Connect with us
Avatar

Published

on

Death Stranding chegou ao Playstation 4 no dia 8 de novembro deste ano e já foi indicado ao premio de jogo do ano no The Game Awards com 10 indicações, incluindo claro o de game do ano. Muitas outras criticas colocaram o jogo lá em baixo e disseram que era um game confuso, com uma historia sem sentido e etc, bom o que poderíamos esperar de Hideo Kojima com esse jogo não é pra menos, com uma expectativa lá em cima pude jogar o game e finalizar seu modo historia com muita emoção. O game traz uma questão um pouco politica também, onde mostra um país um pouco dividido após alguns eventos apocalípticos e você tem essa missão de unir aos poucos essa país.

O jogo conta a historia de Sam Porter Bridges (Normam Reedus), um entregador que de forma corajosa tenta unir os Estados Unidos (que agora é chamado Cidades Unidas da América) após um grande evento apocalíptico conhecido como Death Stranding. O game em si tem um proposito com suas entregas, você faz entregas com o proposito de ir unindo cada lugar a UCA, ligando uma rede no qual eles chamam de Rede Quiral através do Q-Pid, que pode unificar todo o país e evitar mais eventos como o Death Strading.

Durante o game descobrimos que Sam tem Doom’s por ele ser um repatriado, ou seja, ele consegue de certa forma sentir quando os EP’S estão próximos com a ajuda de seu BB claro, além disso seu sangue e fluidos corporais podem ser usados como armas eficientes contra esses EP’S. Além dessas entidades temos os Mulas, que são organizações viciadas em roubarem cargas de outras pessoas e esconderem em armários compartilhados, durante a campanha você é designado para recuperar equipamentos de outras pessoas que foram roubados por eles.

A gameplay do game em si é um pouco ruim, você faz entregas, mas com isso as entregas são demoradas de certa forma, em algumas você pode demorar até 40 minutos ou mais, dependendo da região que você vai passar no jogo. Uma questão que torna o jogo interessante e complexo são as EP’s, que são seres que estão presos no mundo dos vivos e não conseguiram partir para o mundo dos mortos. Outro ponto do game que vale ser destacado é que, os jogadores se ajudam durante o game com construções que aparecem para outros jogadores no mapa, isso ajuda e muito em suas entregas.

Death Stranding traz várias referencias seja elas de itens, hologramas e diversas outras que vemos durante o game, duas que mais chamaram a atenção é do energético que o Sam toma em seu quarto privado que é o Monster Energy Drink e o outro é o holograma que traz Aloy do game Horizon Zero Dawn. Um fator muito positivo do game é sua trilha sonora, que convenhamos é fora de série e surreal, porque as vezes ela toca no meio do nada enquanto você está jogando e são varias músicas.

Hideo Kojima traz algo que nunca vimos antes, em termos gráficos o jogo é totalmente impecável, não temos o que reclamar, a jogabilidade não é perfeita mas não é ruim, para você controlar um veiculo é um pouco difícil principalmente quando você passa em terrenos com alguns obstáculos ou aquelas subidas que são difíceis por terem alguns obstáculos.

Aí fizemos a pergunta de que o porque se demora tanto para finalizar a historia principal do game? Simplesmente por ter diversas, mas diversas cutscenes durante o jogo, Kojima não poupou e transformou o game em um filme em formato de jogo, o que é bom sem duvida alguma e que em certos momentos nos faz imergir dentro da historia cada vez mais.

Atores reais foram usados durante o jogo então vemos Mads Milkesen, Normam Reedus, Leia Seydoux, Guillermo del Toro e muitos outros, isso é algo que vem sendo muito usado nos games, vemos como exemplo o The Last of Us que vem na mesma pegada que o do jogo de Hideo Kojima.

Para entender o contexto da historia demora, mas demora muito, para finalizar seu modo historia é um tempo de mais ou menos 30 horas de game, apenas o modo historia sem platinar ou fazer entregas secundarias, estima-se que para platinar deve demorar em torno de 70 a 80 horas ou mais para fazer 100% no jogo, mas após concluir a campanha o game parece se tornar um pouco mais fácil, o que pode te ajudar a platinar o game e fazer o tão sonhado 100%.

O Sr. Kojima acerta em trazer um jogo totalmente revolucionário, apesar do game ter suas dificuldades e suas limitações ele entrega algo inacreditável e viciante, muitas pessoas podem falar que não é o tipo de jogo que elas jogariam, quando vi a primeira gameplay do jogo pensei a mesma coisa e aí viciei e fiquei durante horas e horas zerando o game. Claramente você pode comprar o jogo sem problema algum e jogar em paz, mas preste muita atenção na historia do jogo é importante demais.

Death Strading está disponível somente para PS4 no momento.

Death Stranding

10

Nota

10.0/10

Pros

  • Enredo
  • Trilha Sonora
  • Atores

Cons

  • Jogabilidade

Publicitário, nerd, apaixonado pelo mundo dos games, fascinado pelo mundo do cinema. “Ou se morre como herói, ou vive-se o bastante para se tornar o vilão.”

Advertisement
Comments

e-Sports

LoL | Confira teaser do novo single do grupo K/DA: MORE

Single contará com as vozes já conhecidas de Madison Beer e (G)I-DLE, Lexie Liu, Jaira Burns e Seraphine.

Alexia Menezes

Published

on

lol

Com todas as notícias do novo single do famoso grupo mundial de K-Pop da Riot Games, o hype só aumenta. Nessa sexta-feira (23), a data de lançamento e o teaser oficial do próximo single foram divulgados pelo perfil oficial das K/DA no twitter.

