Connect with us

cinema

Critica | Mulan “Arrastado, sem emoção, previsível e mal scriptado”

“Entediado na quarentena? Não sabe como passar o tempo? Mulan saiu pra VO-CÊ! Não que o tédio vá passar, mas ao menos você pode olhar pra tela, ao invés do teto.”

Thalita Heiderich

Published

on

Entediado na quarentena? Não sabe como passar o tempo? Mulan saiu pra VO-CÊ! Não que o tédio vá passar, mas ao menos você pode olhar pra tela, ao invés do teto.

Dirigido por Niki Caro, Mulan é o mais novo Live Action da Disney, que tirou os últimos anos pra nos decepcionar com todas as suas adaptações de sucessos do passado.

Baseado nos contos chineses da guerreira Mulan e na animação de 1998, o filme conta a história de Mulan (Liu Yifei), uma mulher corajosa e diferente dos padrões chineses antigos, que aceita o chamado para o exército imperial se passando por homem, para poupar a vida de seu pai.

Quando o filme foi anunciado, houve muito falatório, pois a Disney informou que não seria um musical e não contaria com o alívio cômico e grande personagem Mushu, para “ser mais real e agradar ao público Chinês”. Bem, tenho novidades pra vocês… Ficou uma b****!!

É impossível não comparar os dois filmes, visto que um é espirituoso, divertido e bem executado, e o outro… bem, é esse negócio aí que eu acabei de ver. Não bastasse isso, ele está sofrendo boicote na China, pois a atriz principal fez declarações pró brutalidade policial em suas redes sociais.

Colocando comparações e tretas de lado, o filme é bom? Olha… Ele é bonito… quando o chroma key não ta escancarado.

Algumas cenas são lindíssimas, e isso é graças à fotografia de Mandy Walker (Estrelas Além do Tempo, Austrália). Eeeee acabou o que eu tinha de positivo pra dizer. Mentira, tem o Jet Li também. Agora acabou.

Com meia hora a mais do que deveria ter, o filme arrasta um plot simples com zero emoção. Lembra a cena da Mulan cortando o cabelo e decidindo tomar o lugar do pai? Lembra daquela emoção? Lembra? Então guarda ela na cabeça, porque aqui ela segura uma espada e já corta pra ela vestida saindo de casa. ZEEEEEEEEEEEEEEEEEERO emoção pra um dos momentos mais importantes da história.

Por falar em momentos que não aparecem em cena, os personagens agora tem teletransporte (só pode). Corta a cena e já estão em outro lugar fisicamente impossível de chegar no curto espaço de tempo do corte.

Me incomodou muito o pessoal no período imperial chinês falando inglês com sotaque. Principalmente as crianças. Mas aí num dá pra criticar tanto, todo filme dublado vai passar pela mesma situação. (Mas no fundo eu queria o povo falando mandarim).

Existem dois vilões dessa vez. Uma mulher super poderosa e um homem covarde… mas é homem. A apresentação e desenvolvimento deles em tela é fraquíssimo e você até esquece que eles trabalham juntos. Muito mal utilizados no plot, são responsáveis por vários furos de roteiro, mas claramente a Disney não espera mais que o público pense e reflita em seus filmes… A não ser que seja aquela mensagem final lá que ela te entrega umas 3x só pra ver se você entendeu mesmo.

Com o avanço da tecnologia e o entendimento de que muitas de suas obras são preconceituosas e machistas, a Disney está tentando agradar a todos e concertar os erros do passado. Em prol disso, ela não explora mais suas habilidades intelectuais e tem criados filmes mornos, contidos, comportados e sem sangue.

Lamento muito dizer que uma história tão bonita, feminista, protagonizada por mulher, escrita majoritariamente por mulheres e dirigida por mulher traga um resultado tão morno. Sinto dedos de gente grande contendo essa história, o que é um desperdício de talento.

O terceiro ato chega atrasado, mas dá um pouco de vida, com suas lutas, que só não causam um impacto maior pois o filme é para menores de idade.

Arrastado, desprovido de emoção, previsível, mal scriptado, mas com umas cores bonitas e o Jet Li. Ponto.

Recomendo fortemente mostrar o filme original às crianças que ainda não viram. E reveja ele também, aí sim a sua quarentena vai ganhar mais vida.

Mulan esta disponível no Disney + nos EUA.

Mulan

5

Nota

5.0/10

Pros

  • Filme novo pra ver. Do mais… esse filme passa batido.

Cons

  • Roteiro fraco.
  • Mensagem mal passada
  • Trocaram o Mushu por uma pipa de Fênix
  • Cena clichê de asa abrindo

Carioca viciada em séries, filmes do drama ao terror gore. Rabiscadora de livros, nerd, míope e ouvinte de podcast com a cabeça na janela do ônibus.

Advertisement
Comments

cinema

Your Name | Adaptação live-action encontra seu diretor

Longa irá adaptar o anime lançado em 2016 no Japão.

Avatar

Published

on

E a adaptação com atores reais de Your Name (Kimi no Na wa) enfim encontrou seu diretor: segundo o Deadline, o cineasta Lee Isaac Chung (Minari) foi o escolhido pela Paramount para escrever e dirigir o longa. Chung irá trabalhar a partir de um roteiro escrito por Eric Heisserer (A Chegada).

