Connect with us
João Gabriel

Published

on

A Riot Games, desenvolvedora do mundialmente famoso League of Legends, lançou há alguns meses seu primeiro jogo de FPS tático 5v5, Valorant. E, por ela ser conhecida pelo LoL desde outubro de 2009, sabemos que a base dos lucros são as skins dos seus campeões e muito mais.

Assim, com Valorant, algumas pessoas poderiam esperar que houvesse um mesmo sistema ou algo semelhante, porém, ao invés de ser nos personagens com skills é com as armas que eles portam. Durante as semanas ou os meses que se passam, a Riot anuncia o lançamento de um pacote de skins com algum título, por exemplo o desta vez foi a Edição ULTRA de Valorant: Ancifogo, que já está disponível para compra no momento que você lê este review. Ela consiste em uma skin de dragão basicamente e tem uma textura com as escamas dele por toda a arma e quando o tiro acerta o inimigo podemos ver o efeito do poder do dragão, ela em jogo, que eu pude testar, ficou bem bonita em algumas armas como Vandal, mas não todas, inclusive na Judge ela fica estranha.

Mas, vamos começar pelas skins que não possuem detalhes muito chamativos e somente alguma pintura ou desenho, como a Marshall Galeria, uma sniper média, inferior a Operator e que tem um custo menor. Seu desenho contém bastante flores na parte do gatilho, mira e a traseira da arma. Também temos a sua skin Couture, uma que possui apenas as cores preta (uma das minhas favoritas) e branca, bem bonita. Passamos para a versão Avalanche, que tem uma temática de cor viva, um azul com branco forte, que se mexe bastante, bonita também.

Valorant: Ancifogo

A Stinger, uma das submetralhadoras mais baratas do jogo, e que possui skins lindas como a Aristocrata com um tom dourado, preto e prateado. A Couture, com os mesmos detalhes anteriormente citados e também a classe Soberania, uma das que foi lançada no começo de junho e belíssima também, uma das classes que eu adoraria ter para mais de duas armas pois são lindas mesmo, o visual te prende bastante, mas neste jogo o foco é o inimigo.

Falemos agora da Bulldog, que possui um espaço grande para o encaixe da mão, e que possui as classes Corrida, carregando as cores vermelho, branco e preto em vários lugares. Ela também tem a classe Aristocrata e Couture e possui uma nova, a Convexo, com um verde, preto e branco, e inclusive acho mais bonita que a Couture, pelo fato de ter mais cores, as vezes um jogador gosta bastante disso.

Spectre, uma das armas que mais pina quando não se mata o inimigo de primeira com um belo headshot, junto com a Stinger. Ela possui as classes Luxo, com um azul vibrante, duas listras brancas passando entre a mira e onde se segura na arma e um branco com pouco destaque. A classe Sublime do jogo é uma das minhas favoritas, pois há quatro tipos de skin dela e uma delas tem um detalhe do lobo atrás da mira e que quando matamos um inimigo surte o efeito do lobo onde ele morre e ainda conseguimos ouvir o uivo, um dos modos dos lobos se comunicarem. Além disto, o detalhe da munição sendo colocada é bem bonito e o seu dourado é lindíssimo, uma das partes que eu gosto muito em arma é um tom dourado. Possui as cores azul, branco, dourado. A classe Prasmático é encontrada aqui também, um tom único de skin, um roxo por toda a arma.

Há também a classe Kingdom, onde eu enxergo uma pegada ”hightech” no silenciador, e no restante de toda a arma, um prateado bonito junto com um preto e pequenas partes amarelas. A Spectre também possui as classes Convexo e Avalanche.

Guardian, uma incrível arma que funciona tanto para longo alcance quanto para perto, uma bala na cabeça é fatal. Ela tem as classes Galeria, que nesta não possui nenhuma flor, mas há um desenho diferente de verde com cinza. Para a arma, temos também as classes já conhecidas Sublime, que nela também fica muito lindo, e a Soberania que é outra maravilhosa.

