de Thors e o convoca (assim como todos de sua terra) para que lutasse junto a Dinamarca contra os ingleses. O que acontece a partir deste ponto, você saberá ao ler a obra.

Vinland Saga é uma grande descoberta. Mesmo tendo o fundo de Vikings e guerras, o ponto central é sua mitologia e a interação entre as pessoas. Mentiras, incertezas, honra e poder são o que floreiam essa obra, fazendo com que o leitor não precise ter noção alguma da história dos Vikings, sendo de fácil entendimento. Ainda mais com o glossário com a explicação das palavras que se encontra no final do volume.

A edição Deluxe conta com os dois primeiros volumes da obra. A sua capa é a capa do primeiro volume e a contra capa (ou capa traseira) conta com a capa do segundo volume. A lombada é um charme a parte com desenhos em relevo transparente e arte que remetem aos Vikings, como os desenhos e a bússola. Não só isso, o Deluxe conta histórias curtas nos extras, um marca página, 464 páginas em papel offset e tem uma repaginada na tradução.

Vagando e Divagando: [REVIEW] Vinland Saga Vol. 2
Capa traseira

Esta edição é um grande acerto para a Panini. Uma boa forma para quem quer começar a história, ainda mais que alguns volumes dos tankobons (versões menores que contém apenas um volume cada) estão esgotados atualmente, e para colecionadores, já que esse volume tem uma arte magnífica.

Vinland Saga Deluxe volume 1 já está disponível no site oficial da Panini pelo valor de R$44,90.

Advertisement
Comments

Mangá

Vinland Saga e Assassin’s Creed Valhalla estão juntos em mangá especial

Quem imaginaria um crossover com os dois grandes Vikings?

Avatar

Published

on

Ontem (24), a conta oficial da Ubisoft do Japão publicou um capítulo extra especial com o encontro entre os personagens principais do Assassin’s Creed Valhalla e Vinland Saga. A obra foi desenhada pelo mangaká Makoto Yukimura, o próprio autor de Vinland Saga.

Surpreendentemente, a empresa fechou uma colaboração com o mangá de temática nórdica mais famoso da atualidade e o capítulo está disponível para ser lido de graça no próprio site da Ubisoft.

Nesta primeira parte do crossover veremos o Thorfinn conhecer o protagonista de Assassin’s Creed Valhalla, Eivor, de um jeito não muito bom.

Confira o tweet de divulgação abaixo:

Vinland Saga é o mangá seinen escrito e ilustrado por Makoto Yukimura. Os capítulos foram publicados pela Weekly Shonen Magazine em 2005 e, mais tarde, publicados pela revista Afternoon, que leva o título até hoje. No Brasil, a editora Panini é detentora dos direitos da obra, tendo dois tipos de mangás em andamento: o formato normal e o deluxe, que compila dois volumes em um. O título também tem uma adaptação para anime, que é transmitida pela Amazon Prime.

Assassin’s Creed Valhalla é o mais novo jogo do título desenvolvido pela Ubisoft Montreal, com data de lançamento prevista para o dia 10 de novembro.

Se interessou pelo crossover? Para ler o capítulo especial basta clicar aqui. Até o momento, o título encontra-se apenas em japonês.

Continue Reading

Mangá

The Promised Neverland ganhará quarta novel

As novidades para os fãs de The Promised Neverland não param! Lá vem mais uma novel da obra.

Avatar

Published

on

A conta oficial do anime The Promised Neverland no Twitter anunciou a quarta novel da obra intitulada Yakusoku no Neverland: Omoide no Film-tachi (The Promised Neverland: The Films of Memories).

A primeira novel do mangá, Yakusoku no Neverland: Norman kara no Tegami (The Promised Neverland: A Letter from Norman) foi lançada no Japão em junho de 2018. Já a segunda novel, Yakusoku no Neverland : Mama-tachi no Tsuisōkyoku (The Promised Neverland: Moms ‘Song of Remembrance) foi lançada em janeiro de 2019, sobre a mãe Isabella e a irmã Krone. Por fim, a terceira novel foi lançada no começo deste mês de outubro, intitulada Yakusoku no Neverland : Senyū-tachi no Record (The Promised Neverland: Record of War Buddies), sobre Yuugo e Lucas. Todas as novels foram escritas por Nanao.

Arte oficial divulgada.

A adaptação para anime do mangá já tem sua segunda temporada confirmada para o mês de janeiro de 2021. A primeira temporada encontra-se disponível pela Crunchyroll e Netflix. Já a adaptação para live-action será lançada no dia 18 de dezembro no Japão. Ainda sem confirmação para o Brasil.

A novel Yakusoku no Neverland: Omoide no Film-tachi está prevista para lançar no dia 4 de dezembro deste ano, junto ao fanbook da franquia.

Continue Reading

Mangá

Editora JBC publica primeiro mangá nacional pelo selo Start!

O mangá Boys Love está estreando o novo selo da editora JBC!

Avatar

Published

on

The Flower Pot é o primeiro mangá nacional que inaugura o selo Start!, da Editora JBC. A obra, da artista Amanda Freitas, é um Boys Love (termo usado em uma vertente dos mangás shoujos com destaque em relacionamentos homoafetivos), que foi originalmente criado como uma webcomic.

O título conta a história de Pio, um jovem tímido que trabalha em um restaurante de uma pequena cidade. Por algum motivo, ele tenta se aproximar de Hadrian, que recentemente se mudou para cuidar da floricultura de sua avó, a “The Flower Pot”. Agora ele tem que vencer a sua timidez e lidar com seus próprios dilemas pessoais e inseguranças no novo trabalho. O que o destino reserva para esses dois jovens quando seus caminhos se cruzam?

Os cenários da história são inspirados em uma pequena cidade da Itália, o que traz todo um ar romântico para a ambientação das cenas, com paisagens bucólicas e encantadoras potencializadas pelo traço leve e cores vibrantes de Amanda.

“Criei a história inicialmente para participar de um concurso do Tapas (plataforma de publicação de webcomics), depois passei a trabalhar melhor a história e chegamos nessa edição completa”, explica a autora.

A estrutura do mangá terá 192 páginas coloridas em papel offset 90 e capa com orelhas. O formato será 14 x 21 cm e está disponível por R$54,90. Já a versão digital está pelo valor de R$24,90 com 196 páginas. A obra, de volume único, pode ser encontrada na Amazon (ambas as versões), Submarino (apenas físico), Kobo (ebook) e em diversas outras plataformas.

Diferente da webcomic, o mangá incluirá materiais extras inédito como depoimento da autora, comentários sobre processo de criação, inspirações para o desenvolvimento da história e novas tirinhas e ilustrações especiais.

Confira a prévia abaixo:

O Start! é o selo destinado aos artistas que desejam diversificar a publicação de seus trabalhos, usando alguns serviços que uma editora pode fornecer. A curadoria oferecida pela Editora JBC pelo Start é como uma “incubadora”.

O que acharam da obra The Flower Pot estar estreando o novo selo da editora? Comenta com a gente!

Continue Reading

Parceiros Editorias