Connect with us

cinema

X-Men: Fênix Negra – O maior fracasso da história da franquia

Disney culpa o longa por faturamento problemático.

Ígor Howtelaire

Published

on

A CFO (Chefe do Setor Financeiro) da Disney, Christine McCarthy teve que justificar para investidores o fraco relatório de lucros da empresa. Sua resposta para tal problema foram as atividades cinematográficas do estúdio recentemente comprado pela companhia, a 20th Century Fox; incluindo o fracasso do mais recente filme da produtora, X-Men: Fênix Negra.

De acordo com McCarthy, a Fox trouxe consigo um prejuízo de milhões, e grande parte foi impulsionado pelo já comentado filme do grupo de mutantes que custou US$ 350 milhões para ser produzido e arrecadou apenas US$ 252,4 milhões em todo o mundo. Futuros lançamentos e despesas de desenvolvimento também colaboraram para o dano financeiro.

Nas atualizações em um relatório é revelado que a Disney cortou o orçamento de marketing de Fênix Negra e demitiu a equipe mais familiarizada com o filme antes que a publicidade pudesse pagar; assim mostrando novos dados de que uma parcela da culpa pelo fracasso do longa também é da empresa proprietária do estúdio.

Simon Kinberg, roteirista e diretor da obra deu a seguinte declaração para o Kim Masters da KCRW:

“É claramente um filme que não se conectou com o público que não o viu e não se conectou o suficiente com o público que o viu. Então, isso é comigo”… “Adorei fazer o filme e amei as pessoas com quem fiz o filme”

Agora basta esperar que essa longínqua franquia ganhe um novo rosto no universo cinematográfico da Marvel  

Comments