Avalanche: Valorant

Chegamos em uma das armas mais caras do jogo, a Operator, a sniper melhorada e que tem as classes Luxo, Prismático e Convexo. Tanto ela quanto a Marshall são Fuzis de Precisão.

Exitem duas Escopetas no jogo, a Bucky e a Judge, armas que fazem um grande estrago de muito perto e possui a Kingdom (a Judge não tem ela) que não tem os mesmos detalhes que a Stinger e o branco não se tem em muitas partes e a Galeria, que muda aqui mais uma vez, pois seu desenho tem uma cor verde com um preto bem suave e algumas letras. A Judge por sua vez fica muito linda na classe Luxo e a Corrida, e ela possui a Dot Exe e também a Convexa.

Voltemos para os Fuzis, onde temos duas poderosíssimas: Phantom e Vandal. A Galeria na primeira é diferente mais uma vez pois tem o desenho de um coelho branco e uma grande parte vermelha em outro formato. Ela também possui a Corrida, bem colorida, a Prismática que tem um reflexo bem bonito no meio da arma, a Kingdom que se encaixa melhor aqui do que na Spectre e a Avalanche, que também é muito bonita nesta, e eu adoraria ter ela em umas duas armas ou mais. A Vandal, uma das armas que grande parte das skins se encaixa muito bem, ainda mais a Aristocrata, a Luxo que fica muito bonita e eu sempre gostei dela desde o beta, uma Dot Exe, que assim como o nome tem um estética estranha. Avalanche e Sublime também são classes que temos aqui.

Metralhadoras, que temos a Ares e a Odin, ambas com grandes munições e que serve para abrir espaço para quem não quer que o inimigo tenha chance alguma quando mirar. Na primeira temos a Corrida, Aristocrata e Prasmática. Já a Odin, até o momento do jogo só possui uma classe que é a Dot Exe, e só ela, Vandal e a Judge possuem esta.

Agora vem as Armas Leves, aquelas para iniciar a rodada quando não se tem muitos créditos e precisa economizar. Aqui temos a Classic, a arma grátis, que possui as classes Galeria que aqui tem um desenho fraco, a Sublime, a Kingdom que você pode conseguir sem gastar nada somente cumprindo o contrato de Agente, a Avalanche, a Recurso Final, que eu acho sem vida e feia, e a Pistolinha, como é descrita no jogo, e que é mais bonita que a Galeria. Existe a Shortly, uma mini escopeta que consegue um dano absurdo se acertar um tiro ou dois, dependendo da vida do inimigo. E ela possui somente uma skin, Veneno de Cobra, que você consegue cumprindo o contrato de Agente da Viper.

Temos a Frenzy, uma metralhadora de mão, mais de 10 balas. A skin do jogo que SÓ ELA TEM é a Cospe Fogo, que é lindíssima. Temos também a Corrida que se encaixa muito bem nela, a Couture, a outra classe novata Ragnarocker que também é bem bonita e quase se iguala a Cospe Fogo.

A Ghost, arma leve, é uma pistola com silenciador e uma das minhas preferidas para começar rounds ou para usar quando a munição acaba e é preciso matar o inimigo enquanto ele recarrega ou a sua própria munição acaba e você não quer depender da espera. A Luxo cai muito bem nela, assim como a Soberania. Outras skins dela são a Silenciosa, a Soberania, temos a Vingativa – do contrato da Agente Reyna -, a Prismática, Dot Exe, aparecendo pouco mas aqui está ela, a Silencialmas – que você consegue com o contrato do Agente Omen -, e por último temos a Sheriff, uma arma que lembra velho oeste, e que se pegar na cabeça é headshot certeiro. Temos as classes de skin Aristocrata, que cai muito bem nela, a Convexa que também é muito bonita aqui, e algumas novas como a Protektor, Pacificadora, e a Fim de Jogo que fica lindíssima aqui também.

