outriders

Review | Outriders

Game, que está disponível no Game Pass, foi lançado dia 1° de abril.

Com um trailer que nos fazia imaginar um gameplay viciante, que prometia unir que há de melhor em jogos de RPG de ação e tiro em terceira pessoa, Outriders teve uma estreia ofuscada por bugs e problemas de servidor. Mas o jogo é realmente bom?

Para que essa pergunta seja respondida de forma franca, precisamos primeiro analisar alguns pontos do game produzido pela People Can Fly. A empresa, que é responsável pela série Gears of War, entregou trailers de tirar o fôlego e empolgar o público alvo. Mas também trouxe muito da série exclusiva de Xbox para dentro de Outriders.

Lançado dia 1° de abril, o game possui elementos trazidos de muitos outros jogos que já conhecemos: The Division, Rage, Destiny, além do já mencionado. Isso acarreta em falta de personalidade e a sensação de se estar jogando novamente um jogo que é novo para você.

A personalização de personagem é escassa, te dando poucas opções de rostos e corpos tanto para personagens femininos quanto masculinos. A história do protagonista também é um tanto quanto insossa, deixando claro ser apenas um pano de fundo para o shooter de qualidade que entregam.

Outriders já disponível com Xbox Game Pass - Xbox Wire em Português

Ignorando esses pontos, o jogo entrega diversão na medida certa. E sim, mesmo parecendo com outros jogos já consolidados na indústria, Outriders tem uma gameplay ligeiramente diferenciada e bem fluída. Com 4 classes disponíveis (Tecnomante, Piromante, Trapaceiro e Devastador), o fator rejogabilidade é alto, mesmo com uma equipe formada por seus amigos.

Com um sistema de progressão de inimigos conforme sua própria progressão de personagem, o desafio fica maior conforme suas horas de jogatina. Os inimigos ficarão mais fortes, porém suas recompensas também aumentarão de nível.

Mesmo com o gameplay no ponto, o jogo não deixa de ter falhas. Por vezes não consegui me esconder atrás de escombros, as armas de classe não possuem dano considerável e o jogo crashou algumas vezes. Para jogadores mais exigentes, isso pode comprometer a diversão e definir a continuidade no título.

No Xbox Series S rodou cravado em 60fps, e infelizmente o jogo não utiliza o Ray Tracing disponível. O multiplayer apenas consiste em adicionar jogadores à suas missões, a trilha sonora e sons é agradável e bem feita, principalmente em combates. O 2k mostra gráficos bonitos, por vezes com texturas parecidas demais com Gears, mas nada disso o impede de entregar o que havia prometido. O jogo é bom, mas falta um traço de novidade que nos faça chamar de inovador.

Outriders já está disponível para Xbox Series X|S, Xbox One, PS4/PS5, PC e Stadia.

Total
0
Shares
Related Posts
Total
0
Share