JJ Abrams (Star Wars) será um dos produtores – por meio da sua produtora, a Bad Robot – juntamente com Genki Kawamura, que produziu a animação original. A Toho cuidará da distribuição do filme no Japão, enquanto que a Paramount será responsável em todos os outros territórios.

Nesta versão reinventada do anime, dois adolescentes descobrem que estão trocando de corpo de maneira mágica e intermitente. Quando um desastre ameaça destruir suas vidas, eles devem viajar para encontrar e salvar seus respectivos mundos. O longa animado foi lançado originalmente em 2016 e foi um dos grandes sucessos do cinema japonês na época, arrecadando US$ 303 milhões somente em seu país de origem.

Outras informações sobre a produção, como elenco ou início de gravações, não foram divulgadas até o momento. A data de lançamento do filme também não foi revelada.

O anime de Your Name está disponível na Netflix.

Mulan

5

Nota

5.0/10

Pros

  • Filme novo pra ver. Do mais… esse filme passa batido.

Cons

  • Roteiro fraco.
  • Mensagem mal passada
  • Trocaram o Mushu por uma pipa de Fênix
  • Cena clichê de asa abrindo
Continue Reading

cinema

Mulan pode ter arrecadado US$ 260 milhões com lançamento no Disney+

Dados de analistas apontam que 29% dos assinantes da plataforma adquiriram o longa.

Avatar

Published

on

Apesar das críticas recentes, algumas informações dão conta de que o Disney+ pode ter arrecadado uma bela quantia com a ida de Mulan para a plataforma via on-demand. Analistas relataram para o Yahoo! que cerca de 29% dos assinantes – no momento, por volta de 9 milhões de lares – adquiriram o longa no valor de 30 dólares. Assim, o remake poderia ter arrecadado US$ 261 milhões somente nos EUA.

Em comparação com filmes que entraram somente no circuito de cinemas tradicionais, a estratégia parece ter sido a mais acertada para a empresa: Tenet, o novo filme de Christopher Nolan, obteve US$ 29,5 milhões no mesmo período de tempo, por exemplo. Entretanto, a nova produção da Disney está com dificuldades em arrecadar uma boa bilheteria na China – um dos principais mercados para o lançamento. Na estreia em território chinês, onde os cinemas foram reabertos, o live-action somou somente US$23,2 milhões.

Roteirizado por Rick Jaffa, Amanda Silver, Elizabeth Martin e Lauren Hynek, a produção comandado pela diretora Niki Caro (Encantadora de Baleias) tem a atriz chinesa Liu Yifei na versão em carne e osso da protagonista. Jet Li (Os Mercenários) é o Imperador da China, enquanto que Donnie Yen (Rogue One) interpreta Tung – um mentor e professor da heroína – e Gong Li (Memórias de Uma Gueixa) encarna uma nova vilã feiticeira. Utkarsh Ambudkar, de A Escolha Perfeita, e Ron Yuan (Marco Polo) também estão no elenco.

Assim como no original, o épico irá mostrar a jornada da jovem destemida que se disfarça de homem para combater (no lugar de seu pai) os guerreiros vindos da Mongólia, que invadiram o norte da China. Entretanto, esta adaptação seguirá um tom mais sóbrio e ‘realista’ do que a animação, fugindo de elementos cômicos e musicais vistos neste último, o que despertou a ira de alguns fãs do desenho.

Mulan está disponível no Disney+ via on-demand.

Mulan

5

Nota

5.0/10

Pros

  • Filme novo pra ver. Do mais… esse filme passa batido.

Cons

  • Roteiro fraco.
  • Mensagem mal passada
  • Trocaram o Mushu por uma pipa de Fênix
  • Cena clichê de asa abrindo
Continue Reading

cinema

Filmagens de Batman foram retomadas no Reino Unido

Não há notícias, no entanto, de que Robert Pattinson voltou ao set.

Avatar

Published

on

Ao que tudo indica, as gravações de Batman foram retomadas no Reino, de acordo com informações obtidas pelo Deadline. As filmagens haviam sido interrompidas há 15 dias, quando Robert Pattinson – que protagoniza o longa – foi diagnosticado com o coronavírus. Não há, até o momento, notícias de que o ator se recuperou e está de volta ao set.

O novo filme, dirigido pelo cineasta Matt Reeves (Planeta dos Macacos), mostra o mascarado em seu segundo ano como vigilante e está tentando resolver uma série de assassinatos misteriosos. O elenco de Batman terá Pattinson no papel-título, Zoë Kravitz  (Big Little Lies) como a Mulher-Gato, John Turturro (de O Grande Lebowski e Transformers) como o mafioso Carmine Falcone e Paul Dano (Sangue Negro) como o vilão Charada. Jeffrey Wright, o Bernard de Westworld, será o Comissário James Gordon, Colin Farrell (Dumbo; Animais Fantásticos) como Pinguim e Andy Serkis (Pantera Negra) viverá Alfred Pennyworth, mordomo e tutor do bilionário Bruce Wayne.

Batman chega aos cinemas em 2021.

Mulan

5

Nota

5.0/10

Pros

  • Filme novo pra ver. Do mais… esse filme passa batido.

Cons

  • Roteiro fraco.
  • Mensagem mal passada
  • Trocaram o Mushu por uma pipa de Fênix
  • Cena clichê de asa abrindo
Continue Reading

Parceiros Editorias