As facas, a Confronto Sublime e a Soberania são as mais belas aqui. A Luxo também consegue este título, enquanto a Prismático e a Kingdom são as médias.

Bom, essa foi a análise de skins do jogo, e ainda devem vir muitas pela frente, espero que gostem do jogo e claro, das belas skins que possuem dentro dele.

Valorant é um jogo para PC desenvolvido pela Riot Games.

Escrevo para a MultversoGeek, jogo bastante Valorant da Riot. Adoro séries ou filmes de terror/suspense, animação também e outras coisas. Gosto de animes.

Advertisement
Comments

e-Sports

Worlds 2020 | LGD e Unicorns of Love avançam para Fase de Grupos

“Essa final separa um time bom de um muito bom” – completou GSTV. Confira os jogos:

Alexia Menezes

Published

on

LGD E UOL mundial 2020

Nesta quarta-feira (30) foi encerrado a fase de entrada do Mundial de 2020, após 5 dias de jogos emocionantes e surpreendentes. Nesta madrugada e manhã, a LGD e a equipe russa Unicorns of Love passaram por cima dos seus adversários, avançaram para a próxima fase e já foram sorteadas nos grupos. Confira os jogos:

LGD 3-0 Legacy

A primeira série do dia foi entre LGD e Legacy, que mesmo com um começo conturbado na Fase de Entradas, mostraram grande melhoria e consistência nos jogos da md5 e não deixaram o time da Oceania respirar. O primeiro jogo já foi marcado pela diferença de escolhas dentro do game, a equipe chinesa arquitetou uma forma da LGC não só não conseguir buscar vantagens, mas na tentativa de fazer algo, falhar miseravelmente.

O segundo jogo já teve mais cara de Legacy no early, mas a equipe da Oceania viu a LGD contestar e dar a volta por cima, tornando a vitória garantida. O terceiro e último jogo da série entre as equipes era a chance da LGC se levantar, mas como foi avaliado pelo GSTV: “Essa final separa um time bom de um muito bom” – completou. A equipe chinesa estava muito mais preparada e não houve duvidas que o 3-0 aconteceria, eles fecharam a série sem dificuldades e levaram a vaga para próxima fase.

Unicorns of Love 3-0 Papara SuperMassive

A segunda série também foi marcada pela equipe russa que mostrou uma campanha sólida na Fase de Entrada e deixou o gostinho que todos sentimos da Albus Nox a quatro anos atrás. O primeiro jogo já aos 15 minutos tinha cara de Unicorns, e mesmo com a SuperMassive conseguindo alguns abates e espaço no mapa, a UOL não deixou chance para eles e levaram a primeira vitória da série.

O segundo jogo fez com que a SuperMassive tirasse os principais carrys Gadget e ele precisou apostar em uma nova forma para se virar. E foi dito e feito, o jogo foi um pouco mais controlado, mas a vitória era certa para a equipe da LCL. O terceiro jogo marcou a vaga direta da UOL para a próxima Fase de Grupos, com um sonoro atropelo na equipe turca.

Veja como ficou a tabela:
Confira as datas dos próximos jogos do Worlds 2020:

Dia 1 – Sábado, 03 de outubro
05h – FlyQuest (LCS) x (LPL) Top Esports
06h – Unicorns of Love (LCL) x (LCK) DRX
07h – Rogue (LEC) x (PCS) PSG Talon
08h – DAMWON Gaming (LCK) x (LPL) JD Gaming
09h – Gen.G Esports (LCK) x (LPL) LGD Gaming
10h – TSM (LCS) x (LEC) Fnatic

O Mundial 2020 fará uma pequena pausa, e volta com a Fase de Grupos no sábado, dia 03 de outubro, às 5h da manhã.

Continue Reading

Call of Duty

Fraternity lança campeonato de MJ

Nova organização chega para o cenário e cria campeonato de MJ com participação de times grandes como FEB e-Sports e GODSENT.