Confira o teaser de MORE, novo single que fará parte do comeback de Ahri, Akali, Evelynn e Kai’sa, e agora, Seraphine.

O teaser mostra um pouco do que já estávamos esperando, Akali como sempre sendo a “bad girl” do grupo e a Evelynn sempre ao seu lado, trazendo uma aura alá BLACKPINK.

Além disso, a Riot ainda divulgou há algumas semanas o EP chamado “All Out”, que contará com cinco músicas e participações especiais de grupos consolidados na indústria e outras artistas, como TWICE e Kim Petras.

MORE contará com as vozes já conhecidas de Madison Beer e (G)I-DLE, Lexie Liu, Jaira Burns e Seraphine e sairá oficialmente no dia 28 de outubro.

Death Stranding

10

Nota

10.0/10

Pros

  • Enredo
  • Trilha Sonora
  • Atores

Cons

  • Jogabilidade
Continue Reading

Games

Designer de Narrativa de Vampire The Masquerade sai do projeto

Cara Ellison, Designer de Narrativa Sênior, é mais uma a deixar a equipe do jogo.

Avatar

Published

on

E os fãs de Vampire The Masquerade podem ficar um pouco apreensivos, pois a Designer de Narrativa Sênior, Cara Ellison, está oficialmente fora do desenvolvimento da continuação do game.

Em agosto desse ano, a Hardsuit Labs e a Paradox Interactive anunciaram que o jogo seria adiado para 2021, uma vez que essa era a melhor forma de atingirem o nível de qualidade desejado para uma continuação que fizesse jus ao primeiro jogo.

Se essa ação demonstra uma tomada de decisão madura por parte dos desenvolvedores, outras polêmicas começam a fazer os fãs questionarem como está o andamento do jogo. Primeiro, em Agosto tivemos as demissões do escrito principal Brian Mitsoda, e do diretor criativo Ka’ai Cluney. Apesar de não ter ido a público o motivo da demissão, muitos acreditam que pode ter sido devido a problemas internos, visto que Mitsoda afirmou que era uma grande surpresa o acontecimento.

Rumores sobre a saída de Cara do projeto começaram quando a designer retirou referências de trabalhar no jogo de seu perfil oficial e passou a constar que era Designer de Narrativa Sênior do League of Geeks.

Após isso, a equipe confirmou em nota a saída da profissional dizendo “Podemos confirmar que Cara Ellison decidiu deixar a Hardsuit Labs e não está mais trabalhando em Vampire: The Masquerade – Bloodlines 2. Cara trouxe ideias frescas para o projeto e muitas de suas contribuições estarão presente no lançamento do jogo no próximo ano. Nós a agradecemos pelo seu trabalho em Bloodlines 2, e desejamos a ela o melhor em seus futuros trabalhos.”

Pelo exposto na carta, é possível que Cara tenha saído da equipe por já ter terminado seu trabalho dentro do jogo e não ter mais com o que contribuir para o desenvolvimento do mesmo, além de parecer ter sido decisão da profissional. Porém, com a notícia de adiamento do jogo e das demissões anteriores, o que se dá a entender é que ainda haviam coisas a serem feitas e que o jogo passa por um momento conturbado em seu desenvolvimento, principalmente quando todos os envolvidos são da área de História e narrativa, além da Paradox não comentar o motivo da saída de todos esses profissionais.

Sem explicações, nos resta torcer para que essas mudanças da equipe não afetem a qualidade do jogo.

Vampire The Masquerade – Bloodlines 2 deverá ser lançado em 2021 para a nova geração de consoles, PS4, Xbox One e PC.

Death Stranding

10

Nota

10.0/10

Pros

  • Enredo
  • Trilha Sonora
  • Atores

Cons

  • Jogabilidade
Continue Reading

Games

Atraso na versão remasterizada do game de Blade Runner

A previsão era pro final de 2020, mas não deve rolar

Avatar

Published

on

O jogo de Blade Runner está para ganhar uma versão remasterizada chamada Enhanced Edition Remastered, a previsão de lançamento seria para o final do ano, porém parece que ele irá levar mais tempo.

A desenvolvedora Nightdive Studios está tendo problemas técnicos para realizar a remasterização. O CEO da empresa, Steven Kick, disse que a culpa seria da “tecnologia antiga” que foi usada para desenvolver o jogo, assim eles estão tendo dificuldades de encontrar o código original do jogo para poderem utilizar.

Em entrevista à Eurogamer, Steven disse também que o código fonte aparentemente fora perdido depois da compra do Studio Westwood pela EA, agora a Nightdive está tendo mais dificuldade para realizar a engenharia reversa no código do game para conseguir realizar a produção do Blade Runner: Enhanced Edition.

Para fazer com que o jogo consiga rodar em todas as plataformas, a desenvolvedora está usando seu próprio código para se aproximar com o do jogo original. Atualmente estão trabalhando na melhora dos gráficos (como mostrado no vídeo acima).

O CEO também disse que a taxa de quadros teve que ser reduzida para 30FPS com um filtro granulado para deixar um ar mais cinemático às cutscenes. Tendo em vista que o jogo é baseado em um filme de futuro apocalíptico neo-noir, faz sentido ter esse visual menos polido.

Blade Runner: Enhanced Edition ainda não tem data de lançamento confirmada.

Death Stranding

10

Nota

10.0/10

Pros

  • Enredo
  • Trilha Sonora
  • Atores

Cons

  • Jogabilidade
Continue Reading

Parceiros Editorias