Connect with us
Avatar

Published

on

Diversos usuários do Globoplay, plataforma de streaming da maior emissora da América Latina, foram pegos de surpresa na noite deste sábado (18) quando receberam – via email ou pelo celular – mensagens que os informava sobre o sistema do serviço ter sido hackeado.

Ao clicar no link da notificação pelo celular o usuário acaba sendo direcionado para um site desconhecido. Veja prints da invasão abaixo:



As mensagens foram assinadas pelo grupo OurMine, que se consideram “hackers do bem” e já fizeram o mesmo tipo de invasão em perfis do Esporte Interativo (canal esportivo da Turner), provocam a empresa e citam um endereço de email para contato, com o intuito de “melhorar a segurança” da plataforma. Ambas notificações para os assinantes do Globoplay foram disparadas com a #GloboHack.

Porém, na madrugada de domingo (17), a assessoria do serviço se manifestou através das redes sociais afirmando que somente o sistema de notificações pelo celular (denominado de ‘push notifications’ e gerenciado por uma empresa terceirizada), sofreu a invasão.

Apesar disso, milhares de pessoas já relataram estarem cancelando a assinatura ou excluindo o aplicativo, temendo por seus dados. Assim, tanto a Globo quanto o Globoplay emitiram um comunicado sobre o ocorrido na manhã deste domingo.

Leia a nota na íntegra:

Conforme esclarecemos rapidamente aos usuários, o sistema de envio de push notifications do Globoplay, gerenciado por uma empresa parceira, foi alvo de uma ação de cibervandalismo na noite deste sábado, 16/5. Os invasores enviaram duas mensagens que direcionavam o usuário para o site da organização.

O Globoplay lamentou o incidente, pediu desculpas a todos os seus usuários e esclareceu:

  1. Nenhum sistema da Globo ou do Globoplay foi invadido. A falha de segurança se limitou ao sistema da empresa parceira responsável pelo envio de push notifications;
  2. Nenhuma informação dos usuários, assinantes ou não, foi comprometida. O sistema de push notifications não se conecta com os bancos de dados dos nossos usuários e nem a qualquer outro sistema. Os invasores se limitaram a enviar as mensagens para toda a base, no que se chama tecnicamente de broadcast push, sem que os destinatários tenham sido individualizados.
  3. Não existe qualquer risco em usar o Globoplay, em qualquer plataforma. Não é necessário desinstalar o aplicativo nem trocar senha.
  4. Os usuários devem deletar as notificações cujo texto começa com “Hacked by…”. Essas notificações direcionam o usuário para o site do grupo invasor.
  5. A Globo e o Globoplay levam a segurança de seus clientes e usuários muito a sério. Reconhecemos o inconveniente causado, mas reforçamos: nenhum dado de nossos usuários foi comprometido. O incidente se limitou a um sistema periférico e a uma única conta, já identificada e eliminada.
  6. Vamos trabalhar internamente e junto a nossos parceiros para reforçar medidas de segurança que minimizem os riscos de novos incidentes.

A hashtag Globohack ficou entre os assuntos mais comentados do Twitter.

Advertisement
Comments

cinema

Nomadland | Filme de Chloé Zhao vence o Festival de Toronto

Nomadland, da mesma diretora de Os Eternos, vence no Festival de Toronto.

Davi Alencar

Published

on

Neste último domingo (20), Nomadland consagrou-se como Melhor Filme pelo júri popular do TIFF (Festival Internacional de Cinema de Toronto). Resultado esperado após ele ter ganhado o Festival de Veneza no final de semana anterior.

O longa dirigido por Chloé Zhao (Os Eternos e Domando o Destino) é o primeiro filme na história a vencer o prêmio principal de ambas premiações. Dessa forma, ele chega como um dos favoritos para o Oscar de 2021.

One Night in Miami, estreia de Regina King (Watchmen) na direção, e Beans, da também estreante Tracey Deer, amargaram a segunda e a terceira colocação respectivamente. Um pódio recheado de diretoras.

O alvoroço está no fato de que, nos últimos 8 anos, o ganhador do prêmio do júri popular de Toronto recebeu ao menos uma indicação para o Oscar de Melhor Filme. Em alguns casos, como na premiação de 2018 para Green Book, os canadenses acertaram o até mesmo o vencedor da estatueta dourada.