Avatar

Published

on

By

Ela é nova no cenário, vindo de outros jogos como Valorant, Free Fire, CS:GO, e agora no CODM, porém já reúne vários times grandes, dentre eles temos a FEB, GODSENT, BaRD, Raiju e muitos outros. Seu foco por enquanto é apenas no MJ, com chaves de equipe desde o Grupo A até o E.

Com jogos no modo MJ ela é dividida em 5 grupos denominados com as letra do alfabeto, desde o A até o E, em MD3 onde os times competem no modo Localizar e Destruir, e apenas dois de cada grupo passam para a próxima chave. Os jogos irão acontecer nas Segundas, Quartas e Sextas, com até 3 jogos por dia e começando às 19h30.

  Entrevistamos o organizador do evento e fizemos algumas perguntas, dentre elas:

CDL: Quais serão as plataformas que irão transmitir o Camp?

Por enquanto iremos transmitir apenas pelo Youtube, no nosso canal oficial.

CDL: De onde surgiu a ideia de montar a Fraternity?

“A Fraternity foi fundada com a intenção de levar o competitivo para a maior parte do público de E-Sports, conseguimos mesclar uma Associação Competitiva de Games onde organizamos campeonatos em diversos jogos e um time onde temos jogadores que nos representam nos jogos em que atuamos. A idéia do nome Fraternity foi pegada como exemplo as fraternidades dos Estados Unidos cujo o significado é união e irmandade, na área do E-Sports cada aluno dessa fraternidade representa um jogo e assim com vários jogos em união nos tornamos a Fraternity que com muita organização e foco fazemos que o cenário competitivo dos games cresça cada vez mais!

CDL: Vai ter um site com as chaves após o sorteio, para que os times possam conferir elas ou algo do tipo?

Por enquanto iremos divulgar tudo no instagram, com banners de cada equipe e os times poderão tirar dúvidas diretamente com o contato no link da biografia.

A Fraternity é um campeonato que promete muito, o conjunto visual, de design, organizacional, com um PDF explicando tudo sobre o evento, que é enviado para as equipes participantes, e administrativo, que coordena tudo isso, está impecável, e já é esperado muitas novidades para a segunda Season.

Para saber mais sobre o evento e ficar por dentro dos jogos é só seguir eles no instagram e acompanhar as suas postagens!

Continue Reading

e-Sports

LoL | Riot anuncia novas skins Odisseia e de Halloween

Ainda não foi informado se o modo Odisseia irá retornar com a nova linha de skins.

Alexia Menezes

Published

on

odysseya

Nesta terça-feira (29) a Riot Games anunciou mais duas linhas de skins para inclui novas skins para  Aatrox, Amumu, Elise, Fizz, Karma, Kha’Zix, Sivir e Twisted Fate e mais uma skin Hextech para o Kassadin. Além disso, ainda não foi informado se o modo Odisseia irá retornar com a nova linha de skins nem se a Riot continuará fazendo duas fases de skins como aconteceu com a Spirit Blossom e a PsyOps. Confira as novidades:

SKINS

Hextech Kassadin – Skin de Gema

Fizz Pequeno Demônio – 1350 RP

Elise Encantadora – 1350 RP

Príncipe Abóbora Amumu – 1350 RP

Odisséia Aatrox

Odisseia Karma

Odisseia Kha’Zix

Odisseia Sivir

Odisseia Twisted Fate

ÍCONES

Ícones da Karma, Aatrox, Sivir, Kha’Six e Twisted Fate Odisseia.

Ícones com borda + croma da Karma, Aatrox, Sivir, Kha’Six e Twisted Fate Odisseia.

Ícone Odisseia Kayn Croma e ícones PSG Talon e G2 Esports.

Mais informações sobre as skins e uma possível volta do Modo Odisseia em breve.

Continue Reading

Parceiros Editorias