No ano passado o festival premiou Jojo Rabbit, que, não só foi indicado em 6 categorias (incluindo melhor filme), como também levou para a casa a premiação de melhor roteiro adaptado.

Estrelado por Frances McDormand, Nomadland conta a história de Fern, uma mulher que reúne suas coisas em uma van e parte rumo a uma viagem exploratória, fora da sociedade dominante, após o colapso econômico de uma colônia industrial na zona rural de Nevada (EUA).

O filme apresenta nômades reais como Linda May, Swankie e Bob Wells como mentores e companheiros de Fern em sua jornada pela vasta paisagem do oeste americano.

O longa tem estreia marcada para 4 de dezembro na América do Norte. Infelizmente, ainda não há nenhuma previsão de lançamento no Brasil.

Continue Reading

cinema

Your Name | Adaptação live-action encontra seu diretor

Longa irá adaptar o anime lançado em 2016 no Japão.

Avatar

Published

on

E a adaptação com atores reais de Your Name (Kimi no Na wa) enfim encontrou seu diretor: segundo o Deadline, o cineasta Lee Isaac Chung (Minari) foi o escolhido pela Paramount para escrever e dirigir o longa. Chung irá trabalhar a partir de um roteiro escrito por Eric Heisserer (A Chegada).

JJ Abrams (Star Wars) será um dos produtores – por meio da sua produtora, a Bad Robot – juntamente com Genki Kawamura, que produziu a animação original. A Toho cuidará da distribuição do filme no Japão, enquanto que a Paramount será responsável em todos os outros territórios.

Nesta versão reinventada do anime, dois adolescentes descobrem que estão trocando de corpo de maneira mágica e intermitente. Quando um desastre ameaça destruir suas vidas, eles devem viajar para encontrar e salvar seus respectivos mundos. O longa animado foi lançado originalmente em 2016 e foi um dos grandes sucessos do cinema japonês na época, arrecadando US$ 303 milhões somente em seu país de origem.

Outras informações sobre a produção, como elenco ou início de gravações, não foram divulgadas até o momento. A data de lançamento do filme também não foi revelada.

O anime de Your Name está disponível na Netflix.

Continue Reading

cinema

Mulan pode ter arrecadado US$ 260 milhões com lançamento no Disney+

Dados de analistas apontam que 29% dos assinantes da plataforma adquiriram o longa.

Avatar

Published

on

Apesar das críticas recentes, algumas informações dão conta de que o Disney+ pode ter arrecadado uma bela quantia com a ida de Mulan para a plataforma via on-demand. Analistas relataram para o Yahoo! que cerca de 29% dos assinantes – no momento, por volta de 9 milhões de lares – adquiriram o longa no valor de 30 dólares. Assim, o remake poderia ter arrecadado US$ 261 milhões somente nos EUA.

Em comparação com filmes que entraram somente no circuito de cinemas tradicionais, a estratégia parece ter sido a mais acertada para a empresa: Tenet, o novo filme de Christopher Nolan, obteve US$ 29,5 milhões no mesmo período de tempo, por exemplo. Entretanto, a nova produção da Disney está com dificuldades em arrecadar uma boa bilheteria na China – um dos principais mercados para o lançamento. Na estreia em território chinês, onde os cinemas foram reabertos, o live-action somou somente US$23,2 milhões.

Roteirizado por Rick Jaffa, Amanda Silver, Elizabeth Martin e Lauren Hynek, a produção comandado pela diretora Niki Caro (Encantadora de Baleias) tem a atriz chinesa Liu Yifei na versão em carne e osso da protagonista. Jet Li (Os Mercenários) é o Imperador da China, enquanto que Donnie Yen (Rogue One) interpreta Tung – um mentor e professor da heroína – e Gong Li (Memórias de Uma Gueixa) encarna uma nova vilã feiticeira. Utkarsh Ambudkar, de A Escolha Perfeita, e Ron Yuan (Marco Polo) também estão no elenco.

Assim como no original, o épico irá mostrar a jornada da jovem destemida que se disfarça de homem para combater (no lugar de seu pai) os guerreiros vindos da Mongólia, que invadiram o norte da China. Entretanto, esta adaptação seguirá um tom mais sóbrio e ‘realista’ do que a animação, fugindo de elementos cômicos e musicais vistos neste último, o que despertou a ira de alguns fãs do desenho.

Mulan está disponível no Disney+ via on-demand.

Continue Reading

Parceiros Editorias